SolarVolt Energia constrói usina de 1.562 kWp no Shopping ParkJacarepaguá, no RJ

SolarVolt Energia constrói usina de 1.562 kWp no Shopping ParkJacarepaguá, no RJ

SolarVolt Energia, maior integradora solar de Minas Gerais e uma das principais do país, construiu uma usina em telhado com 3.510 módulos fotovoltaicos e potência instalada para gerar 1.562 kWp ao ano no Shopping ParkJacarepaguá, localizado na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

O empreendimento possui capacidade para abastecer cerca de 360 casas com consumo de 500 kWh/mês e entrou em operação em dezembro de 2021. Segundo projeções da SolarVolt, hoje, o valor médio gasto para um projeto desta proporção é de 5 a 6 milhões de reais, com retorno de investimento estimado em aproximadamente 5 a 6 anos.

Este é o terceiro projeto da integradora em shopping centers. O primeiro foi realizado no Shopping Oiapoque, em Belo Horizonte (MG). O empreendimento conta com 144 módulos e gera 37,44 kWp de energia ao ano. O segundo é o Shopping Pedrosa, localizado em Ouro Preto, com capacidade instalada de 174,87 kWp.

“A energia é um dos principais custos operacionais de um empreendimento comercial. Neste contexto, a energia solar vem se tornando uma opção cada vez mais interessante para o setor de shopping centers que pode melhorar a atratividade do empreendimento para os locatários que recebem o benefício de uma taxa de condomínio mais barata ou até um valor de energia mais barato que o da distribuidora de energia”, comenta Gabriel Guimarães, sócio-fundador e diretor Comercial da SolarVolt Energia.

Conforme o especialista, isso acontece por uma série de fatores, com destaque para:

  • A energia solar proporciona uma alta economia nas contas;
  • Protege as empresas dos aumentos tarifários;
  • Oferece aos empreendimentos uma vantagem competitiva e um marketing verde positivo para o empreendimento e;
  • Permite que os proprietários de shoppings centers reduzam sua pegada de carbono.

Além disso, os sistemas fotovoltaicos possuem baixa necessidade de manutenção, longa vida útil (de 25 a 30 anos), tem possibilidade de expansão e um design inovador com possibilidade de instalação em diversas áreas, aponta a SolarVolt.

Comments are closed