Tag TOTVS

Black Friday 2020: Novo comportamento dos consumidores exigem mudanças no varejo

Por Elói Assis, diretor de varejo e distribuição da TOTVS

Está chegando um dos momentos mais esperados para os varejistas: a Black Friday, que em 2020 acontecerá em 27 de novembro. Neste ano, no entanto, o varejo está navegando em território desconhecido, devido às mudanças e incertezas na economia global causadas pela pandemia do Covid-19 e o fato de que esse período de isolamento encadeou uma série de mudanças no comportamento do consumidor, que vão da forma como ele se relaciona com a marca, aos critérios que ele considera para fazer uma compra e passando por um aumento significativo da participação da Internet nas vendas. Online virou a bola da vez e é a grande aposta do momento. E para quem ainda não se adaptou, a hora é agora.

Mas afinal, o que mudou? Com as lojas físicas fechadas é natural que as compras tenham migrado para o varejo online. Mesmo os consumidores que não estavam acostumados com compras pela internet, tiveram que adaptar seus hábitos e começaram a comprar por e-commerces e marketplaces, inclusive produtos essenciais. Costumo dar como exemplo a minha mãe, que começou a fazer compras de supermercado pela categoria “compre e retire” e ficou encantada pela facilidade. Ela não pretende voltar atrás, mesmo após o fim da pandemia. Segundo a revista Forbes, a penetração do varejo online foi acelerada em 4 a 6 anos devido a pandemia.

Dados do índice MCC-ENET – desenvolvido pelo Comitê de Métricas da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (camara-e.net), em parceria com o Movimento Compre & Confie – mostram que as vendas do setor mais que dobraram em junho de 2020. Em comparação ao mesmo período do ano passado, a alta foi de 110,52%.

Ainda de acordo com o estudo, a expectativa é de um aumento de 80% das vendas durante a Black Friday de 2020, em comparação a 2019. A grande questão é como preparar a sua operação para dar vazão a esse evento e aproveitar ao máximo as oportunidades de negócios.

Quando o assunto é abastecimento, é importante tratar seu estoque de forma verdadeiramente omnichannel, considerando o que está disponível nos ambientes físicos e digitais. Essa prática garante a disponibilidade dos produtos independente do canal escolhido pelo cliente, além de trazer o benefício de poder utilizar estoques mais próximos do cliente final. É o fim dos prazos longos de entrega, já que cada loja passa a ser considerada um centro de distribuição.

Já no âmbito da tecnologia, avalie muito bem a infraestrutura disponível. Caso você gerencie seus próprios ambientes on premise, certifique-se que tem capacidade para suportar um fluxo tão mais alto, além de ter alternativas para crescer rapidamente, caso a previsão de demanda se mostre subdimensionada. Considere as plataformas de SaaS (Software como Serviço), disponíveis em nuvens públicas, que nessas horas podem fazer toda a diferença entre assegurar a disponibilidade sem altos investimentos iniciais.

Com relação às ofertas, pode parecer clichê, mas não tente maquiar a estratégia “leve pela metade do dobro”, subindo os preços para depois dar descontos falsos. Os consumidores estão cada vez mais antenados e valorizam empresas que trabalham com transparência. Portanto, não comece esse relacionamento com mentiras, pois a confiança é algo que é fácil de perder e muito difícil de recuperar. É muito melhor pensar em estratégias factíveis, como frete grátis, brindes e agregação de serviços, do que dar um desconto enganoso e arriscar perder a credibilidade daquele cliente.

Por fim, lembre-se da análise de fraude, pois é algo que nessa época aumenta muito. Quando a compra é online, sem ter o cartão fisicamente presente na maquininha, quem fica com o prejuízo caso o dono do cartão não reconheça uma venda (o famigerado chargeback) é do varejista, que termina sem o produto e sem o dinheiro.

Costumo dizer que a missão do varejista só acaba quando o produto chega na casa do cliente e ele está totalmente satisfeito com aquela compra. Seja no ambiente online ou físico, uma venda de sucesso passa por diversos processos, do backoffice ao carrinho de compra ou PDV, então garanta que não fique nenhuma ponta solta e aproveite para surfar nessa onda positiva que esperamos para essa Black Friday 2020, que será como nenhuma outra até então.

