Tag spam

Truecaller, APP para identificação de chamadas, alcança 1 milhão de usuários no Brasil

view.aspxCom mais de 2 bilhões de consultas por mês e 100 milhões de usuários no mundo, app conquista brasileiros com recursos como bloqueio de SPAMS telefônicos e a identificação de chamadas além da agenda do usuário

Parceria com Bemobi disponibilizará aplicativo em lojas premium das operadoras de celular

Com forte presença global, a sueca Truecaller, empresa líder em tecnologia de busca que está transformando a agenda de contatos para deixá-la mais inteligente e útil, caiu nas graças do brasileiro. O aplicativo, que abriu escritório no Brasil recentemente, alcançou a marca de 1 milhão de usuários no país. Com mais de 2 bilhões de consultas por mês e 100 milhões de usuários no mundo todo, o aplicativo permite identificar quem está chamando, mesmo que o número não esteja na lista de contatos, e auxilia a bloquear ligações indesejadas (SPAMS).

A empresa ingressa no mercado brasileiro já assinando uma parceria com a Bemobi, empresa de soluções mobile, o que irá acelerar sua rápida expansão no País com a disponibilização do aplicativo em lojas premium das principais operadoras de telefonia celular – Oi, Vivo, Claro e TIM. O acordo brasileiro segue diversas outras parcerias firmadas em vários mercados com empresas como Microsoft, Samsung e Airtel, a maior operadora de celular da Índia.

“Com uma base crescente de smartphones e uma forte atuação de spammers telefônicos no País o app da Truecaller certamente continuará crescer rapidamente no Brasil, já que ajuda a identificar chamadas indesejadas e ainda é uma ferramenta muito útil para incrementar a agenda”, comenta Hermano Cintra, VP de Novos Negócios para a América Latina da Truecaller.

Com mais de meio milhão de números marcados como “SPAM” somente no Brasil, o aplicativo protege contra ligações desconhecidas, trazendo maior poder ao consumidor, que pode decidir melhor quais chamadas quer atender.

“O Truecaller é um aplicativo que certamente terá crescente adesão entre os usuários brasileiros. Temos uma expectativa muito positiva para impulsionar os downloads através do Apps Club, que é nosso serviço de distribuição de apps em parceria com as principais operadoras do Brasil.” Afirma Pedro Ripper, CEO da Bemobi.

O download do aplicativo pode ser feito gratuitamente para diversos sistemas operacionais e smartphones, incluindo iOS, Android, Windows Phone, BlackBerry e Nokia.

Tags, , ,

Como bloquear contatos no e-mail e telefone e se livrar do spam

A internet nos permite nos comunicar com outras pessoas no mundo, enquanto tivermos acesso à Web. Há muitos benefícios, mas também muitos incômodos, um deles é alguém indesejável entrar em contato com você.

Mas existem tecnologias capazes de bloquear pessoas indesejáveis que tratam de contatá-lo on-line e no seu telefone. Quer saber como podemos bloquear pessoas on-line e no telefone?

Controles do Spam de correio eletrônico incorporado

Se você utiliza um serviço de e-mail popular, como Gmail ou Yahoo, há uma opção para bloquear um endereço de e-mail específico para que não possa contatá-lo novamente. Colocando um correio eletrônico como Spam, o remetente será bloqueado automaticamente, além de ser enviado ao fornecedor de correio eletrônico para que possam investigar mais a fundo as mensagens daquele endereço.
Você também pode criar filtros no Gmail e Yahoo, assim os e-mails de contatos não desejados são enviados a uma pasta ao invés de ser eliminados diretamente.

Funcionalidade de bloqueio de contatos nos telefones celulares

Com o iOS7, a Apple incorporou o bloqueio de chamadas e mensagens. Ao fazer clique em qualquer contato, seja o remetente da mensagem de texto ou chamada, os usuários de iPhone podem recorrer a ‘Bloquear contato’ para impedir futuros textos ou chamadas desse contato. Era uma característica muito esperada. “Uma das maiores reclamações feitas por muitos usuários de iOS da introdução de iMessage e FaceTime com iOS 5 foi a incapacidade de bloquear contatos”, escreveu o escritor técnico sênior de CNET Jason Cipriani. Apple respondeu de forma clara aos desejos de muitos deles com esta útil característica.

No Android, a forma mais fácil de bloquear números específicos é através da lista de auto rejeitar. Para acessar: telefone >>menu>> ajustes de chamada >> rejeitar ligações >> lista de rejeitados. Aqui, você pode adicionar números de telefone para bloquear selecionando o botão ‘Criar’, e em seguida ‘Salvar’ para guardar a lista. Aqui, também pode selecionar a opção de bloquear todas as chamadas de números desconhecidos, que frequentemente são ligações Spam.

Função Anti-Spam via PSafe Internet e Psafe Total

A funcionalidade incorporada anteriormente citada é útil para bloquear e-mails ou números de telefone específicos, mas é recomendado ir além do mínimo necessário para bloquear incômodos contatos não desejados. Alguns contatos utilizam várias contas de e-mail ou números de telefone para entrar em contato com você. A função anti-Spam no PSafe Internet e Psafe Total para Android combate bloqueando automaticamente todo Spam de SMS e chamadas. Esta é uma das várias funcionalidades úteis do PSafe, uma suíte de segurança que também proporciona proteção anti-phishing, monitores de memória/largura de banda e tecnologia alarme antifurto.
Com os conselhos anteriores, você economizará tempo mediante o bloqueio de números e correios eletrônicos que estão consumindo seu dia.

