Tag Olimpíada Brasileira de Robótica

Olimpíada Brasileira de Robótica 2017 tem inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para a Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) 2017, destinada a alunos do ensino fundamental e médio de todo o País. A OBR é uma das olimpíadas científicas apoiadas pelo governo federal, através do CNPq, Capes, Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e Ministério da Educação. É uma iniciativa pública, gratuita e sem fins lucrativos, coordenada de forma voluntária por professores e pesquisadores da área de robótica de universidades brasileiras. A Olimpíada é uma iniciativa para popularizar a ciência, tecnologia e inovação junto aos jovens e para aproximá-los da área de exatas, além de ser um grande estímulo para a proposição de novas metodologias no processo ensino-aprendizagem.

A OBR teve, em 2016, a participação recorde de mais de 111 mil alunos, distribuídos em mais de 1.600 escolas em todos os Estados do País. É uma das olimpíadas que mais cresce no Brasil em função da grande aceitação da robótica pelos alunos.

O que nem todo mundo sabe é que Sorocaba tem uma presença importante na organização da OBR. Dentre os membros fundadores da OBR estão dois professores de Sorocaba, que foram os coordenadores nacionais da olimpíada nos biênios 2011-2012 e 2015-2016. É aqui em nossa cidade que fica a sede administrativa da OBR, bem como todo o sistema de computadores da Olimpíada, ambos instalados nas dependências da Unesp Sorocaba. Em 2017, a coordenação nacional da OBR é de um professor da UFSCar, universidade também instalada em nosso município.

Embora toda essa iniciativa ocorra em nossa cidade, a participação dos alunos de Sorocaba ainda é pequena. Em 2016 foram inscritos na OBR apenas 203 alunos de nove instituições sediadas no município. Isso corresponde a 0,18% do total de alunos. É ainda, pouco para a cidade.

Quem pode participar da OBR? Qualquer aluno matriculado no ensino fundamental, médio ou técnico de qualquer escola pública ou privada.

Como é a participação na olimpíada? A OBR tem provas teóricas e práticas. Se a escola já utiliza robótica, então ela pode participar da modalidade prática. As provas práticas ocorrem em todas as regiões, e os finalistas de cada estado são convidados a participar da final nacional.

Se a escola não possui robôs, a OBR tem provas teóricas em vários níveis escolares. Não é preciso ter um grande conhecimento prévio sobre robótica. Muitas das questões da OBR abordam o conteúdo curricular do ensino fundamental e médio aplicado à robótica. As provas produzidas pela OBR são aplicadas na própria escola na primeira fase.

Todos os participantes – alunos e professores – recebem certificados de participação. Toda escola participante recebe pelo menos uma medalha para seu melhor aluno. A fase final da OBR acontece em conjunto com a Competição Brasileira de Robótica (CBR) e a Mostra Nacional de Robótica (MNR), e o melhor aluno do Brasil ganha o direito de participar da RoboCup internacional.

Para participar da OBR, os alunos devem procurar um professor de sua escola e solicitar a ele para que faça a inscrição no evento. A participação é totalmente gratuita.

As inscrições vão até 20 de maio de 2017. Modalidade Teórica: provas nacionais em 2 de junho (1ª fase) e 25 de agosto (2ª fase, apenas para o nível 5); Modalidade Prática: etapas regionais e estaduais de julho a agosto e a Final Nacional será em Curitiba (PR). Mais informações: www.obr.org.br

Alexandre da Silva Simões é professor da Unesp em Sorocaba, vice-diretor do Instituto de Ciência e Tecnologia de Sorocaba (ICTS), e membro do Conselho Municipal de Educação (CME) de Sorocaba.

Esther Luna Colombini é professora do Instituto de Computação (IC) da Unicamp e pesquisadora junto à Unesp Sorocaba.

Rafael Vidal Aroca é professor do departamento de Engenharia Mecânica da UFSCar, Câmpus de São Carlos e coordenador nacional da OBR 2017. Os três são membros do Conselho Superior da OBR.

Publicado originalmente em
http://www.jornalcruzeiro.com.br/materia/771584/olimpiada-brasileira-de-robotica-2017

Tags, , , , , ,

Mostra Nacional de Robótica está com as inscrições abertas

Estão abertas até 1º de setembro as inscrições de trabalhos para a Mostra Nacional de Robótica (MNR). Pode participar todo aluno do ensino fundamental, médio, técnico ou superior de qualquer estado do país, com ou sem conhecimento prévio sobre robótica, bem como pós-graduandos e pesquisadores da área. Informações em www.mnr.org.br

A MNR objetiva popularizar entre os jovens a ciência e a tecnologia, além de reconhecer e incentivar jovens talentos em todo território nacional. Trabalhos realizados pelos alunos podem ser submetidos no formato multimídia (fotos, desenhos ou vídeos do trabalho) ou artigo científico/tecnológico.

São aceitos participantes relacionados a qualquer área do conhecimento, como artes (desenhos de robôs, pinturas, colagens), ensino (abordagens pedagógicas interessantes com o tema da robótica), ciências (uso do tema robótica em atividades que promovam reflexão sobre reciclagem, física, química, tecnologias assistivas), competições de robóticas ou atividades recreativas, além das diversas áreas técnicas da robótica (protótipos, elétrica, mecânica, computação. A única restrição é que os trabalhos mantenham vínculo com a temática da robótica/automação.

O evento, público, gratuito e sem fins lucrativos, busca reconhecer e apoiar jovens talentos, despertando-os para as áreas tecnológicas. Os coordenadores da MNR 2011/2012 são Alexandre da Silva Simões, da Unesp de Sorocaba, e Flavio Tonidandel, da FEI.

A MNR distribuirá 48 bolsas de Iniciação Científica Junior do CNPq com duração de 1 ano, além de apoio financeiro (passagens/hospedagem) para que os autores dos melhores trabalhos do ensino fundamental/médio e seus professores se apresentem na MNR.

A Mostra acontece conjuntamente com a edição comemorativa dos 10 anos da Competição Brasileira de Robótica (www.cbrobotica.org), finais da Olimpíada Brasileira de Robótica (www.obr.org.br), Workshop de Robótica Educacional (http://www.natalnet.br/wre2012/) e Simpósio Brasileiro de Robótica/Latin American Robotics Symposium (http://www.sbr2012.org/) na cidade de Fortaleza, CE, em outubro de 2012.

Trata-se de um dos maiores encontros de ciência e tecnologia do país. Além destes prêmios, a MNR distribuirá certificados e menções honrosas para os alunos, professores e escolas. Todos os trabalhos bem avaliados (premiados ou não) serão divulgados online no portal da MNR para todo o Brasil.

Entre os apoiadores da ação estão Ministério da Educação e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Capes, CNPq, Unesp e FEI.

Tags, , ,