Fonte da Forbes:

KOESTIER, John. COVID-19 Accelerated E-Commerce Growth ‘4 To 6 Years’. FORBES. Disponível em Acessado em: 31 ago. 2020

Tags, , , ,

TOTVS abre 300 vagas em 11 cidades brasileiras para profissionais de TI e outras áreas

A TOTVS, maior empresa de tecnologia do Brasil, anuncia a abertura de 300 vagas de emprego voltadas para a área de TI. As vagas já estão abertas, com oportunidades em 10 cidades do Brasil: Assis (SP), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Cascavel (PR), Goiânia (GO), Joinville (SC), Porto Alegre (RS), Ribeirão  Preto (SP), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP) e Salvador (BA).

A maior parte das vagas disponíveis são voltadas para profissionais de tecnologia de diversos níveis e áreas de conhecimento, como desenvolvimento de software, infraestrutura, ciência de dados e agilidade, mas também existem oportunidades nas áreas de marketing, suporte, vendas e UX (User Experience).

Neste primeiro momento, a empresa irá realizar todas as entrevistas, bem como receber os novos contratados de maneira online, com direito a integração com os colegas feita de maneira remota e ao vivo. As atividades presenciais nos escritórios devem retornar de forma gradual.

“Na TOTVS, a ousadia e a transformação fazem parte da nossa rotina. Ainda que diante de um cenário complexo, como o trazido pela pandemia do novo coronavírus, continuamos integrando novos profissionais, ainda que de forma remota, para tornar nossos times ainda mais fortes e robustos”, comenta Izabel Branco, vice-presidente de RH da TOTVS. 

As informações sobre cada uma das vagas, bem como as inscrições, devem ser feitas pelo site: https://totvs.gupy.io/

Tags, ,

TOTVS apresenta solução de inteligência artificial para RH

A TOTVS, líder brasileira no desenvolvimento de software de gestão, apresenta mais uma solução da Carol, plataforma de dados e inteligência artificial da companhia, dessa vez para atender necessidades da área de RH. A plataforma Carol Clock-In permite que funcionários façam registro de ponto por meio de reconhecimento facial.

Criada no TOTVS Labs, unidade de pesquisa e inovação da empresa que possui presença nos Estados Unidos e no Brasil, a solução Carol Clock-In permite que o ponto eletrônico seja registrado, a partir de um app no smartphone, por meio de uma tecnologia de escaneamento digital da face dos colaboradores e processamentos de deep learning, que identificam o funcionário em frações de segundos, e tudo isto sem que o dispositivo esteja conectado a internet.

“A solução foi desenvolvida a partir de uma necessidade que, aparentemente, é algo bastante simples: fazer com que funcionários registrem o ponto eletrônico em áreas remotas, isso é muito comum com profissionais de vendas ou que trabalham no campo, por exemplo”, afirma Vincent Goetten, diretor do TOTVS Labs.

A ferramenta usa geolocalização e o registro pode ser feito de forma online ou offline, o que é ideal para os locais remotos, onde a conexão de internet é escassa. Desta forma, a marcação do ponto é sincronizada automaticamente assim que o dispositivo se conecte à internet.

“A inteligência artificial e machine learning da Carol permitem que o app funcione cada vez melhor, já que, a cada reconhecimento feito, mais dados do rosto de cada colaborador são coletados, tornando o app mais rápido e eficaz”, completa Goetten.

A Carol Clock-In possui ainda um sistema antifraudes, que consegue impedir que o ponto seja registrado a partir de uma foto, por exemplo. A solução funciona totalmente em nuvem, não armazenando nada no smartphone ou tablet que fizer o registro. O comprovante de ponto gerado é enviado por SMS ou e-mail, em um arquivo com certificado digital, protegido contra modificações.

Para garantir que os registros de ponto não sofram qualquer alteração manual, protegendo as horas de trabalho, a Carol Clock-in faz o registro das informações de batida de ponto no blockchain. “Os clientes podem optar por ativar esta funcionalidade adicional que garante a imutabilidade dos dados e facilita a rastreabilidade independente de sistema. O protocolo escolhido para isso foi o da Blockchain, por ser o mais seguro e de público acesso”, afirma Goetten.

Além da versão que permite que o próprio colaborador tire uma “selfie” e registre o início e término de suas atividades, existe a opção de quiosque do Clock-In, um dispositivo fixo na própria empresa para marcação de ponto por reconhecimento facial. Esse registro pode também ser realizado por um QR Code, que serve como um crachá de cada colaborador.

