Tag Stefanini

Stefanini debate segurança cibernética em uma sociedade hiperconectada no Futurecom 2019

A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, marca presença no Futurecom, o maior evento de tecnologia, telecomunicações e transformação digital da América Latina, que acontece entre os dias 28 e 31 de outubro, no São Paulo Expo.

O CEO da Stefanini Rafael, Leidivino Natal da Silva, contribuirá no painel “Segurança Cibernética em uma Sociedade Hiperconectada e a Gestão de Riscos”. O painel será dividido com Cristiano Breder, Head of Cybersecurity and Risk Services LATAM da Wipro; Kemal Huseinovic, Chief of Infrastructure da ITU; Vitor Sena, CISO | Global Information Security Leader, Gerdau e André Fleury, líder da Prática de Security Latam da Accenture.

“É fato que as ameaças cibernéticas estão crescendo tanto em quantidade quanto em sofisticação. E, neste cenário, temos que olhar mais criticamente o que podemos fazer ‘quando’ somos alvo desses ataques para, então, agir rapidamente e neutralizar as ações danosas às corporações”, comenta Leidivino Natal da Silva.

Recentemente, a Stefanini Rafael, venture do Grupo Stefanini especializada em soluções avançadas de Inteligência em Segurança e Cyber Defense, ampliou sua estrutura com a inauguração do novo Advanced Management Security Service Provider (MSSP), em Alphaville (SP), e projeta um crescimento de 35% na carteira de clientes até o final de 2020.

O evento tem como meta ampliar o debate sobre as principais soluções digitais de pagamento que têm tomado conta em larga escala da vida de todos os cidadãos ávidos por simplificar, baratear e democratizar a utilização de meios de pagamentos e afins.

Palestra: Segurança Cibernética em uma Sociedade Hiperconectada e a Gestão de Riscos

Dia: 29 de outubro
Horário: 9h30 – 10h40
Auditório: Segurança na Transformação
Local: São Paulo Expo
Endereço: 1,5, Rod. dos Imigrantes – Vila Água Funda

Tags, , ,

Stefanini e Insead estão com inscrições abertas para nova turma do Leadership Transformation Program na França

A Stefanini e a Insead, uma das maiores e mais prestigiadas escolas de negócios do mundo, estão com inscrições abertas para a 3ª turma do Programa Leadership Transformation, que será realizado de 28 de março a 04 de abril de 2020, no campus de Fontainebleau, a 75 km de Paris, na França. Direcionado aos executivos C-Level de diversos segmentos, o curso promove uma profunda imersão em uma sala de aula interativa e personalizada para as necessidades específicas da turma.

Com uma taxa de satisfação de 98% em suas primeiras turmas, o curso reúne um corpo docente renomado e com ampla experiência em transformação digital, como os professores Felipe Monteiro e Nathan Furr. O programa, que acontece durante cinco dias, oferece uma experiência educacional, que permite aos executivos desenvolver habilidades necessárias para mudar a mentalidade, acompanhar as disrupções do setor, inspirar as equipes e engajá-las no processo de transformação digital.

“A transformação digital deixou de ser apenas uma ‘buzzword’ para ser olhada com mais proximidade. A partir de agora, ela entra numa segunda onda: a Transformação como Estratégia de Negócio. É hora de os executivos e líderes empresariais colocarem seus planos em prática e encarar de frente os desafios e as oportunidades que a jornada de transformação propõe”, explica Wagner Kojo, Head de Digital e Inovação na Stefanini e coordenador da próxima edição do programa.

O diretor de experiência digital da Vivo, Fernando Moulin, participou da primeira turma, em 2017. “O curso trouxe elementos fundamentais para implementar o Vivo Digital Labs, considerado um centro de referência em inovação”, ressalta. Para Paulo Assis, diretor comercial e de incorporação da Direcional, o programa disponibiliza um conteúdo denso e enriquecedor, “que nos ajuda a traçar um plano de ação para utilizar os conceitos na prática”.

Nesta nova turma, a ideia é ampliar a participação de executivos de outros países, especialmente da América Latina. “Na segunda edição, contamos com alunos da Argentina e do Peru e discutimos fatores regionais relevantes, além de oportunidades em áreas como mídias sociais e conectividade”, diz Guilherme Stefanini, diretor de novos negócios da Stefanini.

