Tag Seminário LIDE Tecnologia

Participantes do Seminário LIDE Tecnologia enfatizam que evolução tecnológica é inevitável para desenvolvimento de negócios

“Em todas as recentes discussões promovidas pelo LIDE tivemos a tecnologia como um dos principais focos, independentemente do segmento. Hoje não há mais qualquer negócio sem esse recurso”, afirmou Celia Pompéia, vice-presidente Executiva do Grupo Doria, durante abertura do Seminário LIDE Tecnologia, promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais na noite de quarta-feira (13), no Auditório Gocil, em São Paulo. Comandado por Silvio Genesini, presidente do LIDE Tecnologia, o tema central do encontro foi “O Impacto da tecnologia nos negócios”. O evento contou com apresentações de Alberto Leite, CEO da holding FS; Gustavo Souza, head professional services da Amazon Web Services – Latam; Augusto Lins, diretor da Stone; e Cassio Pantaleoni, presidente da SAS Brasil.

As discussões convergiram na ideia da aplicação irrevogável de novas ferramentas tecnológicas no desenvolvimento dos negócios. Genesini destacou que o impacto das tecnologias mais recentes, hoje já aplicadas, como IoT (Internet das Coisas, na sigla em inglês), impressão 3D, reconhecimento facial e outras, permite que transformações antes restritas agora influenciem a todos. “Essa evolução atinge todos os setores e o efeito nas pessoas e nos negócios é maior hoje do que já foi em todos os tempos”, concluiu.

Alberto Leite, da FS, ressaltou que já vivemos a “quarta revolução industrial”, um tema discutido em 2016 durante o Fórum Econômico Global, em Davos. “Quando a ideia foi apresentada, ainda parecia ficção. Hoje podemos ver o quanto essas tecnologias já se concretizaram”, afirmou. “É difícil prever ou antecipar movimentos futuros, sobretudo na tecnologia. Temos de nos acostumar com essa velocidade nas mudanças. Aproximadamente 7 milhões de empregos devem ser substituídos até 2020 no mundo todo, com uma troca enorme na cadeia da indústria, principalmente”, completou Leite. O executivo lembrou que já existem casos na China de edifícios construídos com peças elaboradas via impressão em 3D, com queda significativa no custo e ganho impressionante de velocidade nos sistemas construtivos. Genesini ampliou a discussão ao lembrar que o Brasil deve priorizar seu desenvolvimento com base em novos recursos para efetivamente se reinventar e seguir como player importante no mercado internacional.

A importância das startups neste processo foi destacada por Gustavo Souza, da Amazon Web Services, ao lembrar que muitos gestores de empresas hoje sequer conhecem sistemas de processamento baseados em datacenters, com o advento do cloud computing. “Alguns setores estão avançando muito rápido. As principais apostas estão na inteligência artificial e em IoT, além de recursos como identificação facial baseada em dados como idade, emoções, gênero e padrões faciais. A atuação de robôs na medicina avançada é um exemplo da aplicação do uso de dados, um volume descomunal de dados, para revolucionar novos negócios”, afirmou. Cassio Pantaleoni, presidente da SAS Brasil, concorda que há uma mudança de paradigma em relação à gest&atild e;o de negócios. “A nova geração já vem com uma mentalidade de que a matemática é um recurso computacional”, concluiu.

Ainda nesse contexto, Augusto Lins, da Stone, destacou uma mudança no comportamento de consumo dos millennials. “Estamos mais conectados e passamos a comprar de forma diferente, com experiências de pagamentos digitais e uma demanda por escolha, usabilidade e prazer no consumo”, afirmou. Adicionalmente, os palestrantes debateram a importância do ajuste regulatório diante da evolução tecnológica. Lins alertou que o cenário regulatório ainda não está preparado para essa mudança. “É imprescindível uma discussão sobre a legislação que está sendo criada, um marco regulatório importante para manter esse crescimento tecnológico na velocidade que tem de acontecer”, concluiu.

