Tag setor automotivo

T-Systems Brasil tem nova head para o setor automotivo

A T-Systems Brasil, provedora alemã com amplo portfólio de soluções digitais e serviços de TI, acaba de anunciar sua nova head da indústria Automotiva. Desde o dia 22 de janeiro, a área está sob o comando de Flávia Spadafora Ferreira de Castro.

Com mais de 20 anos de experiência no mercado de Tecnologia da Informação e forte conhecimento na área comercial, a executiva substitui Camilo Rubim, que deixou a companhia.

Flávia iniciou sua carreira em 1994 na KPMG e acumulou vasta experiência com passagens por empresas como IBM e Gartner. Sua última posição, antes de se unir ao time da T-Systems Brasil, foi de diretora regional do Gartner para São Paulo e São Paulo interior, onde liderou um time de vendas que cobriam os segmentos de indústria, manufatura, varejo, bens de consumo, construção e saúde.

“Contamos com esta experiência para gerenciar um time de profissionais seniores em vendas e serviços, focados em uma vertical extremamente importante para a T-Systems em nível global e local”, afirma Ideval Munhoz, presidente da T-Systems Brasil.

“Nossa missão é entender o negócio e os desafios de tecnologia de nossos clientes, atuando com as áreas de TI para que seus objetivos sejam superados com sucesso. Com isso, a TI se torna um ativo estratégico para as empresas serem cada vez mais competitivas”, ressalta Flavia.

Casada e com dois filhos, Flavia é formada em Administração pela FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), com Pós-Graduação em Marketing pela ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing) e MBA Executivo pela Business School São Paulo.

Tags, , , , , , , ,

Liga Ventures abre inscrições para segundo ciclo de aceleração do programa Liga AutoTech

Em parceria com Mercedes-Benz, Eaton, Sascar, Ticket Log, Repom e Webmotors, a plataforma de inovação aberta irá acelerar até 10 startups nessa nova fase. Interessados podem se inscrever até o dia 27 de agosto

A Liga Ventures – aceleradora especializada em gerar negócios entre startups e grandes corporações – acaba de abrir as inscrições para o 2° ciclo de aceleração da Liga AutoTech (https://liga.ventures/autotech), um programa de inovação aberta que irá prospectar, selecionar e acelerar startups em conjunto com grandes empresas dos setores de mobilidade, transporte, logística e da indústria automobilística.

Para essa nova rodada de aceleração, a vertical também contará com a parceria da Webmotors – uma das mais importantes marcas do segmento automotivo nacional, com amplo serviço de classificados para veículos novos e usados. Mercedes-Benz, Eaton, Sascar, Ticket Log e Repom, que já faziam parte da iniciativa, também participarão deste ciclo.

De acordo com Rogério Tamassia – diretor da Liga Ventures e um dos idealizadores do programa – o objetivo da Liga AutoTech é conectar grandes corporações a startups de tecnologia que estão transformando setores essenciais do país. “Verificar tendências, testar múltiplos mercados e modelos de negócio em conjunto com as startups é uma importante oportunidade para o desenvolvimento das empresas que poderão levar soluções inovadoras com mais agilidade para seus segmentos”, explica Tamassia.

Programa de Aceleração Liga AutoTech

Após as inscrições, serão selecionadas de 5 a 10 startups para este ciclo, em temas como gestão e serviços para frotas, varejo, pré e pós vendas, logística, big data e analytics, telemetria, rastreamento e pagamentos móveis.

Durante quatro meses, as startups selecionadas passarão por um programa de aceleração, no qual poderão explorar oportunidades de negócios com as grandes empresas participantes, mentorias com executivos do setor e com a rede de mentores da Liga Ventures, além de um amplo networking com potenciais parceirose investidores. Nenhuma contrapartida em participação societária ou propriedade intelectual é exigida das startups aceleradas.

Além do programa de aceleração, a plataforma promoverá eventos sobre inovação do setor, relacionamento com startups brasileiras e internacionais e a criação de um processo estruturado para gerar inteligência sobre o segmento.

Primeiro ciclo já traz bons resultados

A Trackage, startup focada em soluções de monitoramento para reduzir prejuízos como extravio, violação e perda de cargas e objetos para empresas é um dos destaques do primeiro ciclo da Liga AutoTech.

Em menos de 2 meses de programa, com respaldo e mentorias da Liga Ventures e corporações parceiras, a startup já está desenvolvendo um grande projeto em conjunto com uma das grandes empresas participantes. De acordo com Victor Hugo Moreira, CEO da startup, projetos-piloto estão em andamento com bons resultados e a expectativa é aumentar o escopo e o alcance até o final do ano. “Participar da Liga AutoTech nos deu a oportunidade de crescer como startup e como pessoas. Ter contato direto com grandes empresas aumentou nossa expertise e nos trouxe mais amadurecimento no negócio. A Liga AutoTech nos abriu portas”, afirma.

Liga AutoTech

As startups interessadas podem se inscrever até o dia 27 de agosto pelo site https://liga.ventures/autotech.

