Tag empresa

Professor da FGV alerta para cuidados com compras na internet

Cada vez mais, os consumidores compram sem sair de casa, com preços mais em conta e em melhores condições de pagamento, e a internet oferece muitas vantagens. O coordenador do MBA em Marketing Digital da Fundação Getulio Vargas (FGV), André Miceli, no entanto, alerta para cuidados com compras via internet. Um deles é com os cibercrimes, que segundo ele acontecem muitas vezes em duas novas modalidades de phishing: via SMS e anúncios em redes sociais.

“Além de baixar apenas aplicativos de lojas oficiais, como o Google Play ou a App Store, da Apple, desconfie dos aplicativos que solicitam permissões suspeitas, como acesso a contatos, mensagens de texto, recursos administrativos, senhas armazenadas ou informações do cartão de crédito. Também confira o plano de fundo de um aplicativo antes de fazer o download. Pesquise o desenvolvedor e conheça a ortografia das marcas. Alguns desenvolvedores mal intencionados escrevem o nome errado das marcas para ludibriar os usuários”, explica o professor Andre Miceli.

Preços – André Miceli sugere que o consumidor sempre pesquise os preços e desconfie dos sites que oferecem um produto com o valor muito baixo. O especialista lembra que uma pesquisa feita pela Proteste — Associação Brasileira de Defesa do Consumidor aponta que os preços podem variar até 20% de um dia para o outro na internet. “Existem diversos sites de comparação de preços”, instrui.

No momento da compra, o professor da FGV recomenda que o consumidor cheque sempre a reputação da empresa onde a compra será efetuada. Ele propõe que busque sempre dados como razão social, número do CNPJ, endereço e o telefone para contato. “Nunca, em nenhum caso, forneça os dados do cartão de crédito, ou dados confidenciais, como senha ou código de segurança de sua conta bancária, em sites sem conexão segura ou em e-mails não criptografados. São precauções que ajudam a evitar esse tipo de situação”, conclui o especialista.

Contudo, o professor da FGV, pede atenção nessas buscas por produtos no meio virtual. De acordo com Miceli, elas ficam armazenadas nos cookies mantidos por seu navegador. Algumas lojas virtuais usam essas informações para descobrir que você está interessado em comprar algum produto específico ou algo semelhante. “Esses algoritmos de precificação estabelecem seus processos de acordo com a demanda do cliente, ajustando o preço um pouco para cima. Não é uma coincidência que, depois de uma busca na internet, o consumidor comece a receber propagandas daquele produto em redes sociais ou por e-mail”, explica.

Tags, , , , , , ,

Ricardo Recchi é o novo country manager da Genexus no Brasil

A Genexus, desenvolvedora global de produtos para software baseados em Inteligência Artificial, anuncia seu novo country manager para a operação no Brasil. Ricardo Recchi, ex-CIO da SONDA, traz para a organização sua experiência de mais de 30 anos no mercado de Tecnologia da Informação.

Como country manager para o Brasil, o executivo terá como missão promover um crescimento exponencial da Genexus no País, suprindo as demandas de Transformação Digital e TI Bimodal por meio de produtos da desenvolvedora que embarcam tecnologias como Inteligência Artificial, Desenvolvimento Acelerado de Aplicações, Web Responsivo, Smart Devices, integração com SAP e IBM Watson, Mercado Livre, IoT, Machine Learning, Big Data, entre outros.

“Com a gradual retomada da economia brasileira, o mercado tende a sentir o efeito da escassez de mão de obra qualificada para o desenvolvimento de aplicações utilizando tecnologias de ponta. A Genexus, em contrapartida, vem preencher esta lacuna, acelerando o processo de desenvolvimento dos clientes frente às novas tecnologias e, consequentemente, minimizando os efeitos da falta de mão de obra qualificada, que será cada vez maior”, comenta Recchi.

Familiarizado com a plataforma da desenvolvedora global, o executivo traz em sua bagagem o desenvolvimento de uma célula especializada em Genexus ao longo de seus 17 anos de atuação na SONDA, que soma às suas habilidades técnica, comercial e de gestão. Em seu histórico, Recchi foi pioneiro no Brasil na adoção de metodologias e certificações internacionais, como ISO 9000, CMM, ISO 20.000 e ISO 27001.

Tags, , , , , , ,

Plataforma de pagamentos apresenta experiência de compras inovadora

Atualmente o smartphone se tornou muito importante para as pessoas se comunicarem, mas essa não é sua única função. Hoje ele também pode ser usado para fazer pagamentos em aplicativos de banco, vídeo conferências e até monitorar os filhos via GPS. Uma das novas utilidades é a adaptação de celulares como cartões de crédito ou uma extensão da agência bancária, que já está disponível em alguns países.

Outra facilidade que a tecnologia proporciona é receber serviços exclusivos baseados em um banco de dados. Imagine ter atendimento altamente personalizado de acordo com seu gosto e hábito de consumo, ou ter um dispositivo que reconhece que você entrou em determinada loja e dispara para o seu celular ofertas disponíveis no local baseadas no seu perfil.
O que antes era factível apenas no universo digital, tornou-se possível também em pontos de venda como lojas e supermercados. Essa é a proposta oferecida pela startup IZIO, o novo investimento da Conductor, empresa especialista em tecnologia de meios de pagamento. A startup fornece, dentre outros serviços, um total controle de comportamento de compra, utilizando atrativos como push, SMS informativo, cupom de desconto, campanhas e e-mail marketing.