Esta edição do Seminário LIDE TECNOLOGIA contou com o patrocínio de grandes empresas: AMAZON WEB SERVICES, FS, SAS e STONE e apoio da GOCIL. Como fornecedores oficiais, a CDN, ECCAPLAN e MULT ART EVENTOS. ANTENA 1, RÁDIO BANDEIRANTES, BAND NEWS FM, DCI, NOVA BRASIL FM, PR Newswire e revista LIDE foram mídia partners do evento.

Tags,

“A tecnologia impacta positivamente nos resultados dos negócios” afirma Ney Santos, CIO da BRF, durante Seminário LIDE

view.aspx

Segundo o CIO (Chief Information Officer) da BRF, Ney Santos, incluir o mundo digital nos negócios é o caminho para inovar e resolver antigos desafios, além de capturar novas oportunidades. “O impacto direto desta ação é o aumento nos resultados e na produtividade, criando novos negócios e gerando novas receitas”, declarou Santos, durante o SEMINÁRIO LIDE TECNOLOGIA promovido pelo LIDE – Grupo de Líderes Empresariais, ontem, 24 de fevereiro, no Auditório da Gocil, em São Paulo.

“A tecnologia é viabilizadora de grandes ideias, por isso é necessário unir criativos e empreendedores para fazer acontecer. Se a Internet das coisas (do termo em inglês: Internet of Things), estiver assimilada por toda a equipe de executivos da empresa, com certeza projetos inovadores surgirão. Empresas e pessoas passam a trabalhar de forma integrada, gerando economia de tempo e dinheiro”, destacou o palestrante.

“É importante que a TI deixe de ser operada como retaguarda, mas como linha de frente junto a outras áreas como Logística, Supply Chain, Comercial. E assuma a responsabilidade de aumentar receitas e produtividade. Isso força uma nova governança”, afirmou o CIO. “A TI passa a ser um consultor interno de oportunidades junto aos negócios e as ideias vem de todos os lugares. Vira um agente integrador, além de garantir a segurança e integridade da informação”, reforçou o convidado.

“O alto impacto somente será alcançado com a empresa pensando de forma diferente, pensando em como revolucionar com as novas tecnologias”, destacou o expositor. A inovação não virá de uma pessoa ou de uma área, mas de uma cultura em busca da transformação. A arquitetura e integração de tecnologias diferentes serão grandes desafios para as áreas de TI, assim como o cyber security que será uma preocupação cada vez maior.

Ney Santos usou cases de sucesso como exemplo da importância da tecnologia para atingir bons resultados. “O Uber, 99 Taxi, Ipod, entre outros, não inventaram tecnologia nenhuma, apenas usaram a que já existia e criaram um novo negócio de sucesso”, concluiu o expositor.

Laercio Albuquerque, presidente da CA Technologies, que também participou dos debates, afirmou que em todos os segmentos, alguém já é um líder digital máster, “por isso é importante estar atento a este universo digital e não desperdiçar oportunidades”, destacou. Na avaliação de Mario Anseloni, presidente do LIDE MÁSTER e Silvio Genesini, presidente do LIDE TECNOLOGIA, o grande desafio é fazer com que as grandes empresas atuem com start ups. Mesma opinião de Gustavo Ene, CEO do LIDE que reforçou ainda o quanto o tema é instigante e importante para todo o setor empresarial.

A primeira edição do SEMINÁRIO LIDE TECNOLOGIA conta com o patrocínio da CA TECHNOLOGIES, STEELCASE, SPRING MOBILE e VERIZON, com o apoio da GOCIL. Como fornecedores oficiais estão ANTILHAS, CDN COMUNICAÇÃO, ECCAPLAN e PR NEWSWIRE. AMÉRICA ECONOMIA, DCI, as rádios BAND e BANDNEWS, MADE, revista e TV LIDE são mídias partners do evento.

Tags, ,