Tags, , , , ,

Symantec identifica golpe na internet relacionado ao Instagram

O Instagram – rede social para compartilhar fotos e vídeos, adquirido pelo Facebook – é alvo de Spam e golpes digitais. Essa semana, foi compartilhado um anúncio em in-stream para um programa chamado Instagram para PC (Instagram for PC) na linha do tempo do Facebook. Esta aplicação alega executar o Instagram em um emulador, de modo que os usuários de PCs possam acessar o serviço sem utilizar um aparelho de celular.

Ao tentar baixar uma cópia do Instagram para PC, é possível observar dois arquivos maliciosos distintos:
Arquivo n º 1: Missing Dynamic Link Library (.dll) File

O primeiro golpe é um grande arquivo RAR empacotado em uma série de bibliotecas de vínculo dinâmico (.DLL), juntamente com a suposta aplicação. Quando um usuário tenta executar o aplicativo, ele é recebido com o que se parece com uma tela de login para o Instagram.

Na realidade, essa tela de login é uma farsa. Se um usuário tenta fazer o acesso, recebe um falso “Erro Fatal 2.4.5” da mensagem, alegando que falta um arquivo.

Ao selecionar “Sim” na caixa de diálogo para a arquivo que está faltando, os usuários são redirecionados para uma página que discute o erro e como ele pode ser corrigido.

A linguagem utilizada para explicar o erro é suspeita. Ainda, a mesma página de erro afirma que, se a transferência “não funcionar”, o usuário deve clicar em uma variedade de opções de compartilhamento social, antes de tentar o download novamente.
Quando o usuário tenta baixar o arquivo. Dll que falta, ele é convidado a preencher um questionário.

Arquivo n º 2: Ativar o Instagram

A segunda ameaça maliciosa é a mais recente versão do Instagram para PC, que afirma que, para o aplicativo funcionar, o usuário precisa “ativar” o Instagram. Na parte inferior do aplicativo há ainda um aviso em vermelho que o serviço “não está ativo.”

Ao clicar em “Clique aqui para ativar”, uma nova janela pop-up se abre e pede ao usuário para “completar a oferta rápida ou pesquisa”, a fim de ativar o Instagram.

Ambas as supostas versões do Instagram para PC não entregam o que foi prometido. Este é apenas mais um veículo utilizado pelos scammers para convencer os usuários a preencher os questionários, com o objetivo de obter dinheiro por meio de programas ilícitos.
Mais de 4.000 pessoas no mundo já postaram sobre o Instagram para PC no Twitter e no Facebook, e mais de 2.000 usuários compartilharam no Google+.

Ao usuário que baixou os arquivos, não há funcionalidade maliciosa atrelada ao software, como um keylogger ou backdoor. Os produtos da Symantec detectam estes arquivos como Downloader.MisleadApp.

Para os usuários de PC que pretendem acessar o Instagram de seu computador, não procurem mais o endereço instagram.com. O acesso deve ser feito no próprio site que fornece o serviço em qualquer navegador e em qualquer plataforma.

Para os usuários das redes sociais, é importante ter cuidado com os golpistas que tentam encontrar formas de convencê-lo a fornecer os seus dados de login, instalar aplicativos, ou copiar e colar o código em páginas da Web. Além disso, é importante não clicar em links suspeitos e relatar quaisquer links suspeitos usando a funcionalidade de relatórios dentro do Facebook e outras redes sociais

Tags, , ,

Redes sociais são principal alvo de phishing

Fonte: Executivos Financeiros

O volume de mensagens de phishing no tráfego de correio cresceu ligeiramente. Segundo os resultados do Relatório de Spam de maio, feito pela Kaspersky Lab, as redes sociais continuam a ocupar o primeiro posto na lista dos temas que são mais utilizados como meio de disseminação pelos phishers. O índice cresceu 0,5% e passou a atingir os 35,93%.

No golpe, os usuários recebem mensagens falsas, se passando pela rede social. Os links da mensagem levam a sites falsos onde as credenciais serão roubadas. Os sistemas de busca financeiros (14,95%) e os serviços de pagamentos (14,93%) trocaram de posições e agora ocupam o segundo e terceiro lugar, respectivamente.

A quarta posição continua a ser ocupada por empresas de TI (9,93%) e no, quinto posto, estão as lojas online (8,68%). Os fornecedores de serviços telefônicos e de Internet (8,39%) caíram uma posição, e agora ocupam o sexto lugar.

Trojans ZEUZ

A família de Trojans ZEUS/Zbot voltou a figurar entre os dez principais programas maliciosos que chegam aos usuários via mensagens de spam. De acordo com o relatório, a ameaça ocupa as segunda e terceira posição no ranking com 26,2% de participação.

O Trojan-spy.html.fraud.gen continua no primeiro lugar da lista dos programas maliciosos enviados por email. A ameaça é uma página de phishing, enviada diretamente pelos cibercriminosos, que possui um formulário para que os usuários introduzam seus dados pessoais. O objetivo desses criminosos é roubar essas informações.

De acordo com a pesquisa, o tráfego de spam no email sofreu uma redução de 2,5%, atingindo os 69,7%. O volume de mensagens phishing cresceu ligeiramente em maio, mês em que 2,8% de todas as mensagens eletrônicas continham arquivos maliciosos, um crescimento de 0,4% em comparação com o mês anterior.

Segundo os resultados, os países que mais criam spams continuam sendo a China, os Estados Unidos e a Coréia do Sul. O Brasil também figura na lista das 20 nações que mais criam spams no mundo, com 1% de participação nesse cenário.

Tags, , ,