Para mais informações, acesse: https://www.carol.com/pt/

Tags, , ,

TOTVS anuncia aquisição da Supplier por R$ 455,2 milhões

A TOTVS – líder brasileira no desenvolvimento de software de gestão – anuncia a aquisição da Supplier, empresa focada em crédito B2B, entre clientes e fornecedores. A compra, no valor de R$ 455,2 milhões, vai permitir que a empresa acelere a estratégia de criar Novos Mercados, em particular em Techfin. Mauro Wulkan e Eduardo Wagner, fundadores da companhia adquirida, seguem como gestores e acionistas, com 11,2% do capital.

Trata-se da primeira aquisição realizada pela TOTVS após a captação de mais de R$ 1 bilhão com o follow-on (oferta subsequente de ações primárias), realizado em maio deste ano. Na compra anunciada hoje, foram adquiridas ações que representam 88,8% do capital social da Supplier.

“A partir da compra da Supplier vamos avançar ainda mais na estratégia de criação de Novos Mercados. Desde o início do ano construímos uma estrutura de Techfin, que começou a operar em pagamentos, através da parceria com a Rede. A partir dessa aquisição, passaremos também a oferecer crédito B2B, com foco nas pequenas e médias, em especial nas relações entre clientes e fornecedores. Esta é uma relação recorrente. Portanto, mais estável e previsível.

Desta forma, o custo desta modalidade é estruturalmente mais eficiente, permitindo a ampliação, a simplificação e o barateamento do acesso ao crédito pelas empresas.

É um formato único e inovador”, afirma Dennis Herszkowicz, presidente da TOTVS. “Vale destacar que a Supplier tem bastante sinergia de negócios com a TOTVS, uma vez em que já atua em setores da economia onde temos forte presença, como manufatura, logística, agro e distribuição.

A Supplier vem reforçar a estratégia de Techfin da TOTVS, criada com o objetivo de simplificar, ampliar e baratear o acesso dos clientes a crédito e a demais serviços financeiros. Ao longo dos próximos meses, a TOTVS e a Supplier irão desenvolver uma plataforma tecnológica que irá permitir uma integração total com os sistemas de gestão das empresas, visando uma jornada sem atritos para clientes e fornecedores.

Esta plataforma também permitirá o uso de big data, buscando melhorar de maneira contínua os algoritmos de aprovação de crédito.

*A aquisição depende da aprovação das autoridades concorrenciais brasileiras e da verificação de outras condições usuais para esse tipo de negócio.

Tags, ,

TOTVS abre 30 vagas para desenvolvedores de software

A TOTVS, líder brasileira no desenvolvimento de software de gestão, anuncia a abertura de 30 vagas para desenvolvedores ADVPL (Advanced Protheus Language) de todos os níveis, para atuar nas SQUAD’s dos módulos de entradas, contas à pagar, contas à receber, controladoria, TSS, fiscal, TAF fiscal e TAF e-social.

O Protheus é o sistema de gestão mais utilizado do país e contribui com a digitalização de milhares de negócios. Para fazer parte desse time de desenvolvedores, os diferenciais são, além da paixão por códigos, ter perfil analítico, ensino superior completo em áreas relacionadas à tecnologia e conhecimentos e vivência em regras de negócios de ERP. O conhecimento do sistema Protheus não é uma exigência.

Os novos 30 contratados terão como posto de trabalho a sede da empresa, localizada na Zona Norte de São Paulo. O prédio da TOTVS, inaugurado em 2017, foi inspirado nas companhias do Vale do Silício, tem 65 mil m² e recebe mais de 4 mil pessoas por dia.

A estrutura conta com diversas áreas comuns de convivência, como salas de jogos, macrokitchens e espaços abertos de trabalho, que contribuem para integração entre áreas e equipes. Os interessados devem se inscrever para as vagas pelo site: https://totvs.gupy.io/jobs/46321

Tags, ,

Em seu primeiro evento no Brasil, Automation Anywhere anuncia parceria com a TOTVS

A Automation Anywhere®, líder mundial em robotic processs automation (automação robótica de processos ou RPA, na sigla em inglês), realizou seu primeiro evento no Brasil, no Renaissance Hotel, em São Paulo. Na ocasião, batizada “Digital Workforce Summit”, foi abordada a crescente Transformação Digital nas empresas, por meio de bots de software, para mais de mais de 600 pessoas, entre parceiros e clientes. Além disso, a companhia anunciou parceria com a TOTVS, multinacional brasileira líder no desenvolvimento de soluções de negócios no mercado brasileiro.