Leadership Transformation Program – Stefanini e Insead

Data: 28/03/2020 (data de saída) a 04/04/2020 (data de retorno)
Local: Insead campus Fontainebleau (a 75 km de Paris)
Inscrições: Informações pelo e-mail insead@stefanini.com

O que mudou:

– A transformação digital entra numa segunda fase, onde o plano de execução se torna uma necessidade-chave para acelerar os negócios na era digital

– Maior pragmatismo na estruturação da agenda de transformação – aterrissagem do aprendizado ganhou um dia exclusivo para este fim

– A agenda da próxima edição conta agora com 5 dias de imersão intensa nos temas

– Transformação e Inovação – 5º dia focado na construção da agenda de transformação

– Extensão do programa para toda a América Latina.

Algumas informações sobre o programa

Índice de satisfação acima de 9
NPS de 100%
Vídeo depoimento 1a edição: https://bit.ly/2XA49Bv
Vídeo depoimento 2a edição: https://youtu.be/T23AOcj3r-s

Tags, ,

Stefanini desenvolve plataforma cognitiva para a D-Link

A D-Link, líder global na conexão de pessoas, empresas e cidades, conta com um novo canal de atendimento, o chatbot DAVI – nome que significa D-Link Assistente Virtual Inteligente. A versão customizada da Sophie, plataforma e inteligência cognitiva da Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, foi implementada por meio de um processo de Business Process Outsourcing (BPO).

Este é o primeiro projeto da Stefanini totalmente focado no consumidor final (B2C). A solução foi desenvolvida para oferecer aos clientes da D-Link o suporte necessário em relação às dúvidas na utilização dos principais produtos da marca. Alexandre Winetzki, diretor de P&D da Stefanini, explica que o cliente realiza o suporte por meio de uma equipe de call center, que atua de segunda a sexta, em horário comercial. “A partir de agora, o usuário que tiver alguma dúvida poderá interagir com o DAVI 24 horas, sete dias por semana. A previsão é incluir a abertura de chamados, o que trará um benefício enorme para o cliente. Dessa forma, o atendente se concentrará em questões mais complexas de suporte”, completa o executivo.

De acordo com Ivanildo Miranda, Business Operation Manager da D-Link, a solução tem se mostrado bastante eficaz. “Estamos realizando ajustes finos com a Stefannini para ampliar, ainda mais, o percentual de resolução de problemas via chatbot, aumentando o escopo dos serviços e melhorando a experiência do cliente”, destaca.
Para oferecer uma experiência diferenciada aos seus clientes, a D-Link reuniu informações sobre os produtos mais vendidos e criou, juntamente a Stefanini, um guia de perguntas e respostas que foi inserido no chatbot. Quando o cliente entra no site da D-Link para tirar dúvidas técnicas, como atualização de firmware ou instalação, a plataforma auxilia os usuários, que não precisam mais falar com um atendente.

“Nosso objetivo é aprimorar a interação com o cliente, a partir da oferta de suporte técnico via chatbot. O DAVI pode, por exemplo, indicar para o cliente um vídeo que elucide as dúvidas dele ou até mesmo acionar o manual eletrônico do produto, evitando perda de tempo”, explica Ivanildo Miranda.

A plataforma de inteligência cognitiva da Stefanini, já utilizada com sucesso em vários clientes na América Latina, Estados Unidos e Europa, está disponível na versão 3.2 e responde em 44 idiomas. Implementada em segmentos diversos como indústria, varejo, seguradoras e governo, a plataforma pode ser incorporada a todas as ofertas de atendimento da Stefanini em Information Technology Outsourcing (ITO), Business Process Outsourcing (BPO) e call center, como a maioria dos grandes sistemas de IT Service Management (ITMS) e Customer Relationship Management (CRM) disponíveis no mercado.

“O projeto desenvolvido para a D-Link reforça como os serviços de BPO podem, por meio de nossas soluções digitais, alavancar a transformação de processos transacionais ou padronizados, trazendo uma melhor experência para os clientes de nossos clientes”, complementa Alexandre Vômero, diretor de BPO da Stefanini para a América Latina.

Tags, ,

Stefanini investe em soluções para o banco do futuro

O mundo está cada vez mais digital e influencia diretamente na transformação do setor financeiro. Há quem acredite que na agência do futuro seremos recebidos por robôs ou que faremos qualquer transação bancária apenas pela íris do olho. Com a evolução tecnológica, é possível que tudo isso faça parte de um novo cenário, que ajude a complementar a utilização crescente dos aplicativos como forma de simplificar as operações financeiras na nova economia.

