Tag Junior Achievement

A diversidade no universo corporativo

Por Cibele Lara

Diversidade é uma forma de promover a inclusão, garantindo igualdade e direito para todos os seres humanos no mundo corporativo e na sociedade em geral. Por meio de ações e programas educativos e de conscientização, pequenas e grandes empresas têm se esforçado para mudar esse lado dramático da história da humanidade, que sempre foi marcado de segregações de cor, gênero, classe social e outras questões.

Algumas empresas já perceberam que tudo é mais produtivo, pleno e positivo no mundo dos negócios quando se dá a devida importância às relações para minimizar a desigualdade e fomentar a inclusão social no ambiente corporativo, nas escolas e em programas sociais.

O tema nos leva refletir do quanto ainda falta para que a diversidade seja compreendida e aceita por todos. O deficiente físico, a mulher, pessoas de outras nacionalidades e principalmente os jovens, devem ser respeitados e valorizados como seres que podem fazer a diferença no mundo corporativo. Nós da JA entendemos que diversidade é algo a ser trabalhado com atenção e cuidado em todas as esferas sociais. Requer dedicação para que o indivíduo se desenvolva num ambiente mais humano, livre de preconceitos e mais criativo.

Bom lembrar que a maior parte dos voluntários da JA são empresários e trabalhadores; são pessoas que se propõe a orientar jovens para o mercado de trabalho mostrando caminhos que podem levá-los a tomar decisões equilibradas, criativas e ponderadas, para enfrentar a realidade do mercado de trabalho, que muitas vezes apresenta obstáculos e dificuldades para serem vencidos com coragem. Essas pessoas fazem a diferença, e a intenção é que elas se multipliquem e continuem contribuindo para mudar o mundo. .

É preciso fazer mais e falar menos. Criar oportunidades às minorias que há dezenas de anos sofrem por sua condição, situação, opção entre outros. Ações afirmativas no ambiente corporativo ainda são tímidas, mas devem melhorar com o tempo e com investimentos.

O nosso laço com as empresas e voluntários é transparente, inspirador para uma mudança satisfatória no campo da educação. Para nós a diversidade é inerente ao ser humano, porque promove nas escolas uma oportunidade de visão empreendedora. Acreditamos que um ambiente profissional misto, formado por pessoas diferentes é mais saudável e mais propenso ao desenvolvimento pessoal, humano e de grupo. Nesse ambiente, se desenvolvem talentos e sentimentos de compreensão, amor próprio e amor ao próximo, além da aceitação.

O mundo está mudando e as pessoas precisam se permitir mudar. Aceitar que o outro seja outro no ambiente corporativo e em qualquer lugar, e que sejamos todos valorizados pelas nossas especificidades. Nós acreditamos que o mundo se torna mais pleno quando temos o diverso na forma de pensar, nas expressões culturais, nas manifestações sexuais, na economia e organizações sociais.

Cibele Lara, diretora executiva da JA São Paulo – Junior Achievement é uma das maiores organizações sociais de educação empreendedora do mundo, que prepara os jovens para o mercado de trabalho.

Tags, , , , ,

SAP e Prefeitura de São Paulo lançam o Latin Code Week, programa para capacitar jovens em linguagem de programação e inovação

A SAP Brasil e a Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Especial de Relações Governamentais, Secretaria das Prefeituras Regionais, Secretaria Inovação e Tecnologia e da PRODAM, com o apoio da ONG Junior Achievement, anuncia a realização do Latin Code Week, uma das iniciativas do Programa Profissão Cidadão. Focado em tecnologia e linguagens de programação para a capacitação de 400 jovens estudantes de São Paulo, com faixa etária entre 16 a 25 anos, a ação terá inscrições abertas e gratuitas de 5 de outubro a 7 de dezembro. Os treinamentos serão inteiramente gratuitos e acontecerão nos meses de dezembro de 2017 e janeiro de 2018.

“Iniciativas como o Latin Code Week, além de contribuírem decisivamente para a inclusão social e digital da nova geração, plantam sementes de inovação que vão se multiplicar e resultar em soluções criativas para vários setores da sociedade, inclusive para a própria administração pública”, destaca Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil.

O Programa Profissão Cidadão formula políticas públicas para o fortalecimento direto ou indireto das atividades econômicas, sensibilizando, fomentando e regulando seu desenvolvimento de forma criativa, inovadora e transversal entre os entes da administração pública, a inciativa privada e o terceiro setor, com o intuito de conectar os munícipes com a administração municipal e ampliar possibilidades para o alargamento do conhecimento dos habitantes da cidade, explica Bruno Covas, Vice Prefeito e Secretário das Prefeituras Regionais.