Ao comentar a novidade, Weslyeh Mohriak, Country Director da empresa no Brasil, disse que o País é um mercado-chave para os negócios, pois demonstra alto nível de aceitação da automação. “Com a aliança, será possível expandirmos nossa atuação local ao fazer com que mais empresas tenham acesso a soluções que melhoram a sua eficiência e lucratividade, além de liberarem profissionais humanos para atividades de maior valor agregado e deixarem as tarefas repetitivas a cargo de bots”, afirma o executivo.

Entre os destaques do evento, houve também a palestra de Ankur Kothari, um dos co-fundadores da companhia, que falou sobre a trajetória de empreendedorismo e visão da organização, que planeja quadruplicar seus negócios no Brasil em 2019. Além disso, foram apresentados cases de sucesso de alguns dos clientes da empresa, como os da CPFL, Banco Votorantim e Unilever. “Estamos muito felizes com os 100 clientes que conquistamos em um ano de atuação no país e de ver que eles já colhem frutos relacionados a maior produtividade, agilidade e redução de erros operacionais”, destaca Mohriak.

O time de produto da Automation Anywhere também falou sobre as inovações e o roadmap para o mercado local, e uma sessão de Build a Bot usando Inteligência Artificial foi oferecida para que os presentes tivessem a oportunidade de construir seu próprio robô, sem precisar de linhas de desenvolvimento ou ser um desenvolvedor. “A inovadora tecnologia da Automation Anywhere empodera pessoas e oferece soluções com interfaces gráficas, o que torna mais rápido e fácil a criação e uso de robôs por áreas de negócios – e não necessariamente por times que têm alto conhecimento de tecnologia”, ressalta Mohriak. O evento contou, ainda, com a presença de Edmundo Costa, vice-presidente da empresa para a América Latina, responsável por garantir a expansão bem-sucedida da organização de vendas.

A parceria anunciada, realizada no modelo OEM, possibilita a venda exclusiva dos bots no Brasil, integrados aos softwares da TOTVS. Por meio da força e capilaridade da rede de distribuição da líder nacional em ERP (do inglês Enterprise Resource Planning, ou Planejamento dos Recursos da Empresa), responsável pela venda e implantação em mais de 30 mil clientes, a expertise de RPA da Automation Anywhere passará a fazer parte dos sistemas de gestão mais utilizados no País. “Possuímos uma grande capacidade de levar tecnologia de ponta de forma acessível a empresas dos mais diversos portes e segmentos. Ao incorporarmos rotinas inteligentes ao nosso portfólio, entregaremos uma gestão de negócios mais digital e eficiente a essas empresas”, explica Juliano Tubino, vice-presidente de negócios da TOTVS.

Fundada nos Estados Unidos em 2003, a Automation Anywhere oferece uma plataforma de RPA combinada à Inteligência Artificial (IA) que permite liberar humanos para atividades mais estratégicas, ao passo que tarefas repetitivas ficam a cargo de robôs com capacidade de machine learning. Presente no Brasil desde maio de 2018, por meio do parceiro Smartforce, a companhia anunciou no final de março seu primeiro escritório no Brasil, em Alphaville, São Paulo, que já conta com 50 pessoas.

Tags, ,

Universo TOTVS apresenta painel “O Brasil que faz: Inovação” com as maiores startups do país

A TOTVS, líder brasileira no desenvolvimento de software de gestão, promove o painel “O Brasil que faz: Inovação”, com a participação de empresas que estão ganhando o mundo com modelos de negócios disruptivos, durante o Universo TOTVS 2019. O evento, que acontece entre os dias 25 e 26 de junho, em São Paulo, irá reunir grandes nomes para falar sobre as principais tendências de tecnologia e negócios do país.

Mediado por Juliano Tubino, vice-presidente de Negócios da TOTVS, o painel conta com a participação de Leandro Caldeira, CEO Brasil do Gympass, Gabriel Braga, cofundador e CEO do QuintoAndar, e Ricardo Bechara, diretor de expansão e cofundador da Rappi BR. O objetivo principal é mostrar como essas startups fizeram acontecer e romperam as barreiras existentes no mundo dos negócios para promover inovação.

As três empresas falam também como em uma economia cada vez mais disputada, as startups e os empreendedores precisam encontrar novas formas de destaque no mercado. “O empreendedorismo no Brasil ganhou fôlego nos últimos anos e temos contribuído para que nossa economia seja mais intensiva no uso de tecnologia e para que tenhamos cada vez mais unicórnios”, destaca o VP da TOTVS.

