Tag Lei de Lavagem de Dinheiro

TreeCompliance: gerenciamento de riscos em tempo real para instituições financeiras

Acompanhando a tendência mundial contra crimes financeiros, o Brasil entra em uma nova era de maturidade de negócios. Lei de Lavagem de Dinheiro, Lei Anticorrupção, medidas regulatórias e políticas de controle e segurança fazem com que o compliance seja cada vez mais alvo crítico e de atenção das instituições financeiras.

Nesse cenário, a tecnologia entra como fator chave para que as instituições tenham a capacidade de gerenciar ameaças como crimes financeiros e riscos de negócios. De fato, segundo estudo da Accenture, realizado com mais de 150 executivos de compliance de empresas de serviços bancários, a melhoria dos sistemas e a adoção de novas ferramentas de tecnologia serão as mudanças mais importantes que a função de compliance terá de enfrentar nos próximos anos, se quiser gerenciar os riscos de forma eficaz.

E para atender a esses desafios, a Tree Solution apresenta ao mercado o TreeCompliance, uma solução completa para gerir as políticas de compliance internas e externas das instituições financeiras, além das determinações dos órgãos reguladores nacionais e internacionais.

Baseada nos preceitos de ‘Know Your Customer’ (KYC), ‘Know Your Employees’ (KYE), Know Your Providers (KYP) e Know Your Transactions (KYT), a solução contém todas as parametrizações de regras relacionadas ao controle de compliance, bem como PLD (prevenção à lavagem de dinheiro) e CFT (combate ao financiamento do terrorismo) para identificar, apontar e tratar os indícios de operações suspeitas, tudo em tempo real e em ambiente web.

De acordo com Odilon Costa, CEO e Presidente da Tree Solution, o TreeCompliance é uma solução ativa, e não reativa como muitas existentes no mercado. “A maior parte das soluções detectam as ameaças depois que as transações ocorreram. Já no TreeCompliance, os eventos são gerados em tempo real, o que permite identificar os indícios de irregularidades no momento da operação, com alto grau de precisão e segurança, propiciando a redução de falsos positivos e mitigando o risco das operações”, diz o executivo.

Principais características e vantagens

– Monitoramento em tempo real, via web;

– Aprovação ou rejeição das operações por diferentes níveis de alçadas;

– Controle de SLA do compliance officer por criticidade do negócio;

– Acompanhamento online e automático de clientes permanentes e eventuais, com visão única e atendendo aos preceitos de KYC, KYE, KYP e KYT;

– Suporte e integração automática das principais listas restritivas públicas e privadas à solução, assim como qualquer lista criada pela instituição;

– Ambiente amigável para utilização pela área de negócios e compliance officer;

– Facilidade na criação de regras de conformidade pelo usuário final;

– Identificação de desvio de comportamento nas operações.

Tags, , ,