Tag Instituto das Cidades Inteligentes

Parceria entre ICI e P&D Brasil fortalece relacionamento

imagem.ashx

O Instituto das Cidades Inteligentes (ICI) se associou à P&D
Brasil – Associação de Empresas do Setor
Eletroeletrônico de Base Tecnológica Nacional. O objetivo
é contribuir com o fomento de políticas públicas
para o desenvolvimento tecnológico e a integração
da indústria nacional de tecnologias da
informação e comunicação (TIC),
fortalecendo o relacionamento cooperativo das empresas nacionais.

Para o assessor de Mercado do ICI, Amilto Francisquevis, “a P&D
Brasil tem aderência aos conceitos do Instituto, pois objetiva
alavancar o desenvolvimento tecnológico da indústria,
com alto valor agregado, nos mercados internos e externos”.

A diretora executiva da P&D Brasil, Rosilda Prates, comenta que as 42
indústrias que fazem parte da associação é
composto por produtos e serviços que se complementam.
“Essas soluções se aplicam também para
atendimento às demandas dos municípios brasileiros,
principalmente ao encontro dos projetos de Cidades
Inteligentes”, destaca. “O ingresso do ICI como associado
à P&D Brasil abre oportunidade de expansão de
negócios no mercado para as outras associadas e para o
próprio Instituto”, finaliza a diretora.

Tags, , ,

Justiça Federal do Paraná conta com soluções do ICI

imagem.ashx

O Instituto das Cidades Inteligentes (ICI) entregou para a Justiça Federal do Paraná (JFPR) soluções de tecnologia da informação e comunicação que auxiliam a operacionalização de processos de trabalho dos núcleos de Apoio Administrativo, Planejamento, Orçamento e Finanças, Tecnologia da Informação e Gestão Funcional. A Seção Judiciária do Paraná integra o Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF4), que contempla ainda os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Entre as soluções entregues está o Controle de Assistência à Saúde (CAS), cuja finalidade é apoiar o gerenciamento das faturas de plano de saúde dos 4 mil servidores da JFPR. Mensalmente, o Núcleo de Gestão Funcional faz a importação das faturas que são enviadas pela Unimed, para que a Seção possa fazer os pagamentos relativos àquele mês.

Os processos dos núcleos administrativos e financeiros são operacionalizados pelo SIGNA – Sistema Integrado de Gestão de Núcleos Administrativos. Antes da solução do ICI, a Seção Judiciária utilizava-se de planilhas eletrônicas para executar e controlar seus processos. Agora, conta com módulos informatizados de solicitações, compras, contratos, bens móveis e imóveis, execução financeira e orçamentária, protocolo e segurança.

O SIGNA possui integração com os demais sistemas utilizados pelo TRF4 e o próprio Governo Federal, como o SIAFI (Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal), SEI (Sistema Eletrônico de Informações) e GEAFIN (Gestão Administrativa e Financeira).

Ainda, a Justiça Federal do Paraná conta desde 2011 com ferramentas de Business Intelligence (BI) para análise de dados que auxiliam o processo de tomada de decisão. Foram desenvolvidos cases para acompanhamento financeiro, controle de despesas e processos judiciais, além de dados de recursos humanos.

Mais recentemente, foi elaborado um case de BI para o SIGNA, o qual apresenta um dashboard que permite acompanhar os indicadores relativos a cada módulo do sistema, como compras, por exemplo.

Com a entrega das soluções, o ICI disponibilizou uma consultoria local na JFPR para repasse tecnológico, o que inclui a entrega do código-fonte dos sistemas e apoio ao entendimento das regras de negócio para uma eventual mudança ou evolução das ferramentas.

Fonte: ICI

Tags, ,

Cidades Inteligentes: Rio de Janeiro sedia evento internacional

As chamadas smart cities estão espalhadas pelo mundo, propagando o conceito de utilizar dados e informações para tornar os centros urbanos mais eficientes. Essa é uma realidade global que tem impactado o Brasil diariamente. Para se ter uma ideia, até 2025, o número de cidades inteligentes deve quadruplicar no mundo e o País deve seguir essa tendência.

Os melhores cases e as principais iniciativas de desenvolvimento e integração de soluções de tecnologias da informação, que contribuem para melhorar os serviços públicos e beneficiar os moradores e visitantes de um município, estarão em debate no Rio de Janeiro nesta semana. O evento Connected Smart Cities – Cidades do Futuro no Brasil, que acontece nos dias 8 e 9 de junho, no Armazém da Utopia, vai reunir os principais nomes do setor.

Entre os patrocinadores está o ICI, Instituto das Cidades Inteligentes, que vem contribuindo de maneira efetiva para que diversas cidades do País, como Curitiba, evoluam em inúmeros aspectos, entre os quais o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). Além disso, o assessor de Mercado do ICI, Amilto Francisquevis, vai ser debatedor no painel sobre Governança, marcado para o dia 9.

Durante o encontro, ele falará sobre como a democratização das informações, os novos sistemas e as soluções de comunicação favorecem a formação de comunidades mais participativas. Além disso, Francisquevis vai apresentar os principais serviços do Instituto, que, enquanto organização social de atuação nacional, se tornou referência em pesquisa, integração, desenvolvimento e implementação de soluções completas para gestão pública.

Ele adianta que a governança inteligente e participativa faz parte do atual e futuro cenário das smart cities. “Procuramos oferecer soluções inovadoras e alinhadas com os conceitos das cidades inteligentes. Em Curitiba, por exemplo, desenvolvemos o Atendimento ao Cidadão (Central 156), que vem contribuindo para que a cidade possa se tornar melhor e mais inteligente”, destaca.

APOIO

O ICI – Instituto das Cidades Inteligentes – está patrocinando o evento porque acredita que essas iniciativas podem contribuir para o crescimento e transformação das cidades. “Hoje, o cenário é desafiador: dificuldade na gestão dos resíduos, trânsito, poluição ambiental, segurança pública, fragmentação social e econômica. Mas entendemos que, com o apoio da Tecnologia da Informação e Comunicação, os municípios poderão dar um grande passo, seja com a gestão de um ambiente digital, como a transformação em uma cidade inteligente e melhor para viver”, destaca o diretor-presidente do Instituto, Luís Mário Luchetta.

Atualmente, o ICI possui uma linha completa de soluções de TIC para a gestão pública em nove áreas de atuação (Administrativa e Financeira, Cidadão, Educação, Inteligência, Mobilidade, Saúde, Serviços, Tributária e Web), que atende as maiores demandas de gestão pública nos municípios brasileiros. A instituição vai apresentar essas soluções durante o evento, visando contribuir com o crescimento organizado das cidades brasileiras, sob os pilares da mobilidade, governança, qualidade de vida, economia e sustentabilidade.

“Queremos ainda aproveitar o evento para troca de informações com os gestores públicos para entender e atender às necessidades dos cidadãos e dos municípios na busca de cidades mais inteligentes e conectadas”, finaliza Luchetta.

Tags, , ,