Ainda dentro dessa seara – “O Brasil que faz”-, mas sob o viés de Reinvenção, Laércio Cosentino mediará o painel, no primeiro dia de evento, sobre estratégias por trás de grandes empresas que não tiveram medo de ousar e se reinventar.

Outras grandes atrações do evento ficam por conta de nomes como a cantora Anitta, Duncan Wardle, ex-VP de Inovação e Criatividade da Disney, Mikkel Scane, CEO e Fundador da Zendesk, e Matt Britton, especialistas em negócios e no comportamento Millennial.

Com mais de 30 mil clientes em todo o mundo, a TOTVS tem como preocupação o desenvolvimento internacional de novas tecnologias, tendências e soluções, a fim de oferecer as ferramentas que o mercado exige e que atendem melhor às necessidades do consumidor final.

Universo TOTVS – dias 25 e 26 de junho de 2019

Onde: Expo Center Norte, R. José Bernardo Pinto, 333 – São Paulo – SP

Inscrições e mais informações: totvs.com/universo-2019

Tags, ,

TOTVS apresenta soluções completas para gestão da saúde na Hospitalar 2019

A TOTVS, líder brasileira no desenvolvimento de software de gestão, demonstra durante a 26ª edição da Hospitalar 2019 um portfólio completo de soluções inovadoras para aprimorar a gestão de processos de hospitais, clínicas e laboratórios, em parceria com a Avatar Soluções em Saúde, empresa de softwares e aplicações em ambiente web para saúde. O evento acontece entre os dias 21 e 24 de maio, no Expo Center Norte, em São Paulo.

Os visitantes poderão conhecer na prática as principais soluções da TOTVS focadas no segmento. Dentre elas, haverá a demonstração do software de gestão Alta Performance e da solução de gerenciamento de processos e recursos de glosas, WebGlosas, focados no ciclo da receita e utilizado na otimização e transparência das cobranças de itens contratados. Já a solução Fluig atua na gestão de workflows permitindo total rastreabilidade dos principais processos hospitalares e clínicos através de uma interface leve e intuitiva.

Outros destaques são as soluções baseadas em Inteligência Artificial para evitar fraudes em processos de autorização de convênios, uso de reconhecimento facial na Gestão de Capital Humano e Big Data aplicado no segmento de saúde.

Os visitantes da Hospitalar 2019 poderão ainda vivenciar na prática uma experiência de Realidade Virtual aplicada em treinamentos por meio da plataforma de educação corporativa Fluig Learning, direcionada ao mercado que está em busca ou já possui certificações.

Serviço:
Data: 21 a 24 de maio – 11h às 20h
Local: Expo Center Norte
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme – São Paulo/SP

Tags, ,

TOTVS contrata Eduardo Neubern para liderar lançamento de Fintech

Como parte da estratégia de expandir e fortalecer sua proposta de valor a mais de 30 mil clientes, a TOTVS – líder brasileira no desenvolvimento de softwares de gestão – divulga a contratação de Eduardo Neubern, como novo diretor-executivo responsável pelas iniciativas de fintech. Há mais de 15 anos no mercado financeiro, o executivo tem passagens pela Cielo, MasterCard, Bradesco, American Express e SAP, entre outras.

“Estamos nos estruturando para criar soluções inovadoras que combinem a tecnologia TOTVS com a de parceiros para simplificar, ampliar e baratear o acesso dos clientes ao crédito e a serviços financeiros em geral”, explica o diretor-executivo de Fintech. “Mais do que uma oportunidade de negócios, queremos democratizar o acesso a estes serviços para os clientes, impulsionando o crescimento da economia brasileira”, destaca Neubern.

A primeira iniciativa da companhia nesse sentido será a oferta para pequenos e médios varejistas das soluções de adquirência da Rede, voltadas à captura e ao processamento das transações de pagamento com cartão de crédito e débito.

Neubern ressalta, no entanto, que a estratégia da TOTVS vai muito além de meios de pagamento para o varejo. O objetivo é agregar às soluções de gestão empresarial líderes no Brasil serviços financeiros, oferecendo, por exemplo, produtos de crédito a setores tão diversos quanto Educação, Saúde, RH e Indústria. “Nossas iniciativas de fintech nascem com uma forte vantagem competitiva por termos proposta de valor e escala, além de tecnologia proprietária e uma força de vendas que conhece profundamente as necessidades de nossos clientes em vários setores de atuação, o que nos permite também beneficiar a economia como um todo. Esses diferenciais, somados às soluções de parceiros da indústria financeira, nos colocam em uma posição única no setor”, destaca Neubern.