Tags, , , ,

Webmotors firma parceria com a Liga Ventures para se conectar a startups do setor automotivo

Se consolidando cada vez mais como uma empresa que busca por inovações e tendências dos setor tecnológico, a Webmotors, principal marca de classificados do segmento automotivo, acaba de firmar parceria com a Liga Ventures, aceleradora especializada em gerar negócios entre startups e grandes corporações.

Um dos objetivos da parceria é a participação da marca nos próximos ciclos de aceleração da Liga AutoTech, programa que prospecta, seleciona e acelera startups dos setores de mobilidade, transporte, logística e indústria automobilística, além de unir forças para criação de novos projetos de inovação nessas áreas. Já fazem parte do projeto companhias como Mercedes-Benz, Eaton,Sascar, Ticket Log e?Repom.

Para Rogério Tamassia, diretor da Liga Ventures e um dos idealizadores da Liga AutoTech, a parceria irá potencializar ainda mais o programa – que teve cerca de 200 startups inscritas para seu primeiro ciclo de aceleração em que foram selecionadas oito startups que estão inovando no setor em parceria com as grandes empresas participantes. “A entrada de um parceiro tão relevante no mercado automotivo como a Webmotors deixa o programa Liga Autotech ainda mais completo. Abrem-se novas possibilidades para geração de negócios e inovação para as startups e para as grandes empresas participantes”, comenta Tamassia.

Participar do programa de aceleração e ter contato com startups inovadoras, ajudará a marca a buscar novas soluções e oportunidades para seus clientes. Segundo Fernando Miranda, CEO da Webmotors, esta parceria colocará a Webmotors em contato com empresas que estão pensando e construindo o futuro do setor. “Essa é a direção que buscamos por nos qualificarmos como uma marca pioneira e que está sempre pensando no futuro do carro e nas novas conexões que estão surgindo para o consumidor. Somos a primeira startup de automóveis do Brasil e agora a primeira a acelerar e investir em startups do segmento”, afirma Miranda.

O próximo ciclo de aceleração da Liga AutoTech tem suas inscrições previstas para o dia 18 de julho. Interessados em conhecer mais sobre o programa podem acessar o site: https://liga.ventures/autotech.

Tags, , , , ,

Fábricas Inteligentes: Setor automotivo pode melhorar margem operacional em até 40%

A Capgemini, um dos líderes globais de serviços de consultoria, tecnologia e terceirização, anuncia os resultados do seu relatório sobre Fábricas Inteligentes. O estudo, conduzido pelo Instituto de Transformação Digital da Capgemini, estima que um fabricante automotivo poderia atingir uma melhoria de cerca de 40% na sua margem operacional por meio de melhores custos de logística e material, eficácia do equipamento e de qualidade de produção. Como tal, a maioria das empresas industriais já embarcou na digitalização de plantas produtivas para permanecer competitiva.

Geralmente descrita como a pedra estrutural da “Revolução Digital Industrial”, uma fábrica inteligente faz uso de tecnologias digitais, como IoT (Internet das Coisas), big data analytics (análise inteligente de dados), inteligência artificial e robótica avançada, para aumentar produtividade, eficiência e flexibilidade. Os recursos da fábrica inteligente incluem robôs colaborativos, trabalhadores que usam componentes de realidade aumentada e máquinas que enviam alertas quando precisam de manutenção.

A pesquisa, que foi realizada de fevereiro a março de 2017, entrevistou mil executivos que ocupam o cargo de diretoria para cima em empresas de manufatura com uma receita de mais de US$1 bilhão ao ano. A pesquisa foi conduzida em seis setores: manufatura industrial, automotivo e transporte, energia e utilities, aeroespacial e defesa, ciências da vida e produtos farmacêuticos e bens de consumo. Diretores da Alemanha, China, Estados Unidos, França, Índia, Itália, Reino Unido e Suécia responderam entrevistas qualitativas e quantitativas.

Tags, , , ,

Apex-Brasil reúne empresas e startups de olho na inovação automotiva

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) realiza em São Paulo, na manhã do dia 26 de outubro, o Corporate Venture Automotivo, que reunirá startups, empresas e investidores para fomentar a inovação no setor e debater soluções em mobilidade.

Entre os participantes estão empresas do porte de Bosch, Mercedes, Yamaha e Qualcomm. Grandes companhias que já atuam no ecossistema de inovação brasileiro e apostam em startups para encontrar soluções inovadoras em diversas áreas de transporte e mobilidade, como telemática e veículos autônomos, por exemplo.

Haverá também discussões sobre o futuro das indústrias automotiva e de mobilidade. O evento ainda guarda espaço para apresentações de quatro startups (Nexer, Truckpad, Automobi e Virtual PIXYS) em busca de investimento e deve abrigar um anúncio envolvendo uma montadora e startups. O Corporate Venture Automotivo acontece no Expo Center Norte, Pavilhão Vermelho.

Tags, , , , , ,