PicPay abre inscrições para programa de estágio

PicPay abre inscrições para programa de estágio

O PicPay, maior aplicativo de pagamentos do País, lança nesta terça-feira (15) seu primeiro programa de estágio. São 50 vagas para atuar na cidade de São Paulo e 50% delas serão direcionadas preferencialmente a grupos minorizados, com o objetivo de incentivar e ampliar a diversidade do time. As inscrições devem ser feitas online até 22 de fevereiro.

O programa, que recebeu o nome ‘Impulsionar’, tem o objetivo de incentivar a jornada profissional e a aprendizagem entre os estagiários. O estágio terá 18 meses de duração, com início previsto para abril, e as vagas são para as áreas de tecnologia, serviços financeiros, produto, análise de dados, recursos humanos, marketing, entre outras.

Para participar, o estudante deve cursar graduação nas áreas de humanas, exatas, e tecnologia, e precisam estar entre o segundo e o penúltimo ano da formação. O PicPay busca candidatos alinhados aos seus valores, apaixonados por tecnologia e inovação e que gostem de propor soluções e novas ideias ao negócio.

Após a inscrição, os candidatos passarão por um processo seletivo feito por uma consultoria especializada e, em seguida, os selecionados terão uma última etapa, que consiste na entrevista com o gestor da área.

Incentivo à formação de talentos

Além do programa de estágio, o PicPay, em parceria com a Kenzie Academy, está com inscrições abertas para um curso de programação gratuito. São 50 mil vagas e pessoas de todo o Brasil podem participar da iniciativa, que busca formar talentos para ingressarem na área de tecnologia. Serão quatro aulas com transmissão ao vivo entre 21 e 24 de fevereiro.

Os alunos vão aprender sobre o mercado de tecnologia e o básico de HTML, CSS e JavaScript. Como forma de promover a diversidade, mulheres, pessoas com deficiência (PCD), pessoas negras ou que se identifiquem como LGBTQIA+ vão concorrer, ao final do curso, a três bolsas no valor de R$ 5 mil na carteira PicPay para complementar sua formação na Kenzie.

Comments are closed