Tag metalurgia

Mining Lab Challenge está com inscrições abertas e busca por soluções inovadoras em mineração e metalurgia

O Mining Lab Challenge, iniciativa da Nexa Resources que visa apoiar empreendedores no processo de desenvolvimento de inovações tecnológicas para a indústria da mineração e metalurgia, está com inscrições abertas entre os dias 7 de setembro e 2 de outubro, no site http://mininglab.com.br.

Após uma edição especial voltada para a Covid-19 realizada em parceria com o Instituto Votorantim e a Beneficência Portuguesa de SP, a nova chamada do Mining Lab Challenge busca por soluções inovadoras para a Nexa divididas em quatro categorias: Produzindo zinco e cobre; Gestão e eliminação de resíduos e efluentes; Construindo legados positivos; e Mais eficiência e produtividade. As soluções vencedoras receberão investimento financeiro para o desenvolvimento dos pilotos, assessoria contínua de profissionais da Nexa durante um ano, mentorias financeira, jurídica, além de acesso às instalações e às informações técnicas das unidades da Nexa.

O objetivo do Mining Lab Challenge é desenvolver propostas capazes de potencializar, resolver e aprimorar as metas e objetivos da companhia em médio e longo prazo. Para isso, as soluções devem estar dentro do que é esperado em cada categoria:

• Produzindo zinco e cobre – Neste campo, o projeto busca soluções e tecnologias capazes de ser provadas em até 12 meses e que envolvam aspectos científicos, sendo capazes de transformar e incrementar a cadeia produtiva do zinco e cobre da Nexa. Com isso, as propostas devem estar relacionadas às áreas de lavra e beneficiamento, refino e fundição.

• Gestão e eliminação de resíduos e efluentes – Nesta categoria, o programa busca soluções que possam ser provadas em até 12 meses e que sejam capazes de transformar e incrementar o processo de gestão, eliminação de resíduos e efluentes e transformá-los em novos produtos. Neste caso, as soluções devem estar relacionadas a desenvolvimento de novas rotas de processo ou novos modelos de negócios para o aproveitamento da Pirita, desenvolvimento de novos produtos a partir da Jarosita e sistemas para gerenciamento de emissões atmosféricas e qualidade do ar.

• Construindo legados positivos – Iniciativas que busquem criar uma rede que promova o desenvolvimento econômico sustentável dos territórios através das potencializações de seus recursos locais e da qualificação das pessoas, ampliando as possibilidades de geração de emprego e renda. Diante disso, soluções focadas em alavancar o empreendedorismo local e uso futuro são bem-vindas.

• Mais eficiência e produtividade – A última categoria do programa busca ideias inovadoras para áreas como engenharia, SSO, desenvolvimento humano, entre outros. Além disso, visa acelerar aplicações capazes de ditar a transformação rumo à indústria 4.0, com foco em automação, digitalização e produtividade.

Tags

Votorantim Metais vai selecionar startups

A Votorantim Metais, empresa que atua nos segmentos de mineração e metalurgia, lança nesta segunda-feira, 21 de novembro, seu programa nacional de apoio a empreendedores. A iniciativa, batizada de Mining Lab, vai selecionar startups interessadas em desenvolver soluções tecnológicas aplicáveis nas operações da empresa. Para se inscrever, os interessados devem preencher as informações no site www.mininglab.com.br. O programa prevê a escolha de 20 projetos e conta com o apoio da FIEMG (Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais), que atuará na captação das startups e no acompanhamento e avaliação das atividades. No primeiro ciclo, os temas de desenvolvimento vão se concentrar nas áreas de Nanotecnologia e Energias Renováveis.

A Votorantim Metais adota o modelo de inovação aberta como estratégia para o desenvolvimento de tecnologias por meio de parcerias com diversas instituições de pesquisa. O projeto Mining Lab abre a mesma possibilidade para as startups. “Queremos ter startups como parceiras no desenvolvimento de tecnologia de ponta aplicada à indústria de mineração e metalurgia. Vamos dar a esses empreendedores um desafio e o apoio necessário para superá-lo, aplicando seu produto ou processo”, diz Rodrigo Gomes, gerente de Tecnologia da Votorantim Metais.

Na área de energia, os alvos são startups que possam desenvolver tecnologias para substituir as matrizes energéticas tradicionais da mineração (combustíveis fósseis e eletricidade, por exemplo) por alternativas mais econômicas e que apresentem ganhos ambientais, tais como: biomassa, biogás, energia solar, óleos menos poluentes e renováveis, sistemas de ar comprimido e de bombeamento mais eficientes, ou até mesmo novas fontes ainda não mapeadas.

No ramo de nanotecnologia, a busca é por empresas capazes de desenvolver soluções que utilizem essa tecnologia em aplicações como: recuperação de partículas durante os processos de flotação e hidrometalúrgicos, soluções em corrosão, aplicações de óxidos dos metais, tratamento e recuperação de efluentes e desenvolvimento de novos produtos.

A seleção terá três etapas. Após a inscrição e apresentação das candidaturas serão selecionados 20 projetos. Essas 20 startups passarão por um período de imersão para entender os processos de produção da empresa e receberão apoio para apresentação do projeto final. Os dez melhores projetos serão selecionados por uma banca examinadora.

Os finalistas poderão tornar-se fornecedores da empresa ou receber investimento para desenvolvimento do negócio, além de outros benefícios. O programa Mining Lab oferece possibilidade ainda de conexão com outras empresas do conglomerado industrial.

Programa Mining Lab

“Conecte-se à Votorantim Metais e desenvolva seu negócio”
www.mininglab.com.br
Inscrições abertas de 21 de novembro até 20 de janeiro

Tags, , , , , ,