Apoiando a transformação bancária, a Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, desenvolveu a solução Topaz, com capacidade de realizar todas as etapas do gerenciamento do banco, permitindo que empresas financeiras de qualquer porte transformem seus processos de Core Banking com maior agilidade, facilidade, segurança e redução de custos.

“Nossa solução está preparada para atender a estratégia de qualquer banco, independente do tamanho. Temos uma plataforma robusta e uma equipe totalmente capacitada para apoiar a construção desse novo mundo”, afirma Jorge Iglesias, diretor da Stefanini, responsável pela plataforma que foi utilizada para suportar a transformação digital do Sicredi, instituição financeira cooperativa presente em 22 estados brasileiros e no Distrito Federal, e que atende a 3,7 milhões de associados.

O projeto contemplou a substituição gradual do core bancário, sistema que processa os produtos e serviços, com o objetivo de atender a demanda dos associados por conveniência e agilidade, além de conectar mais pessoas por meio do cooperativismo. “Com uma plataforma modular, escalável e fortemente integrada aos canais digitais, por meio de APIs, esperamos ampliar, em 2019, nossa atuação em outros bancos do Brasil e América Latina”, destaca o executivo.

Atualmente, existem três categorias do Topaz. A primeira delas é o Topaz Banking, que suporta todas as etapas e processos bancários, como verificação de contas e poupanças, depósitos a prazo e empréstimos comerciais e pessoais. Ele permite operações bancárias em tempo real de forma centralizada, disponível em múltiplos canais, ajudando os bancos a redefinirem seu papel e reimaginarem as relações com os clientes, criando lealdade e novos fluxos de receita para atender seu cliente.

O Topaz Banking possui uma arquitetura aberta de alta performance, robusta e eficiente, permitindo realizar novas demandas de trabalho sem aumento exponencial de custos. “É a base para a construção de um banco projetado para o cliente, visando o seu propósito e visão clara do futuro. Possuímos mais de 30 anos de experiência de mercado, com cobertura funcional completa para as necessidades atuais e futuras, conjunto de microsserviços simplificado e alto nível de parametrização, que garantem ao banco permanecer em conformidade, seguro, atendendo às exigências do mercado, além de facilitar o lançamento de novos produtos e serviços financeiros, atendendo o time to market do negocio”, destaca o diretor.

A solução atende aos requisitos regulatórios e contempla todas as etapas e processos para bancos, financeiras, intuições de pagamento, fundos de investimentos e empresas varejistas que também queiram atuar no segmento financeiro. “Usamos processos ágeis para que produtos e novas tecnologias possam chegar ao mercado mais cedo, com a vantagem de serem ajustados na medida em que avançamos e melhorarmos a experiência do cliente.”

O Topaz Trace é totalmente especializado em compliance. Com ele, é possível fazer monitoramento, gerando listas restritivas, tanto internas como externas, alertas em tempo real, análise de perfil do cliente e também relatórios de conformidade. Por fim, o Topaz Microfinance atende instituições de microfinanças e microcrédito especializada em processos de depósitos a prazo e remessas.

Além da solução de core banking utilizada pelo Sicredi, a Stefanini conta com uma oferta completa de banco digital. Cada projeto pode ser desenhado e implementado em até quatro meses, de maneira consultiva, podendo incorporar, de acordo com a demanda, as seguintes soluções: originação de cadastros, contas e créditos; a assistente virtual Sophie; soluções para assinatura eletrônica de contratos pela web ou via aplicativo, assinatura digital, ferramentas de segurança cibernética e imagens para gestão de garantias dos créditos de agronegócio; captura de documentos e processamento de imagens; tesouraria e backoffice, plataforma de engajamento, analytics e moeda digital (Okanii). “O ecossistema de inovação da Stefanini garante a oferta de uma solução ponta a ponta para tornar as instituições financeiras ainda mais competitivas”, reitera Jorge Iglesias.

Para Breno Barros, diretor global de Inovação & Negócios Digitais da Stefanini, a economia digital trouxe um novo desafio para as instituições financeiras, que precisam se transformar o tempo inteiro. “Não há disrupção apenas com a tecnologia, mas principalmente com as pessoas. Por isso, as corporações devem mudar a forma de lidar com elas para que a transformação digital realmente aconteça para todos. Não são empresas que mudam, são as pessoas”, comenta.