Estratégia para acelerar soluções do iDEXO

Um dos pilares da área de fintech da TOTVS será utilizar o iDEXO – instituto criado pela companhia para fomentar o empreendedorismo e a inovação, ao conectar startups, empreendedores e desenvolvedores – para construir novas soluções financeiras.

O objetivo é alavancar parcerias com as mais de 40 startups que fazem parte do iDEXO para fortalecer a proposta de valor das iniciativas de fintech da TOTVS. “A partir das necessidades de nossos clientes vamos construir soluções customizadas combinando tecnologia TOTVS, serviços especializados das startups parceiras e produtos dos maiores players da indústria financeira”, informa o diretor-executivo de Fintech da TOTVS.

Tags, , ,

As mudanças que o Brasil precisa começam pelo mindset do governo

Por Laércio Cosentino, presidente do Conselho de administração da TOTVS

O último relatório Focus, apresentado em 31 de dezembro de 2018 pelo Banco Central, mostra que a expectativa de investimentos estrangeiros no Brasil em 2019 subiu de US$ 78,4 bilhões para US$ 79,5 bilhões. Já a estimativa do BC é que nosso PIB cresça 2,4%, mas condiciona isso à reformas e ajustes fiscais na economia brasileira.

O que esses dados mostram é que depois da retração dos últimos anos, com investimentos represados, principalmente nos setores de infraestrutura e tecnologia, é primordial que o novo governo apresente uma agenda favorável às reformas necessárias para que este cenário se torne realidade. Especialmente, para evitar novas dificuldades econômicas. Claro que este não é um processo fácil ou tranquilo, mas é necessário para evitar que tenhamos, inclusive, novos retrocessos.

Isso começa por uma mudança de mentalidade do próprio governo. Por exemplo, a cada ano que passa acompanhamos o lançamento de novos produtos e serviços que buscam acompanhar as necessidades de seus clientes. Esta é uma demanda dos próprios consumidores que buscam por experiências inovadoras e que estão cada vez mais exigentes e empoderados de seus direitos.

O jovem não tem interesse em adquirir um imóvel, pois prefere alugar algo mais próximo do trabalho e que seja mais acessível. Eles também não se preocupam em correr contra o tempo para conseguir a habilitação, já que preferem utilizar o serviço de aplicativos de transporte. Portanto, sendo o governo o principal prestador de serviços de um país, está mais do que na hora de se adequar a essa nova realidade. É preciso se modernizar.

Tamanha mudança social demanda por reformas profundas de sistemas como o judiciário, trabalhista, tributário e até mesmo partidário. A reforma tributária, por exemplo, passa por uma reformulação completa do orçamento. De acordo com o Impostômetro, em 2018, foram pagos R$ 2,388 trilhões em impostos no Brasil, um valor equivalente a 50 salários mínimos por mês durante 4,2 milhões de ano. Enquanto o setor privado investe e se prepara para esta nova realidade, os governos se mantêm estagnados, desatualizados e sem entender o momento em que estamos vivendo.

Em contrapartida, temos as tecnologias de conectividade, mobilidade e colaboração disponíveis e já sendo usadas pelos cidadãos e pelo setor privado. Hoje temos inovações como os sensores de IoT, que captam informações para apoiar a tomada de decisões, ou alimentar algoritmos de Inteligência Artificial, que permitem a previsão de tendências. As empresas estão ágeis e os governos precisam perceber esses recursos para reduzir cargas tributárias, melhorarem a relação com o cidadão e com os potenciais investidores no Brasil.

Outro exemplo é a gestão do sistema educacional do país. Veja como esta base de dados está fragmentada, já que cada instituição seja ela privada ou pública, detém para si o registro dos seus alunos. Quando o Ministério da Educação quer fazer uma avaliação, precisa aplicar a Prova Brasil ou checar dados do Enade e do Enem, que não mostram a verdadeira qualidade do ensino porque não são todos os estudantes que fazem as provas. Com uma base de dados integrada e padronizada, seria possível comparar e avaliar em nível nacional as melhores instituições, índices de frequência, notas de alunos, municípios com falta de professores e escolas ou faculdades. Assim, reparar e desenvolver a educação brasileira.

