Brasil é o segundo país a comercializar a insulina inalável para o tratamento de diabetes

Pacientes que convivem com o diabetes passam a contar com uma opção inovadora e segura para melhorar o controle glicêmico, já disponível no Brasil, que oferece menor risco de hipoglicemias aos usuários. A insulina inalável Afrezza® chega ao mercado pela Biomm, empresa brasileira de biotecnologia, em uma parceria com a MannKind Corporation, biofarmacêutica norte-americana. O Brasil … Saiba mais

3 Tendências no setor de Healthcare para 2019

Por Barrett Coakley 2018 foi um ano interessante para o setor de saúde e, 2019 prepara-se para ser tão bom quanto. Há um enorme mercado que precisa ser explorado devido ao envelhecimento da população mundial e o anseio de que os idosos vivam sozinhos pelo maior tempo possível. Permitir esse … Saiba mais

O impacto da IoT e Wearables na saúde

Por Barrett Coakley Muitos idosos manifestam interesse em permanecer em suas casas pelo maior tempo possível à medida que envelhecem. Como resultado, o mercado de assistência médica domiciliar (home healthcare) teve um enorme crescimento, com muitas empresas tentando aproveitar essa nova demanda. Atualmente existem mais de 300 mil aplicativos no … Saiba mais

Grupo Fleury abre inscrições para IV Prêmio de Inovação

quarta edição do Prêmio de Inovação do Grupo Fleury (PIF) abre inscrições até 20 de outubro para pesquisadores da área de medicina e saúde. Neste ano, o PIF destaca artigos científicos e patentes depositadas com uso das plataformas de Bioinformática e/ou Inteligência Artificial em genômica, proteômica, metabolômica e radiômica. Os … Saiba mais

Startup focada em saúde vence GIC 2018 e ganha aceleração e mentoria nos EUA

Acelerada pela InovAtiva Brasil em 2016, a medRoom, startup que utiliza a realidade virtual e a gamificação para melhorar o treinamento de estudantes e profissionais de saúde, foi a vencedora do Global Impact Challenge Brasil 2018 (GIC), competição de startups da área de educação. A seleção, que aconteceu nas cidades … Saiba mais