Tags, , ,

Inteligência Artificial e o novo futuro

Por Alexandre Winetzki

Segundo um levantamento da IDC, estima-se que o mercado de Inteligência Artificial deva alcançar mais de US $ 47 bilhões até 2020. Será que as empresas e as pessoas estão preparadas para as novas profissões que estão surgindo com o crescimento desse segmento?

O Brasil e as companhias precisam se movimentar para permitir a criação de novos cursos, novas profissões que se adequem ao novo cenário que começamos a vivenciar. Um estudo da McKinsey, “Where machines could replace humans — and where they can’t (yet)”, mostra que a maioria das profissões será comprometida, com o uso da robotização e que 800 milhões de pessoas perderão seus empregos para a automatização até 2030. As pesquisas também revelam que mais de 50% dos trabalhadores dos EUA e 4/5 dos trabalhadores no mundo inteiro manterão suas profissões e não precisam se sentir ameaçados com os avanços da Inteligência Artificial.

Já o estudo da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) revela que robôs e computadores devem eliminar ou mudar cinco em cada dez empregos. Como em toda revolução, as novidades geram incertezas sobre o futuro, ainda mais agora, em que tudo acontece muito mais rápido. Uma tecnologia pode se tornar obsoleta em seis meses, dependendo da área.

Mas como um otimista convicto, acredito que os robôs chegaram para facilitar ainda mais as nossas atividades. Precisamos nos reinventar e criar oportunidades que estão surgindo para desenhar um novo futuro. Por mais que a robotização seja algo inevitável, nenhum robô pode substituir a gentileza de um ser humano. Tanto que as empresas continuam em busca de talentos mais criativos, resilientes e que adoram desafios. Profissionais que estejam alinhados com o conceito de growth mindset, ou seja, que desejam aprender cada vez mais para inovar e se transformar.

Atualmente, o mercado já oferece diversas soluções de Inteligência Artificial, que podem estar associadas a outras tecnologias como Machine Learning, análise preditiva, automação de processos, reconhecimento de voz, facial e biometria. Essas soluções e muitas outras permitem que as empresas tenham grandes insights, mais eficiência operacional e automação nos processos dentro das companhias, gerando experiências únicas para os seus clientes.

Os robôs ajudam a sermos mais rápidos e produtivos, mas sempre dependerão da inteligência e da sensibilidade dos humanos para se tornarem cada vez mais eficientes. O futuro nos mostrará como os robôs poderão se tornar muito mais parceiros do que inimigos.

Alexandre Winetzki, diretor de P&D da Stefani

Tags, , ,

Como garantir a competitividade e a longevidade das empresas

Por Wagner Kojo, Head Digital & Innovation da Stefanini

Com o intenso surgimento e crescimento de canais, plataformas, tecnologias e a acelerada transformação nos hábitos de consumo, os líderes de marketing enxergam uma necessidade de reciclagem, tendo como base todas as experiências que viveram nos mais variados casos. Novos conhecimentos, outras formas de encantar, novos stakeholders, clientes mais rigorosos, conectados e ágeis demandando alta performance em tempo reduzido, vêm quebrando todos os padrões de planejamento tradicionais.

Todos esses aspectos devem ter como objetivo o equilíbrio entre resultados e posicionamento de marca. Diante dessa constatação, há que se considerar um fator primordial que é a Atribuição. Ou seja, os resultados que cada ação de marketing provoca é de grande importância para justificar estratégias mais robustas e assertivas. Também é inegável a necessidade de pensar em marcas como personas que têm atitude, opinião e defendem bandeiras como a diversidade e a sustentabilidade, trazendo competitividade e corroborando para a construção das chamadas ‘Love Brands”. Relevante incluir nesse contexto também os desafios diários do CMO em sua busca incessante pelo ‘Wow Factor’, que implica no entendimento do ciclo do seu consumidor, na análise de dados e na devolutiva com as também discutidas Customer e User Experience.

Foram esses desafios que estiveram na pauta do CMO SAB 2018, entre os dias 17 e 19 de outubro, no interior de São Paulo, onde um grupo de profissionais da área participou de uma imersão nesse amplo debate. O CMO SAB 2018 – Equilibrando Bytes, Likes, Resultados e Experiências, discutiu temas como Costumer & User Experience, Digital, Atribuição e Papel do CMO na Construção de uma Love Brand.

