Americanas é e-commerce que mais se destacou nas mídias digitais na Black Friday

Americanas é e-commerce que mais se destacou nas mídias digitais na Black Friday

A Cortex, referência em inteligência de dados para comunicação estratégica e reputação, analisou, pelo segundo ano consecutivo, a exposição dos e-commerces mais acessados do Brasil durante a semana da Black Friday, de 21 a 27 de dezembro. A Lojas Americanas, que havia ficado em 15º lugar em 2021, passou para a liderança do ranking este ano, com 12,12 pontos. Em segundo lugar está a Amazon, que também subiu posições em relação ao ano passado, quando ficou em 11º lugar.

O Diretor de Inovação da Cortex, Claudio Bruno, explica que a Americanas se destacou entre as outras marcas pois apostou no que realmente chama a atenção do consumidor brasileiro. “A Americanas começou as campanhas de Black Friday antes das outras marcas, ainda no início do mês. A marca conseguiu reunir influenciadores, ofertas e muito entretenimento, e tudo com muito foco nas redes sociais. As “super lives” realizadas pela empresa trouxeram nomes que conversam muito bem com o público, como os ex-BBBs Camilla de Lucas, Gil do Vigor, Bianca Andrade e Ana Clara, além Felipe Neto e Gkay”.

A Shoppe, que liderou o ranking no último ano, caiu para a 9ª posição este ano. Já a Magalu fez o caminho inverso. Em 10º lugar no ano passado, a marca subiu algumas posições e hoje ocupa a 5ª colocação.

O estudo analisou a exposição dos e-commerces mais acessados do Brasil, levando em consideração as marcas que tiveram uma melhor reputação nas mídias digitais na semana da Black Friday, e chegou a um top 30. Foram analisadas a quantidade de menções versus a qualidade da exposição, obtendo como resultado um índice. Durante os últimos 7 dias foram monitorados veículos de imprensa digitais de cobertura nacional, especializada e regional, além das menções dos influenciadores nas redes sociais.

As menções às marcas foram analisadas em relação ao sentimento, sendo classificadas como conteúdos promotores, quando a marca aparece de forma positiva, e detratores, quando a marca é citada de forma negativa. A partir disso foi criado o Índice Cortex PR.

Comments are closed