Tag Buscapé

Índice FIPE Buscapé: preços no e-commerce abrem 2018 em queda

Os preços do comércio eletrônico abriram 2018 em queda, aponta a medição do Índice FIPE Buscapé. São 14 meses consecutivos de deflação anual, ou seja, comparada ao mesmo mês do ano anterior. Na comparação ante ao mês de dezembro, os preços subiram 0,29%, o menor índice para o mês de janeiro desde o início da série histórica, há sete anos, e em linha com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

Dos dez grupos monitorados pelo índice FIPE Buscapé, cinco apresentaram redução em janeiro, na comparação ante ao mês anterior, tendo a queda sido impulsionada, principalmente, pelas categorias telefonia e celulares (-13,43%) e fotografia (-9,77%). Esporte e lazer (-3,99%) Moda e acessórios (-3,38%) e Informática (-1,99) também apresentaram queda. No campo oposto, registraram aumento de preço os grupos eletrônicos (0,26%), casa e decoração (1,26%), eletrodomésticos (2,11%), cosméticos e perfumaria (3,27%) e brinquedos e games (5,24%).

“Iniciamos 2018 com os preços em queda na comparação anual e a boa notícia é que, apesar dos preços terem subido na medição mensal, o índice foi o menor dos últimos 84 meses. A expectativa é que os preços do e-commerce se mantenham em queda, reforçando a competitividade do e-commerce”, afirma Sandoval Martins, CEO do Buscapé.

Por conta de sua composição e características, a cesta de produtos do e-commerce tende a ser deflacionária em condições ideais de mercado. A comparação é feita sempre dos mesmos produtos, que propendem à desvalorização com a disseminação da tecnologia, lançamento de um produto superior na mesma categoria ou troca de coleção e mostruário.

Preços gerais

A inflação dos preços gerais, medida pelo IPCA, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) foi de 2,86% nos últimos 12 meses terminados em dezembro, inferior ao piso do intervalo de meta inflacionária de 3%, o que mostra que os preços do comércio eletrônico tiveram variação de -6,1% em relação aos preços gerais da economia.

Tags, , , , , , , ,

ReachLocal e Buscapé debatem impacto da evolução digital no mundo empresarial

O evento, que marca o lançamento da lista Melhores Empresas para Trabalhar – Barueri e Região 2018, trará um painel com participação de José Coscelli, CEO da ReachLocal, e Sandoval Martins, presidente da Buscapé Company. Os debatedores irão compartilhar suas experiências e percepções sobre o tema “O papel das empresas na evolução digital”.

A ReachLocal, empresa global com sede em Alphaville conquistou a 2a. posição do Great Place do Work na categoria Agências de Comunicação. A ReachLocal é detentora de uma tecnologia exclusiva de marketing digital que aumenta a performance das campanhas online através da mensuração em tempo real dos mais diversos canais de comunicação, aumentando o resultado das vendas de seus clientes.

O Programa de Certificação GPTW foi criado para reconhecer empresas que valorizam pessoas. A ReachLocal aposta em incentivar sua equipe a participar ativamente da construção da empresa com sugestões de melhorias e mudanças de procedimentos.

O evento acontecerá no dia 31/01/2018 no Blue Tree Premium em Alphaville, Barueri (SP), para diretores de RH, comunicação e marketing de empresas da região.

Tags, , ,

10 Startups que os funcionários amam e estão com vagas abertas

Empresas jovens e criativas, sempre de olho em inovação – essa é a proposta das Startups. No Brasil, mesmo em um cenário de retração econômica, o número de startups teve um crescimento de 18,6% nos últimos seis meses do ano passado*.

Para os funcionários, alguns dos pontos de maior satisfação de trabalhar em startups são a competência dos colegas, oportunidades de carreira e, o já conhecido, ambiente descontraído. O Love Mondays, plataforma onde funcionários avaliam as empresas em que trabalham, identificou 10 startups bem avaliadas que estão com vagas abertas em diversas áreas como Marketing, Programação, Desenvolvimento de software e Engenharia.