No contexto atual dos negócios ter uma oferta ou um produto digital não é suficiente para garantir a competitividade e a longevidade das empresas. É preciso ir além e ter uma cultura digital. O perfil do consumidor em constantes mudanças cria novos cenários onde as empresas precisam de adaptações rápidas e flexíveis. Diante dessa nova dinâmica, as práticas de Design, Lean e Agile têm remodelado a forma como fazemos, pensamos e agimos frente aos desafios e oportunidades de marketing, negócios e inovação tendo o consumidor e suas experiências como o centro das estratégias empresariais.
Um bom exemplo do que estamos falando, é o bem-sucedido caso em parceria da Stefanini com a Saint Paul Escola de Negócios, mostrando como uma tradicional escola de negócios inovou por meio das práticas de Computação Cognitiva e aplicação de Inteligência Artificial.

Tags, ,

CEO da Stefanini destaca a importância da diversidade para transformar ambientes corporativos

A Diversidade é um tema que tem sido debatido com frequência em várias frentes, no entanto, está longe de ter sua amplitude inserida devidamente no meio corporativo. Para ampliar esse debate, a CEO da Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, estará presente no Programa Estratégico da Amcham Porto Alegre (RS), que acontece dia 17 de setembro. Na ocasião, Monica Herrero, CEO da companhia, debaterá sobre o tema Cultura e Diversidade no universo corporativo. Entre os tópicos a serem debatidos, estão ‘Diversidade como estratégia organizacional’, ‘Ambientes diversos e inovação’ e ‘Cultura voltada ao fomento da diversidade’.

O Programa voltado para as lideranças femininas consiste em cinco módulos de aprendizagem direcionados para médias e altas gerências. Cada módulo terá 4 horas e abordará um aspecto essencial na formação de lideranças.

O cenário atual está direcionado para o alcance da equidade de gênero em todas as esferas e torna-se fundamental trabalhar questões de fomento e desenvolvimento de mulheres executivas, pensando em um ambiente organizacional mais diverso e atuando com o objetivo de propiciar um espaço de troca e inspiração para as executivas gaúchas.

Com o intuito de multiplicar conhecimentos e auxiliar na missão de transformar o ambiente de negócios, Monica Herrero levará para o evento a experiência da Stefanini, que apoia a diversidade como um todo. “Sabemos que este desafio é grande, mas temos que abrir a discussão e criar mecanismos reais com processos efetivos para que a diversidade permeie as corporações, por meio de um movimento natural e contínuo, seja para mais espaços para a mulher no mercado de trabalho e de pessoas de todos os gêneros”, enfatiza Monica Herrero.

Programação completa:

Módulo 1 | Cenário Global
Panorama atual do mercado de trabalho | Transformação organizacional | Diversidade e performance financeira

Módulo 2 | Liderança Contemporânea
Autoconhecimento | Protagonizando a transformação | Gestão de equipes de alto desempenho
Novas práticas de gestão

Módulo 3 | Cultura e Diversidade
Estratégia organizacional | Ambientes diversos e inovação | Cultura voltada ao fomento
da diversidade

Módulo 4 | Negociação e Networking
Executivas e negociação – como incentivar | Atitude e postura para negociar
A importância do networking para crescimento profissional

Módulo 5 | Carreira
Como equilibrar vida pessoal com a profissional | Destacando-se em um ambiente
masculino | A importância de estabelecer metas profissionais

ANOTE EM SUA AGENDA:
Módulo 3: Cultura e Diversidade
Dia: 17 de setembro, segunda-feira
Horário: 14h às 18h
Local: Amcham Business Center
Endereço: Rua Dom Pedro II, 861, 8º andar – Porto Alegre, RS

Tags, , , , , , , ,

O pós-consumidor no centro do debate

O pós-consumidor tem uma caractetísitca peculiar: é exigente e não está disposto a desculpar uma empresa em caso de falhas. Se houver algum atrito durante uma interação, seja por telefone, chat ou redes sociais, saiba que a empresa caiu no conceito deste cliente, que provavelmente a trocará por outra marca. Portanto, encantar este pós-consumidor demandará das empresas um trabalho contínuo para identificar suas reais necessidades e atendê-las com agilidade.

De olho nesta mudança de comportamento e com foco no cliente, a Stefanini participará desse debate que será a tônica do CONAREC 2018, maior evento de relacionamento entre clientes e empresas, que será promovido nos dias 4 e 5 de setembro no Hotel Transamérica, em São Paulo.