Mas, tudo isso demanda agilidade e a capacidade de antecipar comportamentos, tendências e tecnologias, para que os governantes se adequem à nova realidade. Caso contrário, nosso mercado vai ficar para trás.

As oportunidades e o momento estão aí! As cartas estão dadas.

O governo precisa fazer a sua parte e nós como cidadãos precisamos expressar opiniões construtivas e colaborar para que o resultado positivo seja atingido. Vamos todos trabalhar para que o Brasil não perca mais quatro anos.

Tags, ,

Smartphone 3 em 1 – vivencie a era dos aplicativos

Por Ronan Maia

Quer saber como os smartphones fazem a sua empresa inteira caber na palma da mão? E não pense que estou aqui para falar sobre novidades em telefonia. Quero mostrar como os aplicativos móveis podem potencializar as experiências e produzir resultados para o seu negócio. Os apps estão mudando a prática varejista, seja para o cliente, o vendedor ou o gestor da loja. São três frentes em um único meio, com um conjunto de benefícios voltados à eficiência. Isso é transformação digital!

Em pesquisa divulgada no mês de abril, a FGV-SP apontou que, no Brasil, temos 220 milhões de smartphones ativos, o que significa mais de um por habitante. Estamos falando de digitalização da sociedade. Sendo assim, por que não, levar o seu negócio para dentro do smartphone?

Vamos ao exemplo do Pão de Açúcar, que inovou com um aplicativo de fidelidade, capaz de criar um novo relacionamento com os consumidores e proporcionar uma nova experiência de compras. E o que ele tem de diferente de tantos outros? Ele é atrativo. Dá descontos, prêmios e vantagens reais, fazendo com que o cliente queira instalar e usar o sistema sempre. Este é um dos desafios dos varejistas ao oferecer um app próprio: gerar interesse do consumidor. Você já parou para pensar em quais aplicativos de lojas tem no seu celular? É preciso criatividade para ser relevante e se destacar.

Claro que, para o varejista, qualquer movimento de digitalização tem que ser parte de uma estratégia que faça sentido para o seu negócio. Um app de fidelidade para descontos, por exemplo, também pode ser usado para uma compra sem atrito, como canal de pagamento direto entre cliente e marca, sem o intermédio de um vendedor. Basta fotografar o código de barras ou o QR Code da peça pelo app, que ele direciona, automaticamente, a um ambiente seguro para inserir os dados bancários. Com o processo finalizado, o consumidor já pode ir embora com o produto.

Para os que não abrem mão da interação humana, mas que também querem experiências digitais, o PDV móvel é bastante convidativo. Um smartphone na mão do vendedor permite que a compra seja realizada em qualquer ponto do ambiente. Imagine escolher um novo piso em uma loja de material de construção, com a facilidade do vendedor te acompanhar, consultar preços e disponibilidade de estoque, ali, enquanto você está tocando e olhando a peça – e poder realizar o pagamento sem pegar nenhuma fila, em um caixa tradicional! É uma jornada muito mais encantadora para o cliente.

Da mesma forma, para o vendedor, esse dispositivo surge como um grande aliado. Com camadas de inteligência artificial (IA), além do fechamento da venda, o ponto de venda móvel, proporciona um salto no atendimento e uma nova experiência de trabalho para quem faz o meio de campo entre marca e consumidor final.

Olhando no celular, assim que identifica um cliente (e isso pode acontecer por diversas maneiras, como o CPF, por exemplo), o profissional passa a ter em mãos, todo o seu histórico de compras, pontos a resgatar e sugestões de produtos específicas para aquele perfil, feitas pela IA. Isso coloca o vendedor em uma posição mais consultiva para o consumidor, que é surpreendido com um atendimento na loja física muito mais assertivo e pessoal. Como respostas, observamos o aumento do ticket médio e do mix comercializado.

Indo mais para dentro da empresa, o smartphone também é colocado na mão do gestor, com aplicativos móveis pensados para proporcionar maior eficiência no seu trabalho. Pesquisas apontam que a transformação digital, quando realizada com foco no colaborador interno, tem resultados duas vezes maiores do que as voltadas ao cliente final.

