Tag CPFL

Programa da CPFL investe no uso de veículos elétricos no Brasil

A mobilidade elétrica desponta, no contexto internacional, como uma mudança de paradigma para o transporte público e privado e um importante vetor para a construção de cidades mais inteligentes e eficientes. O principal benefício da utilização de veículos elétricos é a não emissão de gases tóxicos que provocam o efeito estufa na atmosfera, além de menor custo com combustível.

No Brasil, a mobilidade elétrica começa a ganhar força e alguns incentivos implementados pelo governo federal, como a isenção do imposto de importação de veículos elétricos. “O custo atual da eletricidade, se comparada com o preço do combustível, torna o valor do quilômetro rodado mais barato com veículos elétricos. Além disso, o custo de manutenção é menor, pois é utilizado uma quantidade menor de peças móveis e de filtragem, o que faz com que haja menos desgaste mecânico”, ressalta o especialista em inovação e gerente do Programa Emotive, desenvolvido pela CPFL Energia, Danilo Leite.

O especialista da CPFL Energia é um dos palestrantes da 15ª Latin American Utility Week, principal encontro de utilities da América Latina, e irá falar sobre o “Programa Emotive CPFL e os desafios para o desenvolvimento de infraestrutura para mobilidade” no dia 20 de setembro, às 17h10. A iniciativa é desenvolvida na região Metropolitana de Campinas pela CPFL e tem o objetivo de constituir um laboratório real de mobilidade elétrica, permitindo a coleta de dados em regime real de operação das diversas aplicações e implicações de tecnologias relacionadas à mobilidade elétrica, possibilitando o estudo e aprofundamento dos impactos reais dos veículos elétricos para o setor elétrico.

Segundo Leite, na pauta da palestra estão os resultados preliminares do programa, os desafios enfrentados pelo setor elétrico, as necessidades de adequações tributárias para a aquisição de veículos, a implantação de infraestrutura pública e os ajustes regulatórios. “É necessário discutir as políticas de incentivo à criação de um ecossistema sustentável, só assim será possível o desenvolvimento da mobilidade elétrica no Brasil”, afirma o especialista da CPFL Energia.

A palestra integra uma ampla programação da conferência da 15ª Latin American Utility Week. Durante os três dias de evento, de 19 a 21 de setembro no Transamerica Expo Center, em São Paulo, serão debatidos os assuntos mais relevantes do setor de utilities na atualidade dentro de quatro eixos temático: Smart Grids & Medição, Cidades Inteligentes, Renováveis e Água & Gás.

Latin American Utility Week (LAUW)

Data: 19 a 21 de setembro

Local: Transamerica Expo Center – Av. Dr. Mário Villas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro – São Paulo – SP

Horário: Exposição – 10h às 18h / Conferências – 9h30 às 17h30

Tags, , , ,

Grupo CPFL unifica banco de dados de mais de 8 mil funcionários com sistema “Primeiro as Pessoas”

Com o intuito de compilar informações e indicadores dos seus mais de 8 mil funcionários em um mesmo banco de dados, o Grupo CPFL Energia, maior empresa privada de energia do País, implementa a solução Sistema Primeiro as Pessoas (SPAP), desenvolvida pela Resource, uma das principais e mais bem-sucedidas multinacionais brasileiras de serviços de TI e Integração Digital. “Decidimos investir nessa ferramenta porque necessitávamos de uma estrutura única para inclusão, edição e acesso às informações de nossos funcionários. Antes do SPAP, havia muitos processos manuais, dados desatualizados e não tínhamos integração com o nosso sistema de gestão empresarial”, explica Frederico Raperger, Gerente de Projetos de TI da CPFL Energia. Outros destaques da solução, segundo o gestor, são a interface amigável e a questão de ser uma ferramenta totalmente personalizada.

O projeto foi dividido em duas fases. Nessa primeira etapa, além de unificar os dados, o software permite acesso rápido aos registros que auxiliam na tomada de decisões estratégicas relacionadas à saúde, segurança e qualidade de vida dos colaboradores. Durante o desenvolvimento, a Resource focou exatamente na usabilidade do sistema. Era necessário criar um programa que fosse fácil de inserir e extrair os dados. Ao mesmo tempo, a ferramenta precisava ter interfaces gráficas simples e intuitivas. Cada tela, segundo Jose Zuhlke, Diretor Executivo de Operações e Serviços da Resource, foi cuidadosamente projetada para ser autoexplicativa, uma vez que a diversidade de perfis dos usuários é enorme.

Outro destaque do projeto entregue pela Resource é a interface desenvolvida com o eSocial, projeto do Governo Federal que unifica o envio de informações pelo empregador em relação aos seus empregados. O sistema tem como objetivo facilitar os diálogos de segurança nos departamentos, os alertas para possíveis situações de risco dentro da empresa e o reporte de incidentes e acidentes, além de integrar todos os dados geridos pela área de saúde. A solução segue todas as obrigações legais e dezenas de interfaces de comunicação foram criadas para garantir que cada dado seja enviado de maneira consistente e em conformidade com todas as regras do Governo.

“Estamos orgulhosos com a entrega de um projeto dessa magnitude. Foram mais de 10 mil horas destinadas à criação do programa, com 30 interfaces com a SAP geradas, mais de 300 mil linhas de código-fonte produzidas e mais de 800 funções e métodos implementados. São quase dez anos de parceria com a CPFL Energia, então estamos felizes com o resultado da primeira fase do projeto e entusiasmados para a próxima etapa”, comenta o executivo da Resource.

A união e o bom relacionamento entre as empresas também foram destacados positivamente por Luiz Rodrigues Kisch, Engenheiro de Segurança do Trabalho da CPFL Energia. “Foi uma satisfação muito grande e houve uma grande sinergia entre os times. A interação entre as empresas foi perfeita da etapa inicial até a entrega do projeto e fator determinante para o sucesso do SPAP”, completa Kisch. Para a segunda fase, o objetivo é fazer a integração com os programas de saúde e qualidade de vida promovidos pela CPFL Energia, como o Corrida e Caminhada e o Alimentação Saudável.

O desenvolvimento do projeto também envolve controles de entregas e recebimento de EPIs, calibração, inspeção de segurança, aferição de equipamentos, treinamentos e outros módulos que permitem a interação dos colaboradores com os programas de segurança no ambiente de trabalho e de promoção da saúde. Isso valoriza o capital humano e influencia positiva e diretamente o clima organizacional do Grupo CPFL Energia.

Tags, , ,