Marco Stefanini, CEO global da Stefanini, participará no dia 4, das 11h15 às 12h15, do painel “O pós-consumidor está aqui entre nós. E pode ser você.”, mediado pelo jornalista Caio Blinder. O fundador da Stefanini abordará a mudança de mindset do cliente e quais são as melhores estratégias para lidar com o pós-consumidor. O painel será realizado na sala 1 (Teatro Alfa) e contará também com a presença de CEOs de outras grandes marcas como C&A, Mastercard, Pepsico Brasil, Facebook & Instagram, Banco do Brasil e Mapfre.

O público também poderá saber mais sobre o Grupo Stefanini no estande de nº 15, onde terá acesso a muitas novidades que ilustram o atendimento do futuro, em que o cliente escolhe o canal de sua preferência para realizar a interação com a empresa que, por sua vez, fará todo o acompanhamento da jornada.

Painel sobre pós-consumidor com participação de Marco Stefanini
Dia: 04/09
Local: Teatro Alfa (Sala 1)
Horário: De 11h15 às 12h15

Tags, , , , , , ,

Stefanini promove em Porto Alegre o MeetUP Agile Experts

A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, promoverá no dia 28 de agosto, de 19h às 21h30, o Meetup Agile Experts – Porto Alegre, que tem como tema “Ferramentas ágeis para o dia a dia”, com a participação da Annelise Gripp, especialista em Transformação Ágil em empresas de todos os portes.

Annelise Gripp, que atua há 23 anos como engenheira de desenvolvimento de software, se considera uma entusiasta em tecnologia e uma pessoa engajada na integração das pessoas. Em sua trajetória, ela aprendeu, ensinou e experimentou novas metodologias, tecnologias, ferramentas e dinâmicas em todo o processo de Engenharia de Software. “Hoje, como consultora e especialista em Transformação Ágil, meu trabalho consiste em expandir, compartilhar e aplicar meus conhecimentos, habilidades e experiências, nas companhias”, afirma a palestrante.

Atualmente, a Stefanini oferece o Gerenciamento Ágil de Projetos, utilizando tanto a metodologia Scrum quanto Kanban, de acordo com as necessidades específicas e o perfil de cada cliente. Com a Revolução Ágil Stefanini, o cliente pode definir a ordem de prioridade em cada etapa de trabalho a ser desenvolvida. O modelo se torna ainda mais eficaz quando a equipe, cliente e fornecedor conseguem estabelecer, ao longo do tempo, um processo de colaboração, que gera entregas rápidas e eficientes. Os profissionais que abraçam a metodologia ágil estão comprometidos com o aprendizado contínuo e a melhoria constante de um projeto.

Meetup Agile Experts – Porto Alegre

Dia: 28 de agosto
Horário: 19h às 21h30
Local: Tecnopuc, prédio 99, sala 204
Endereço Avenida Ipiranga, Partenon, Porto Alegre, RS

Tags, , , , ,

Stefanini apresenta armário inteligente no evento LATAM Retail 2018

A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, estará no LATAM Retail Show, evento para fomentar o crescimento do varejo, que acontece de 28 a 30 de agosto, no Expo Center Norte (SP). Na ocasião, a multinacional brasileira fará uma série de demonstrações de soluções avançadas para o segmento.

O tema central do evento será ‘A Transformação do Ecossistema de Negócios com Resultados’, e tem como finalidade abordar todas as variações pelas quais a cadeia de negócios vem passando, alterações no perfil do consumidor e a necessidade de um equilíbrio nas relações, tanto no varejo, como na indústria, shopping centers, e-commerce, food service e franquias.

No estande será apresentado o Smart Locker, “armário inteligente” da Stefanini, que pode ser incorporado por grandes varejistas. Por meio de um aplicativo específico, o cliente final poderá, após fazer sua compra via e-commerce ou aplicativo, retirar os produtos em um lugar e momento de sua preferência, por exemplo, uma padaria, posto de gasolina, entre outros. “É uma tecnologia de fácil aplicação. O cliente utiliza a solução, comanda a abertura da porta e retira sua encomenda, de forma segura, rápida e prática”, explica Nelson Duarte Soares, Head of Digital Retail and Logistics da Stefanini.

