Tag José Calazans

Em um ano, número de brasileiros em sites de e-commerce estrangeiro já é 49% maior

Chegou a 11,7 milhões em setembro de 2014 o número de internautas brasileiros que navegam em sites estrangeiros de comércio eletrônico de produtos importados. O número já é 49% maior que o apurado um ano antes e representa 21% do total de internautas do mês. A informação é da pesquisa mensal de audiência da internet brasileira MediaView, da Nielsen IBOPE, realizada entre internautas com computadores de casa ou do local de trabalho. Os sites estrangeiros de e-commerce com maior audiência entre internautas brasileiros são chineses, já figurando entre os maiores da categoria lojas de varejo.

Assim como nas páginas das outras lojas do comércio eletrônico brasileiro, os internautas das classes A e B também compõem a grande maioria dos visitantes frequentes dos sites de e-commerce estrangeiro, com 78% de participação, segundo a pesquisa MediaView.

Jovens da classe C e adultos e idosos da classe AB navegam mais nesses sites
A análise dos usuários por classes e por faixas etárias mostra que, enquanto nos segmentos C, D e E os visitantes são mais jovens, nas classes A e B eles têm uma concentração maior de pessoas de 35 anos ou mais de idade. Em setembro, 17% dos visitantes de e-commerce estrangeiro da classe AB tinham 50 anos ou mais. No grupo CDE, 5% estavam nessa faixa de idade.

Mulheres têm maior consumo de páginas
Apesar de os homens apresentarem uma participação maior nesses sites, as mulheres mostram uma média de consumo mais intensa. Em setembro, os homens eram 59% do total de visitantes únicos, o que correspondia a uma cobertura de 23% dos homens presentes no total da internet brasileira no mês. Mas as mulheres abriram bem mais páginas e passaram mais tempo. No mês, em média cada mulher somou mais de 51 minutos de navegação nesses sites e abriu 62 páginas.

Grande parte dos visitantes chega às páginas dos sites chineses a partir de pesquisas feitas em buscadores, segundo o analista da Nielsen IBOPE José Calazans. “E as páginas mais visitadas pelos brasileiros são as de roupas femininas e seções de compras por atacado”, informou o analista.

Total da internet
Em setembro de 2014, o tempo de uso e o número de usuários ativos da internet brasileira em casa ou no local de trabalho diminuiu em relação ao mês anterior. O número de usuários únicos caiu 6,9%, ao passar de 60 milhões em agosto para 55,9 milhões em setembro.

Tags, , , , ,

Acesso á internet em domicílios dispara e chega a quase 90 milhões

O total de brasileiros que moram em domicílios com acesso à internet ganhou um novo impulso em 2014 e chegou a 87,9 milhões em maio. O número é 14,2 milhões maior do que os 73,7 milhões registrados no mesmo período de 2013, representando um crescimento anual de 19%. A informação é da pesquisa NetView, da empresa Nielsen IBOPE, que monitora a audiência da internet no Brasil desde o ano 2000.

Segundo o analista José Calazans, da Nielsen IBOPE, este foi o maior crescimento anual do número de pessoas com acesso domiciliar no Brasil. “Chegamos, novamente, a um patamar de crescimento exuberante. O aumento já era de quase 10 milhões por ano e, em 2014, o ganho superou 14 milhões. Foi o maior saldo anual já registrado no Brasil, resultado da expansão do acesso à banda larga nos últimos meses. Mantido esse ritmo, em 2016 teremos mais da metade da população com acesso domiciliar”, disse o analista.

O número de usuários ativos em domicílios, que são as pessoas que efetivamente usaram o computador com internet no mês, chegou a 49,5 milhões em maio de 2014, o que significou uma diminuição de 1,7% em relação aos 50,4 milhões do mês anterior e um crescimento acumulado de 5% sobre os 47,1 milhões de maio de 2013.
Acesso no trabalho e em domicílios

Quando se considera o conjunto das pessoas que têm acesso em casa ou no local de trabalho, a pesquisa NetView apurou em maio a marca inédita de 90,8 milhões, ou um aumento de 3,8% sobre o número anterior, de 87,6 milhões. Em relação ao mesmo período do ano passado, quando eram 76,6 milhões, a expansão foi de 19%. O número de usuários ativos em maio ficou em 58,9 milhões e foi 1,2% menor que o do mês anterior.

O total de pessoas com acesso em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses, clubes, igrejas etc) é de 105,1 milhões, segundo os números apurados em 2013 pela Nielsen IBOPE.

Tags, , , ,