Na prática funciona assim: o cliente cadastro seu número de celular e é alertado sobre promoções e novidades baseadas em seu relacionamento de compra, gênero e idade. As escolhas são feitas para aquele cliente em específico. Além disso, o cliente pode receber essas ofertas ao adentrar o ponto de venda. A plataforma reconhece o dispositivo devido a GPS do celular e uma vez que isso é mapeado, em uma fração de segundos, o cliente tem acesso à informações de seu interesse.

Christian Vincent, empreendedor e idealizador da IZIO, comenta sobre a inovação: “Com essa plataforma nós conseguimos conectar o varejo com seus clientes, em qualquer hora e qualquer lugar, no momento certo”. A ideia é fazer com que o cliente vá para o varejo por incentivo do varejista, através de ofertas altamente personalizadas, usando inteligência artificial. A proposta é dar a possibilidade de trabalhar o marketing segmentado ou personalizado, de acordo com a necessidade.

A IZIO processa mais de 1,5 milhão de transações mensais, tem mais de 200 mil CPFs cadastrados nos clientes onde opera, e mais de 200 milhões de registros de comportamentos dos clientes. As soluções da IZIO já operam em lojas nos Estados de São Paulo e o Rio de Janeiro.

Tags, , , ,

Cerimônia de posse do presidente Trump é a transmissão ao vivo mais assistida no Twitter até hoje

O PBS NewsHour (@NewsHour), programa diário de notícias da rede de TV americana PBS, transmitiu ao vivo pelo Twitter na última sexta-feira (20) a cobertura da cerimônia de posse do presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump. Ao todo, a transmissão foi acompanhada globalmente por 6,824 milhões de visitantes únicos, tornando-se a transmissão ao vivo mais assistida no Twitter até hoje. Por volta das 11h15 (hora local), quando Trump fez o juramento de posse, a transmissão alcançou o seu maior pico de audiência, com 377 mil espectadores simultâneos.

Até então, a transmissão ao vivo mais assistida pelo Twitter havia sido a cobertura da noite de apuração dos votos, realizada pelo BuzzFeed News (@BuzzFeedNews) no dia 8 de novembro de 2016, que chegou a marca de 6,8 milhões de espectadores únicos. O número de visitantes únicos corresponde a quantidade de pessoas que assistiram a transmissão por pelo menos alguns segundos.

O canal PBS foi o parceiro de streaming exclusivo do Twitter para a cerimônia de posse. A transmissão teve ao todo seis horas de duração e pôde ser acompanhada, globalmente, pelo link inauguration.twitter.com ou no perfil do programa NewsHour (@NewsHour). A cobertura foi liderada pela editora Judy Woodruff, acompanhada dos colunistas David Brooks (New York Times), Mark Shields, Amy Walter (the Cook Political Report), Jeff Greenfield (correspondente especial da PBS NewsHour Weekend), Lara Brown (TBC) e Karine Jean-Pierre (TBC).

No Twitter, a posse de Trump tornou-se o assunto mais comentado no mundo, com mais de 12 milhões de Tweets relacionados ao evento durante o dia 20 de janeiro, e um pico de 58.000 Tweets enviados por minuto.

Tags, , , , , , ,

Atos lista carreiras promissoras em TI para 2017

Não é de hoje que o segmento de tecnologia é visto como um campo de trabalho estável e com boa remuneração. Mesmo num momento de crise econômica, é possível projetar um cenário positivo para o setor nos próximos meses. Segundo dados do Gartner, por exemplo, a expectativa de crescimento para o mercado de TI em 2017 é de 1,6%. Isso significa que existem boas oportunidades de trabalho na área, desde que os profissionais estejam preparados.

Segundo Francisco Fay, diretor de Recursos Humanos da Atos na América do Sul, a carreira que ganha mais destaque no momento na região é a de consultor SAP, em seus diferentes módulos, como Hybris, SD e FI. Além desse nicho, também continua alta a procura por desenvolvedores nas linguagens de programação JAVA e .NET e administradores de bancos de dados. “São áreas nas quais o mercado continua com dificuldade de encontrar mão de obra qualificada”, observa Fay.

No entanto, só capacitação técnica não basta. Para se destacar num ambiente de negócios cada vez mais dinâmico e exigente, o profissional de TI precisa se manter atualizado e também deve desenvolver competências comportamentais, como flexibilidade, autonomia, influencia e colaboração. “Aquele estereótipo do funcionário de TI introvertido, que trabalha isolado é cada vez mais distante da realidade”, analisa o diretor.

A habilidade de se comunicar em outros idiomas é outro predicado fundamental para seguir em frente na carreira. “Inglês e espanhol deixaram de ser um diferencial e passaram a ser uma exigência de mercado, pois temos muitos projetos e clientes internacionais que demandam essa capacidade”, acrescenta Francisco Fay.

Por fim, também devem estar no radar do novo profissional de TI a flexibilidade para se adaptar a cenários de pressão por resultados, que podem demandar jornadas de trabalho com alta demanda de atividades e projetos, por exemplo, ou mesmo para aceitar oportunidades de carreira fora dos grandes centros. “Essa descentralização é uma tendência do mercado e há muitas oportunidades de crescimento para quem estiver disposto a buscar novos horizontes”, finaliza Fay.

Tags, , , , , , , , ,