Os visitantes também serão recepcionados por um robô, que foi treinado com a tecnologia de inteligência cognitiva da Stefanini. Ele poderá interagir com as pessoas e oferecer, por comando de voz, opções diferenciadas de café. Cada pedido será enviado, de maneira personalizada, para o barista. No estande da Stefanini, os visitantes poderão também conferir soluções de aferição remota de planogramas (desenho gráfico que orienta o posicionamento de um produto na gôndula, no ponto de venda) e de aprendizado virtual, baseadas em realidade virtual e realidade aumentada.

Utilizando os óculos de realidade virtual (VR), disponíveis no estande da empresa, a Stefanini também explicará aos visitantes sua metodologia de Design Thinking, levando o usuário/cliente para o ambiente de navegação e aprofundamento nos assuntos que podem ser resolvidos com a solução Dive, uma abordagem imersiva realizada em cinco dias, na qual equipes da empresa e do cliente trabalham de maneira colaborativa e com metodologias de Design Thinking, Design Sprint e Lean Startup, desde a concepção do problema até a entrega de um modelo legitimado da solução desenvolvida. O foco é apresentar uma solução digital, mirando os resultados para o negócio do cliente.

“A transformação digital está impactando o varejo, com o consumidor no centro das decisões. Temos como finalidade oferecer aos nossos clientes equipes constantemente dedicadas para encontrar soluções mais rentáveis, explorando cada oportunidade, que permita modernizar os processos e promover uma experiência diferenciada ao consumidor final”, complementa Soares.

Além das novas soluções direcionadas ao varejo, a Stefanini levará para o estande outras ofertas que poderão compor toda a cadeia de negócios: backoffice digital, processo automático de digitalização de documentos para originação de crédito, automação dos centros de distribuição com soluções do portfólio de Indústria 4.0, performance de marca, entre outras.

“O segmento varejista é um mercado potencial, pois tende a ampliar investimentos em inovação para manter a competitividade. A digitalização assume um papel de relevância para atender consumidores cada vez mais exigentes e será, com certeza, uma tendência inevitável”, finaliza.

Tags, , , , ,

Stefanini recebe o Women Techmakers – Devs JavaGirl para disseminar o trabalho das mulheres na área da tecnologia

A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, recebe no dia 22 de agosto, em seu escritório em Brasília, o Women Techmakers, programa do Google para incentivar as mulheres na área de tecnologia. Realizado pelo Devs JavaGirls, com apoio do Google Developers Group (GDG) e a Stefanini, o encontro tem como objetivo disseminar o trabalho das mulheres Devs e promover uma troca de ideias e de experiências, além de contribuir com dicas e novas aprendizagens.

O Women Techmakers – Devs JavaGirls vai abrir o projeto Women Techmakers em Brasília, que realizará eventos mensais para aproximar a comunidade de mulheres na capital do País. O Devs JavaGirls é um grupo que possui o intuito de unir a comunidade em torno do fortalecimento dos skills técnicos de mulheres que trabalham ou pretendem trabalhar com programação especificamente em Java.

A programação do evento contará com duas palestras. A + Design Pattern será conduzida por Rita Pissarra, profissional experiente que atua com as tecnologias VueJS, Angular 5 e Groovy. Rita é sócia na Facilite Contabilidade e dev sênior na Cast, e estuda desenvolvimento de software desde 2009, já tendo trabalhado com tecnologias como Java com JSF, JPA e EJB, Spring e AngularJS, MEAN – MongoDB, ExpressJS, AngularJS e NodeJS.

Angélica Leite, que debaterá + Mistérios do Spring Framework, trabalha atualmente na ONU Meio Ambiente, no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e Sistema de Informação sobre Biodiversidade (SiBBr). Também atua com desenvolvimento de software desde 2010 passando pelo back e pelo front com tecnologias como Java 8, Java EE, JAX-RS, Wildfly, Primefaces, MySQL, Spring Boot, Spring Security, Spring View, JavaScript, entre outras.

A Stefanini apoia iniciativas que ampliam a participação feminina em suas várias frentes. A companhia enxerga o evento como uma oportunidade de disseminação de conhecimento e troca de experiência entre os profissionais de TI, independentemente de gênero. Com um portfólio robusto, que inclui soluções de cloud, analytics, plataformas de inteligência cognitiva e fidelização, segurança cibernética, Internet das Coisas e Indústria 4.0, a Stefanini conta com ofertas inovadoras e resultados mais ágeis e eficientes para todas as áreas de negócios.

