Tag empresas americanas

1 em cada 3 multinacionais americanas procuram os mercados emergentes e em desenvolvimento da América do Sul como base para seus planos de crescimento

De acordo com a nova pesquisa da TMF Group, em associação com a Forbes Insights, mais de um terço (36,4%) das multinacionais com sede nos Estados Unidos ainda veem os mercados em desenvolvimento da América do Sul como o centro para os seus planos de investimentos corporativos e de crescimento. O estudo Mais investimento: o que impulsiona a expansão e o investimento internacional por parte das empresas norte-americanas? analisou a opinião de 250 executivos da C-suite com sede naquele país para explorar as motivações e desafios das multinacionais em levar sua empresa para um novo mercado internacional.

Os entrevistados foram selecionados a partir de uma ampla variedade de setores e de empresas com faturamento anual variando de US$ 250 milhões a mais de US$ 5 bilhões. Os executivos consultados foram questionados sobre em quais regiões suas empresas haviam investido nos últimos dois anos, bem como onde planejavam investir em 2017/18.

As principais descobertas incluíram:

– Apesar da desaceleração global do investimento estrangeiro direto, mais de um terço (36,4%) das multinacionais norte-americanas planejam investir nos mercados emergentes da América do Sul nos próximos dois anos;

– 1 em cada 4 investidores estão à procura de novos talentos ou fontes de capital;

– 1 em cada 3 enfatiza a importância da pesquisa e do conhecimento profundo do mercado local.

“É agradável ver que, apesar das recessões globais no investimento, as empresas norte-americanas ainda reconhecem o potencial e a oportunidade oferecidos pelos principais mercados da América do Sul”, comenta Raimundo Diaz, diretor regional das Américas da TMF Group, sobre os resultados. Para ele, “o interesse renovado nos metais básicos e outros produtos tem atuado como um catalisador para o crescimento em países como Peru, Brasil e Chile, mas fortes avanços tecnológicos e de produção em toda a região também ajudaram a manter os níveis de investimento”.

De acordo com o executivo, “o Chile, por exemplo, é o maior produtor mundial de cobre e, dadas as negociações de aumento dos gastos com infraestrutura nos EUA, os ativos relacionados ao cobre estão em alta. O Peru também tem extensas reservas de cobre e ouro. O Brasil também consolidou sua posição nos últimos anos. Atualmente, o país é a nona maior economia do mundo e oferece oportunidades de investimento em uma variedade de setores, incluindo mineração, energia, imóveis e agronegócio”.

Sobre a Colômbia, o executivo comenta que o país também tem planos ambiciosos. “O programa de investimento em infraestrutura de grande escala ‘Post-4G’, por exemplo, oferece aos investidores a oportunidade de se envolverem em projetos significativos como aeroportos e estradas nos próximos 10 anos”, afirma.

A pesquisa também quis saber o que motivou as empresas norte-americanas a explorarem novos mercados estrangeiros e que desafios enfrentaram. Considerando-se a expansão internacional, o estudo sondou os entrevistados sobre que conselho dariam a um colega que estivesse pensando em investir internacionalmente. Paralelamente às operações em expansão e ao aumento da participação no mercado, os resultados mostraram que os entrevistados procuravam também encontrar novos talentos, qualificações e fontes de capital. Eles também enfrentaram desafios similares ao selecionar e estabelecer uma nova entidade, incluindo o estabelecimento de processos financeiros e o cumprimento das leis locais.

“A importância do conhecimento do local ao entrar em um novo mercado não pode ser subestimada”, aconselha Diaz. Segundo ele, “se você está pretendendo estender ou melhorar as operações existentes ou buscando novas oportunidades, é importante compreender plenamente as complexidades locais de um determinado mercado para se certificar de que suas operações são – e permanecem – totalmente compatíveis com o que poderia ser um cenário regulador em rápida mutação”.

Para saber mais sobre a TMF Group e fazer o download do relatório completo, acesse: tmf-group.com/venturefurther.