Com recursos estruturais das Prefeituras Regionais de São Paulo e da UniCEU assegurados, o Latin Code Week receberá os estudantes nas seis grandes etapas, descentralizadas nas quatro Macro-Regiões da cidade. “Cada etapa terá um grupo de 60 jovens, subdivididos em grupos de seis ou sete componentes”, explica o Dr. Milton Flávio, Secretário de Relações Governamentais e Curador do Programa Profissão Cidadão. “Serão 20 horas de capacitação para cada um, distribuídas ao longo de uma semana, sempre às tardes.”

“Nossa preocupação foi produzir um” conteúdo que envolvesse também o desenvolvimento de habilidades não cognitivas, como Design Thinking, comunicação e trabalho em equipe, para jovens que buscam qualificação técnica profissional que ampliem as oportunidades de colocação no mercado, destaca o presidente da PRODAM, Rogerio Brecha.

Além das oficinas de treinamento, os participantes terão como desafio desenvolver o protótipo de uma solução para um problema previamente determinado pela organização, ligado à gestão pública. “Cada etapa terá um projeto vencedor, e os escolhidos participarão de uma grande final em março de 2018,” explica Bety Tichauer, presidente da ONG Junior Achievement. “As ideias de aplicativos serão avaliadas por uma banca e premiadas conforme sua viabilidade como um verdadeiro negócio”.

Os responsáveis pelos treinamentos serão monitores especializados e funcionários voluntários da SAP e da PRODAM. No total, devem ser mais de 8000 horas de capacitação, mais de 50 profissionais envolvidos e 1200 horas de voluntariado. A metodologia do Latin Code Week foi desenvolvida em conjunto pela SAP e a Junior Achievement.

Tags, , , , ,

Avanade e Junior Achievement se unem para promover o ensino de STEM para mais de 500 meninas em todo o mundo

S2Publicom_strip_75426_0_full

Avanade e Junior Achievement estão lançando um novo programa global destinado ao empoderamento, à capacitação e à educação de mais de 500 meninas. O programa foi elaborado para oferecer habilidades e oportunidades que irão apoiar estudantes nos estudos e carreiras nas áreas de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM, do inglês Science, Technology, Engineering e Math).

Apesar da crescente demanda por profissionais nas áreas de STEM (que deve crescer 8% entre 2013 e 2025), as mulheres ainda estão pouco representadas nestes campos (somente 28% dos pesquisadores do mundo são do sexo feminino).

O programa oferecido pela Junior Achievement (JA) e pela Avanade terá duração de quatro anos acadêmicos (2016-2019) em cinco países selecionados – Brasil, China, Noruega, Espanha e Suécia – e tem potencial de expansão no futuro. A Avanade, a maior provedora de serviços inovadores de digital e nuvem, está comprometida em minimizar as desigualdades de gênero, tecnologia e renda para mulheres. Por isso, se tornou a parceira ideal para a JA. Por meio da participação em programas da JA, como acompanhar o dia-a-dia de um profissional em seu trabalho (Empresário Sombra Por Um Dia) e Innovation Camp, onde as alunas vivenciam um dia inteiro de experiências intensivas, com geração de ideias e colaboração com o apoio de funcionários da Avanade, estudantes do sexo feminino terão uma melhor compreensão das ofertas de emprego disponíveis para elas no setor de TI, que são muitas e variadas.

“Há evidências de falta de habilidades nestas disciplinas, apesar das altas taxas de desemprego em muitos países no mundo todo. A proporção de estudantes que escolhem STEM não está crescendo, enquanto a sub-representação feminina nas áreas persiste. Nosso trabalho com voluntários da Avanade está ajudando a combater esses problemas: informando jovens mulheres sobre as habilidades de que precisarão no futuro, fornecendo exemplos e proporcionando maior confiança na capacidade delas”, conta Caroline Jenner, CEO da JA Europe e Diretora Global de Desenvolvimento Regional da JA Worldwide.

Os funcionários da Avanade têm a oportunidade de atuar como voluntários, mentores, conselheiros ou palestrantes em sala de aula para as estudantes. Como modelos importantes, os voluntários da empresa são uma fonte de conselhos práticos e experiência, bem como de incentivo e motivação durante o programa.

Além disso, a Avanade colabora com a Aspire Foundation oferecendo tutoria para mulheres que trabalham em instituições de caridade e empresas sociais. Agora, os funcionários de escritórios locais da JA serão convidados a participar da comunidade da Aspire Foundation. Assim, poderão ser beneficiados por importantes oportunidades de tutoria que, por sua vez, vão ajudá-los a ser mais eficientes e a causar um impacto melhor em mulheres jovens.

“Fico feliz que a Avanade possa apoiar essa importante iniciativa. Como CEO e pai de duas filhas, tenho um interesse pessoal em ver mais mulheres nos campos STEM, a curto e longo prazo. A diversidade impulsiona a criatividade, a inovação e uma abordagem mais humana, que está no centro da inovação e da mudança digital. A Junior Achievement (JA) está se esforçando para atrair mais meninas para o estudo e carreiras nestas áreas e nós somos parte disso”, acrescentou Adam Warby, CEO da Avanade.

Tags, , , ,