Hashdex detém 77% dos investidores do mercado de ETFs cripto no Brasil

Hashdex detém 77% dos investidores do mercado de ETFs cripto no Brasil

A Hashdex, maior gestora de cripto da América Latina, informa que detém 77% dos investidores do mercado brasileiro de ETFs cripto. Ao todo, 233,4 mil pessoas investem em ETFs de criptomoedas no país. Deste total, 179,9 mil aportam recursos nos produtos da Hashdex. Os dados foram divulgados pela bolsa brasileira (B3) em seu último boletim mensal e podem ser conferidos neste link.
 

Atualmente, a Hashdex disponibiliza cinco ETFs na bolsa brasileira: HASH11, que investe numa cesta de ativos que buscam representar o melhor do mercado cripto; BITH11, um produto 100% bitcoin verde; DEFI11, que aposta no disruptivo mercado de finanças descentralizadas; ETHE11, um fundo que investe somente em ethereum; e, por fim, o recém lançado WEB311, que aporta recursos nas principais plataformas de contratos inteligentes (smart contracts) do mundo. Em março, a B3 chegou ao total de oito ETFs cripto disponíveis para investidores.
 

Entre os produtos de cripto inseridos na bolsa brasileira, o maior destaque é o HASH11 – que possui o total de 149,4 mil cotistas. O montante o coloca em segundo lugar no ranking geral de ETFs da B3. Acima dele está apenas o IVVB11, que replica o S&P 500 e conta com mais de 180 mil investidores.

Comments are closed