Veja abaixo tabelas com alguns resultados da pesquisa Mais investimento: o que impulsiona a expansão e o investimento internacional por parte das empresas norte-americanas?:

– 10 maiores destinos globais de investimento e expansão para multinacionais norte-americanas em 2017/18

unnamed-97

unnamed-98

unnamed-99

unnamed-100

Tags, , ,

Empresas americanas de olho no Brasil: País é o principal destino na América Latina, aponta KPMG

O Brasil é um dos principais focos, entre as nações emergentes, para investimentos das empresas norte-americanas nos próximos 12 meses. O País é o destino principal na América Latina para as companhias que pretendem investir pelo menos US$ 5 mi no mercado internacional e, quando analisadas todas as nações emergentes, o Brasil fica atrás apenas da China. Essa é uma das conclusões do estudo recém-lançado “Perspectivas para os mercados de alto crescimento” (High Growth Markets Outlook Survey, do original em inglês), produzido pela KPMG.

“A pesquisa apontou que o mercado brasileiro ainda está no topo da agenda dos empresários dos Estados Unidos, apesar de uma ligeira queda na intenção de investimentos das empresas norte-americanas no Brasil. Nessa edição do estudo, 22% dos respondentes afirmaram que pretendem investir no País, contra 27% no ano passado”, analisa o sócio da área de estratégia da KPMG no Brasil, Augusto Sales. “De qualquer maneira, precisamos destacar o potencial futuro do Brasil. Muitos investidores estão apostando em investir no longo prazo, o que deve manter o mercado brasileiro aquecido e o País como foco nos próximos anos”.
Quando olhamos as aplicações já realizadas, o Brasil também se mantém no topo. Na última edição do levantamento, 35% dos participantes afirmaram terem feito investimentos no Brasil contra 26% no ano anterior. Em ambos os casos, ele foi o segundo País dentre os emergentes a mais receber capital americano, ficando atrás, mais uma vez, da China.

A pesquisa mostrou também otimismo por parte dos executivos de negócios norte-americanos envolvidos no desenvolvimento de negócios e estratégia corporativa. Noventa por cento deles apontaram crescimento nas receitas de países de mercados de alto crescimento e emergentes (HGM) e esperam que elas continuem crescendo nos próximos meses. Este número representa um aumento de 13 pontos percentuais em relação à pesquisa realizada em 2013. O levantamento indicou ainda outro fator positivo: embora haja uma série de desafios associados à entrada em novos mercados, as empresas estão buscando se expandir globalmente.

“Grande parte do interesse dos americanos se dá pelo crescimento dos mercados emergentes e de alto crescimento que migraram para o topo da agenda corporativa. O que vimos é que as empresas estão investindo em países do bloco dos BRICs e buscando também alternativas como Nigéria, Quênia, Bangladesh, Myanmar, Mongólia, Irã, Iraque, Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos”, aponta Sales.

Mercado de alto crescimento: estratégia e desenvolvimento

Oitenta e quatro por cento dos executivos afirmam que os países de mercados de alto crescimento são importantes para a estratégia e desenvolvimento da sua empresa – um aumento significativo de 37 pontos percentuais em relação à pesquisa da KPMG do ano passado. Além disso, 29% dos respondentes esperam que uma participação maior das suas receitas globais (US$ 31-50 milhões) seja proveniente desses países – um aumento de 17 pontos percentuais em relação aos resultados da pesquisa do ano anterior.

Sobre a pesquisa

A pesquisa foi feita com cem executivos de negócios norte-americanos envolvidos no desenvolvimento de negócios e estratégia corporativa. Com base na receita no exercício fiscal mais recente, 9% dos entrevistados trabalham em empresas com faturamento anual superior a US$ 10 bi; 48% com faturamento anual na faixa de US$ 1 bi a US$ 10 bi; e 43% com faturamento de US$ 100 mil a US$ 1 bi.

O estudo completo pode ser acessado no link http://www.kpmginfo.com/industryoutlooksurveys/2014/images/downloadsurveybutton1.png

Tags, , , , ,