Entre as startups que estão contratando, temos Mercado Livre, Buscapé, Beleza na Web e Netshoes. Você já imaginou trabalhar em alguma delas? Então, confira um pouco mais sobre as 10 startups que estão contratando:

● Beleza na Web – 4 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, aprendizado, pacote de benefícios, oportunidade de carreira e competência dos colegas.
Satisfação geral dos funcionários: 3,6
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-beleza-na-web/vagas

● Buscapé – 14 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente jovem, pacote de benefícios, clima descontraído e competência dos colegas.
Satisfação geral dos funcionários: 4,2
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-buscape-company-1/vagas

● Conta Azul – 6 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente jovem, cultura, autonomia, competência dos colegas e liberdade.
Satisfação geral dos funcionários: 4,3
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-contaazul-1/vagas

● GetNinjas – 12 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, liberdade, localização, competência dos colegas e escritório.
Satisfação geral dos funcionários: 4,0
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-getninjas/vagas

● Loggi – 20 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, competência dos colegas, liberdade, pacote de benefícios e oportunidade de carreira.
Satisfação geral dos funcionários: 4,0
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-loggi/vagas

● Mercado Livre – 43 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: pacote de benefícios, ambiente de trabalho, clima na empresa, competência dos colegas e departamento de RH.
Satisfação geral dos funcionários: 4,2
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-mercado-livre-1/vagas

● Netshoes – 11 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, pacote de benefícios, competência dos colegas, salário e oportunidade de carreira.
Satisfação geral dos funcionários: 4,1
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-netshoes/vagas

● Nubank – 4 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, competência dos colegas, cultura, liberdade e oportunidade de carreira
Satisfação geral dos funcionários: 4,8
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-nubank/vagas

● QuintoAndar – 9 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, competência dos colegas, negócio inovador, a-players e oportunidade de carreira.
Satisfação geral dos funcionários: 4,2
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-quintoandar-1/vagas

● VivaReal – 19 vagas abertas
Pontos positivos mais mencionados: ambiente de trabalho, competência dos colegas, cultura, clima e pacote de benefícios.
Satisfação geral dos funcionários: 4,3
Veja as vagas em: https://www.lovemondays.com.br/trabalhar-na-vivareal/vagas

*Fonte: http://www.abstartups.com.br/2016/07/13/case-o-maior-evento-para-startups-da-america-latina/

Tags, , , , , , , , , , , , ,

E-BIT/Buscapé divulga melhores lojas do e-commerce brasileiro em 2015

Americanas.com é a grande vencedora do Oscar do setor, tanto por critérios técnicos quanto por votação popular

A E-bit (www.ebit.com.br), empresa especializada em informações do comércio eletrônico, anunciou durante o evento VTEX Day, realizado no dia 12 de maio em São Paulo, os vencedores do 13ª Prêmio E-bit Melhores Lojas do E-commerce. A grande vencedora foi a Americanas.com, eleita como “Melhor Loja Diamante” tanto por critérios técnicos como também pela votação popular dos e-consumidores brasileiros.

Também foram premiadas como “Melhores Lojas Diamante” Submarino, Walmart, Magazine Luiza e Extra. Outras lojas contempladas por critérios técnicos foram Nikkey Cosméticos, como “Melhor Loja Ouro”; Jóias Gold, “Melhor Loja Prata”; e BringIT, “Melhor Loja Bronze”.
Para a escolha das vencedoras em “Prêmios Especiais”, experts do mercado participaram do corpo de jurados. O “Melhor NPS” foi para O Boticário; em “Loja Especializada”, a Sephora venceu; e para “Mobile”, Privalia foi a escolhida.

O diretor executivo da E-bit/Buscapé, André Ricardo Dias, avalia como positiva a evolução do desempenho das lojas online num mercado cada vez mais competitivo. “Entendemos que o Prêmio E-bit é um dos grandes incentivadores para melhoria no nível de serviços do comércio eletrônico brasileiro, sendo a premiação mais valorizada no País. A disputa entre as lojas em 2015 foi muito concorrida tanto nos critérios técnicos quanto na votação popular, onde registramos um recorde no número de votos, o que mostrou o empenho dos sites na busca pelas primeiras posições”, comenta.

Veja a lista completa dos vencedores abaixo ou no link http://www.ebit.com.br/premio-ebit-2016.