O GDG é uma comunidade de desenvolvedores com o objetivo de compartilhar conhecimentos, ideias e promover a integração social com outros profissionais, com foco em conteúdo técnico-educacional, além de criar projetos no conceito de fonte aberta e APIs públicas como Android, Firebase, Cloud platform e TensorFlow. Presente em 119 países, o GDG integra mais de 750 grupos e conta com mais de 425 mil membros. O Grupo realiza atividades como reuniões frequentes, palestras, grupos de debates, apresentação de projetos e ideias. Também promove a discussão de temas como Guidelines, uso de Biblioteca Google, Desenvolvimento e Design patterns.

O evento é gratuito e podem participar profissionais, empreendedores e estudantes. Para comparecer a esse encontro, basta clicar aqui, preencher o formulário de inscrição e aguardar o e-mail de confirmação.

Women Techmakers

Dia: 22 de agosto, quarta-feira

Horário: às 19h

Local: Stefanini – Escritório Brasília

Endereço: Setor Comercial Norte Q1 | Bloco A | Edifício Number One Sala 201 | Asa Norte | Brasília (DF)

Tags, , , , , ,

Stefanini se une à ONG Mais Mulheres na TI para promover eventos de Soft Skills voltados para a carreira

A Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, e a ONG Mais Mulheres na TI se unem para promover o Domínio de Soft Skills para o Sucesso no Local de Trabalho, que acontece entre os dias 7 e 10 de agosto, no Stefanini Innovation Center, na sede da companhia, em São Paulo.

Cada módulo consiste em uma atividade destinada a fazer com que as pessoas pensem, pratiquem e discutam habilidades relevantes para a carreira e o sucesso pessoal. Além disso, o participante receberá inputs sobre a melhor maneira para atender às necessidades e interesses em novos comportamentos.

O foco das ações será em mulheres que buscam recolocação no mercado. A partir da iniciativa de inclusão de Mais Mulheres na TI, a associação tem como objetivo reduzir a lacuna tecnológica de gênero com capacitações colaborativas em tecnologia de mulheres que serão impactadas pela inovação disruptiva. “Somos um grupo de pessoas apaixonadas por tecnologia que apoia uma mudança social positiva”, afirma Isabela Gayno, fundadora da ONG Mais Mulheres na TI.

Com um portfólio robusto, que inclui soluções de cloud, analytics, plataformas de inteligência cognitiva e fidelização, segurança cibernética, Internet das Coisas e Indústria 4.0, a Stefanini investe constantemente em iniciativas que incluem pessoas em busca de experiências e aprendizados que as mantenham conectadas com o futuro.

Programação:

7 de agosto – As competências esperadas para os profissionais do futuro | Palestrante: João Paulo Coutinho

João Paulo Coutinho trabalha há mais de 10 anos com Aprendizagem Corporativa. Atua em Programas de Desenvolvimento de Lideranças, de Competências e em projetos de Aprendizagem Corporativa, Gestão de Mudanças e Desenvolvimento Organizacional.

8 de agosto – A Entrevista | Palestrante: Isabella Bertelli

Isabella Bertelli é graduada e mestre em Psicologia pela Universidade de São Paulo (USP) e conta com experiência com treinamento e desenvolvimento corporativo e orientação de carreira.

9 de agosto – O poder da Pergunta | Palestrante: Helena Mihoko Miyahara

Helena Miyahara é estudiosa sobre como é o aprendizado e o desenvolvimento de habilidades humanas necessárias para profissionais, pessoas, cidadãos.

10 de agosto – Comunicação interna e externa | Palestrante: Camila Rocha

Camila Rocha é graduada em processamento de dados com MBA em gestão de projetos e neurociência. Atua há seis anos na área de gestão de projetos em TI, focada em transformação cultural para o Ágil.

Para se inscrever, o interessado deve acessar aqui e aguardar o e-mail de confirmação. As vagas são limitadas.

Academia Soft Skills: Domínio de Soft Skills para o sucesso no local de trabalho.

Data: 7 a 10 de agosto | Das 19h às 22h

Realização: Mais Mulheres na TI

Inscrições: até 6 de agosto | Custo: R$ 40,00

Local: Stefanini Innovation Center

Endereço: Avenida Eusébio Matoso, 1385 Pinheiros, São Paulo (SP)

Tags, , , , ,