Tag smart home

Vitacon, IBM e Intel lançam projeto de smart home e prédio totalmente conectado em São Paulo

Imagine-se vivendo em um edifício que consiga entender a rotina dos seus moradores e fornecer serviços que se adequem às especificidades de cada um. Desde automação de ambientes e eletrodomésticos inteligentes até como você se relaciona com o ambiente onde vive. Este é objetivo da parceria entre Vitacon, IBM e Intel ao lançarem o projeto SOUL (Smart Options for Urban Life). A primeira etapa do projeto contará com um apartamento (laboratório) conectado destinado a startups e parceiros que queiram testar e aplicar inovações para smart home com base no conceito de Internet das Coisas.

Concebido também em parceria com a Associação Brasileira de Internet das Coisas (ABINC), o studio de 26 m², localizado na Rua Gomes de Carvalho, em São Paulo, terá a API aberta (Interface de Programação de Aplicação, em português) o que permitirá testes e instalação de sensores que meçam consumo de energia, água, gás, movimento, proximidade, temperatura, luminosidade e umidade; sistemas de notificação sem fio via Bluetooth e WiFi; dispositivos para interligar a rede central do prédio à de cada morador; câmeras de vigilância inteligentes, entre outros.

O objetivo será testar a aplicação da tecnologia no dia a dia de pessoas convivendo em um ambiente real e sentindo o profundo impacto de se ter tudo conectado e integrado, desde a chegada ao edifício até a entrada no apartamento, e a circulação entre quarto, sala, banheiro e cozinha.

Na segunda fase do projeto, as tecnologias mais maduras e integradas poderão ser aplicadas no edifício VN Bela Cintra no bairro dos Jardins, próximo à Av. Paulista. O empreendimento deve ser concluído em 2018.

“Unimos grandes corporações na geração de negócios e valor agregado. Vamos reinventar a experiência de morar através da tecnologia” explica Alexandre Lafer Frankel, CEO da Vitacon. “Nós entendemos que o mercado imobiliário deve criar experiências, promover o empreendedorismo e criar cidades mais inteligentes. Estamos criando um futuro em que os prédios receberão atualizações e aplicativos exatamente como um smartphone.”

Como parte dessa parceria, a IBM disponibilizará o Watson, sua plataforma de inteligência artificial para negócios, com soluções de Watson IoT (Internet of Things), assim como alguns projetos em colaboração com sua área de pesquisa, IBM Research.

“Inteligência artificial já é uma realidade no Brasil. IBM Watson está ajudando empresas e profissionais de diversos segmentos e está sendo usado por startups que desenvolvem novos produtos no mercado brasileiro”, comenta Carlos Tunes, Executivo de Watson IoT da IBM América Latina. “As soluções cognitivas de Watson IoT permitem às instituições terem sua capacidade cognitiva potencializada, explorando o mundo físico e conectando-o a sistemas inteligentes. “SMART LIVING” é a tradução dessa experiência do mundo conectado no nosso cotidiano, nas nossas residências, no nosso ambiente de trabalho”, conclui Tunes.

A Intel colocará à disposição da Vitacon soluções de IoT com arquitetura Intel para casas inteligentes por meio de uma série de diapositivos e software de parceiros e desenvolvedores, incluindo soluções para identificação, segurança e autenticação; sensoriamento e controle por voz, gestos ou automáticos; e monitoramento e controle de recursos públicos (água, gás, energia, esgotos etc.), tanto para os apartamentos quanto para o edifício.

Já Mauricio Ruiz, diretor-geral da Intel Brasil, finaliza avaliando que as “cidades inteligentes começam a partir de empreendimentos conectados, com estrutura para serviços digitais que facilitam a vida e melhoram a experiências das pessoas. As soluções de Internet das Coisas estão por trás de toda essa transformação. A parceria com a Vitacon reforça a preocupação da Intel com o desenvolvimento do ecossistema de tecnologia local para startups”.

Tags, , , , , , , ,

Produto de startup brasileira desperta o desejo por ambientes inteligentes

c6aa8b7d-58cc-43c4-bd50-3cb45e942dab

Os ambientes conectados estão ganhando cada vez mais espaço no mundo. Um estudo publicado pela Accenture, intitulado The Connected Home, indicou uma participação do setor de $285 bilhões na economia mundial em 2015. É crescente o número de consumidores nos Estados Unidos, líder do segmento, mas no contexto brasileiro a grande barreira ainda são os valores das soluções, a maioria delas importadas. A partir do conceito de internet das coisas, a Beyond Domotics, uma premiada startup brasileira, desenvolveu produtos e patentes que tornam essa tecnologia mais acessível e descomplicada.

Geralmente, as soluções para automação residencial são oriundas da automação industrial, exigindo grandes reformas, mão-de-obra especializada e muito tempo para a conclusão. O resultado acaba sendo um preço elevado e não compatível com a realidade brasileira. Com o objetivo de desenvolver uma solução para resolver esses problemas de forma prática, simples e acessível, em 2014 um grupo de amigos e ex-colegas de faculdade se uniram para iniciar o negócio.

A Beyond Domotics desenvolveu interruptores inteligentes que, após se conectarem na rede Wi-Fi, disponibilizam o acesso aos seus comandos em uma nuvem de dados online. O usuário controla pelo aplicativo todos os ambientes em que os produtos estão instalados. “Ter um smartphone com acesso à internet é o que o usuário necessita para tornar sua casa mais inteligente através da nossa tecnologia”, comenta Felipe Delvan, engenheiro eletricista e sócio fundador da empresa. Os produtos substituem os interruptores e tomadas convencionais, sem necessitar de uma central eletrônica, para seu funcionamento, pois possuem uma rede própria de comunicação sem fio, o que possibilita seu funcionamento mesmo durante as instabilidades do serviço de internet. A partir de um dispositivo, sem quebrar paredes, torna-se possível controlar a iluminação e os equipamentos eletrônicos, comandados por controle remoto, no ambiente. Esse tipo de instalação é inovador e um dos grandes diferenciais da solução, sendo o mais rápido disponível no mercado.

O lançamento dos produtos aconteceu no segundo semestre de 2016, durante a Construsul, segunda maior feira brasileira de negócios no segmento da construção civil, a qual foi realizada na cidade de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. Segundo o empresário, o grande desafio é alcançar os segmentos de públicos que ainda não pensam em adquirir a tecnologia: “As pessoas ainda pensam em automação como algo futurístico, que só existe no cinema, ou que não possuem condições financeiras para ter a tecnologia, por isso nós viemos para mudar essa realidade”.

No início deste ano, a empresa ampliou a oferta de produtos para plataforma online. Já disponíveis por revendas autorizadas desde o lançamento, a venda está sendo realizada também por e-commerce, em loja virtual própria. O objetivo é facilitar o acesso à tecnologia, que atualmente é comercializada somente por integradores e empresas que realizam projetos customizados para a casa toda.

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=nJ18IzGfM6o[/embedyt]

Tags, , , ,