Na função gerencial, por exemplo, você tira o profissional que ficava preso no escritório, olhando para a tela do computador, com e-mails, papeis e sistemas – e coloca a mobilidade ao seu favor! Elimina as planilhas e leva experiências digitais, em que o gerente recebe os indicadores de negócio e controla todo o workflow de aprovações e encaminhamento de fluxo de trabalho pelo celular. Ele passa a estar na execução do varejo no seu dia a dia.

E isso vai se multiplicar nos próximos anos! Cada gerente pode ter um aplicativo que converse diretamente com as suas necessidades, para levar o seu negócio onde quer que esteja. Gerenciamento de equipes em mobilidade, sem precisar estar fixo em uma cadeira ou, mesmo, sem dar zoom no celular para visualizar documentos, mas por um app pronto e estratégico para o seu trabalho.

Um exemplo inspirador está na China, que conseguiu fazer o WeChat – o “tudo para todos”. Quase tudo pode ser feito com uma única plataforma, da troca de mensagens, ao pagamento de contas, o agendamento do banho do seu pet, até o envio de currículos. É um país bastante avançado no quesito aplicativos móveis e um modelo dessa evolução do mercado. No Brasil, certamente, as empresas devem considerar o smartphone como um instrumento de relacionamento com os clientes e os seus colaboradores. Isso é a revitalização dos negócios! Quem não estiver olhando para isso, hoje, vai perder em produtividade, eficiência e competitividade.

E você, está preparado para ter o seu negócio nas suas mãos? A transformação dos aplicativos e smartphones já começou e a sua empresa faz parte dela!

Por Ronan Maia, vice-presidente de Distribuição e Varejo da TOTVS

Tags, , , ,

TOTVS fecha 2017 com crescimento de 34% em subscrição

A TOTVS S.A. (B3: TOTS3), líder no desenvolvimento de soluções de negócio no Brasil e na América Latina, anuncia hoje seus resultados referentes ao quarto trimestre de 2017 (4T17) e os números consolidados do ano. Em 2017, a companhia se manteve focada em alavancar o modelo de subscrição e registrou um crescimento de 34,3% em relação a 2016, atingindo a soma de R$ 307,9 milhões no ano. Comparando trimestre (4T17) contra trimestre (4T16), o crescimento em subscrição foi de 9,5%.

0 modelo de subscrição, lançado há dois anos, já superou 20% da receita de software da companhia e foi o responsável pelo crescimento orgânico de 6,2% da receita total de software. Durante o ano, foram adicionados mais de 6 mil novos clientes de subscrição, 53,5% a mais do que em 2016.

Em 2017, a receita líquida da companhia cresceu 2%, somando R$ 2,2 bilhões. No 4T17, o total foi de R$ 554,4 milhões. Dados que demonstram um avanço de 8,7% das receitas recorrentes, que atingiram 67,5% da receita líquida do trimestre e 65,8% do ano, respectivamente.

“A transição para subscrição trouxe desafios associados à redução de receita com licenciamento e os seus reflexos na receita de manutenção, acentuados pela recessão econômica brasileira. Em contrapartida, tivemos aceleração de vendas de subscrição. Quando olhamos o crescimento orgânico, podemos afirmar que o ano de 2017 marcou a retomada do crescimento da TOTVS”, destaca Gilsomar Maia, CFO da TOTVS.

Atuar por meio de soluções especializadas de negócios é outra estratégia da companhia para se manter competitiva no mercado. Ao todo são 11 segmentos de mercado atendidos. Entre eles, Manufatura e Varejo, continuam a ter alta representatividade na companhia e, juntos, somaram 47% da receita total.

No 4T17, o EBITDA ajustado totalizou R$ 69,1 milhões, aumento de 13,8%, trimestre contra trimestre, com margem de 12,5%. Na somatória do ano, o valor atingiu R$ 303,5 milhões, 15,4% abaixo de 2016, refletindo essa etapa da transição para o modelo de subscrição e também a conjuntura econômica do período.

A TOTVS encerrou o ano de 2017 com a geração operacional líquida de caixa positiva, 26,6% maior do que o registrado no ano anterior, totalizando R$ 329,8 milhões. No 4T17 o aumento foi de 33,9% frente ao 4T16.

“Em 2018, seguiremos focados no sucesso dos nossos clientes, com o propósito de simplificar o mundo dos negócios e apoiar cada um na sua jornada digital. Para isso, investimos sempre em inovação, ofertando as melhores soluções de negócio para empresas de todos os portes e segmentos”, finaliza Laércio Cosentino, presidente da TOTVS.

Tags, , , , , , , ,