Tag internautas

Internet: comportamento do usuário mudou na última década

Há uma década, a internet já estava inserida na vida das pessoas. Troca de e-mails, redes sociais e os sites de buscas ganhavam espaço no dia a dia, mas ninguém imaginava a possibilidade de contratar um pedreiro, alugar imóveis, agendar uma carona ou hospedar o animal de estimação por meio de um simples aparelho como o celular e com apenas alguns toques na tela touch. Por meio do uso de aplicativos móveis, cada vez mais a forma de consumir produtos e serviços e se comunicar vem se transformando. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), menos da metade da população com acesso à internet tinha um telefone celular em 2005. Esse número aumentou 147% em 2015. Hoje, 242 milhões de brasileiros possuem assinatura de linhas móveis, segundo relatório da Anatel.

As startups têm papel fundamental na mudança do comportamento do internauta. Elas vieram para solucionar e agilizar todos os processos que antes demandavam tempo, inovar o mercado de bens e serviços online, fomentar o empreendedorismo, conectar um número cada vez maior de pessoas, e incentivar as economias colaborativa e compartilhada. Com a criação dos aplicativos com plataformas cada vez mais simples e intuitivas, as pessoas vêm, aos poucos, mudando o comportamento na hora de usar a internet e aderindo aos smartphones.

O GetNinjas, aplicativo que conecta clientes a prestadores de serviço, vem mudando a forma de contratar um profissional autônomo. São cerca de 250 mil pessoas cadastradas em busca de clientes e 2 milhões de pedidos feitos ao ano. Hoje, quem divulga o trabalho usa exclusivamente o aplicativo, enquanto mais da metade dos clientes faz pedidos por meio do celular. Além disso, a simplicidade da plataforma faz com que a geração que nasceu antes da internet tenha mais acesso a essa tecnologia. Cerca de 9% dos profissionais de Consultoria, 7% de Saúde, e 6% de moda e beleza são da terceira idade.

Até a forma de pegar carona ficou mais fácil com a ajuda do celular. Na BlaBlaCar, serviço de caronas intermunicipais, o Brasil é o país com maior volume de uso de smartphones. Cerca de 85% dos brasileiros cadastrados preferem usar o telefone móvel para reservar ou oferecer suas viagens, ao invés do computador. Como comparação, na França, este índice é inferior a 60%. Em 2017, o aplicativo pretende quadruplicar o 1 milhão de assentos compartilhados por seus usuários entre 2015 e 2016 no Brasil. Nos 22 países onde atua, a plataforma soma 30 milhões de downloads e 45 milhões de usuários.”

Para quem possui animais de estimação e precisa ficar um período fora de casa, DogHero, plataforma digital de hospedagem que possibilita o encontro de pessoas com disponibilidade em receber e cuidar de seu cão, facilita a conexão entre anfitriões e donos de cães, que economizam em média 60% em relação aos hotéis tradicionais. Com mais de 300 mil inscritos, o celular é a plataforma mais utilizada com mais de 60% das hospedagens fechadas por meio dele, e já foram feitos mais de 200 mil downloads do aplicativo em Android e IOS.

A busca e anúncio de imóveis também transcenderam o tempo e deixaram de ser feitos pelos tradicionais jornais de papel para o meio online. Na VivaReal, plataforma digital que conecta imobiliárias, incorporadoras e corretores com consumidores que buscam um imóvel, registrou um crescimento de 33,15% nos acessos feitos por celular entre o 1º semestre de 2016 e o mesmo período de 2017. Mais 1,6 milhões de pessoas já baixaram o aplicativo em seus smartphones. Pelo app, é possível agendar visitas online e visualizar todos os pontos de interesse que existem ao redor navegar no mapa do imóvel.

Tags, , ,