LOJAS MAIS QUERIDAS

Loja Diamante: Americanas
Alimentos e Bebidas: Pão de Açúcar Delivery
Bebês: Klin
Casa e Decoração: Tok&Stok
Cosméticos e Perfumaria: Rede Natura
Livraria e Entretenimento: Saraiva
Moda e Acessórios: Dafiti
PetShop: PetLove
Saúde (Medicamentos): Ultrafarma

MELHORES LOJAS

Melhor Loja Diamante (1º lugar): Americanas
Top 5 Diamante: Americanas
Top 5 Diamante: Submarino
Top 5 Diamante: Walmart
Top 5 Diamante: Magazine Luiza
Top 5 Diamante: Extra

Melhor Loja Ouro: Nikkey Cosméticos
Melhor Loja Prata: Jóias Gold
Melhor Loja Bronze: BringIT

PRÊMIOS ESPECIAIS

NPS: O Boticário
Loja Especializada (Nicho): Sephora
Mobile: Privalia

Tags, , , ,

Netshoes, Buscapé e Mercado Livre discutem o Mobile Commerce e a evolução do “tradicional” comércio eletrônico

Ao mesmo tempo em que as telas de mesa migraram para as telas dos smartphones e usuários de internet passaram a praticar quase todas as ações diárias pelo celular, o e-commerce passa pela mesma transição. A migração é tão forte e rápida, que o comércio eletrônico já é tratado como “tradicional” em diversas publicações.

De acordo com um estudo da Coupofy, o mobile commerce cresce 300% mais rápido do que o e-commerce. Até 2016 as compras por dispositivos móveis irão crescer 42%, enquanto o comércio eletrônico tradicional tende a apresentar crescimento de 13% até o próximo ano.

No Brasil, o mobile commerce já representa 10% das compras online, segundo o mesmo estudo.

Discutindo esse cenário, estarão reunidos no dia 17 de novembro, nomes como Romero Rodrigues, fundador e CEO do Buscapé, Hernan Kazah, co-fundador do Mercado Livre, e Fernando Zanatta, diretor de TI e gerente de produtos da Netshoes.

A proposta do debate é trazer à tona números, o comportamento do brasileiro quando o assunto é compra pelo celular, e claro, a forte necessidade que todo o varejo online tem, de se adaptar ao ambiente móvel, o mais rápido possível.
Ficha técnica GMIC Summit São Paulo

Local: Renaissence Hotel
Data e Hora: 17 de novembro de 2015 às 8h30
Credenciamento: aberto a partir de 14/09/2015
Para credenciar: http://saopaulo.thegmic.com/
Credenciamento para imprensa e agendamento de entrevistas:
anabeatriz@flotereschauff.com.br

Sobre o GMIC Summit e o GWC

O GWC Inc. é um gigante clube de negócios internacional que reúne os maiores players da indústria mobile do mundo. Dentre suas ações globais, o GWC promove o evento GMIC (Global Mobile Internet Conference). Agora, depois de consolidado nos Estados Unidos, Japão, China, Indonésia, Taiwan e Índia, o GMIC chega pela primeira vezao Brasil, de olho neste mercado.

O GMIC Summit São Paulo trará ao Brasil, dia 17 de novembro no hotel Renaissence, alguns dos mais renomadoslíderes do mercado mobile da América Latina, além de players asiáticos e norte-americanos. Wen Chu, CEO e co-fundador do GWC abrirá o encontro.

Além dos palestrantes já citados, estão também Luciana Burger, diretora da Comscore, que trará dados em primeira mão coletados através da nova plataforma mobile da empresa; Ilja Gooseens, Global Sales Director daTune; Marco DeMello, fundador e CEOda PSafe; Dennis Wang, CEO da Easy Taxi; Fabiano Destri Lobo diretor da MMA Latam; Moacir Kang, fundador e CEO do Apontador Maplink; Guido Grimbraum, empreendedor fundador de diversas startups na América do sul; João Carvalho,fundador e CEO da Hands; André Ferraz, fundador e CEO da In Loco Mídia; e Guga Stocco, diretor de estratégias e inovação do Banco Original.

Tags, , , , , , , ,

Buscapé Company se torna o maior player global de comparação de preço

Após um processo de amadurecimento do negócio de comparação de preço no Brasil e na América Latina, o Buscapé Company atinge uma nova fase e se torna o principal player global do setor, confirmando o sucesso do modelo brasileiro de negócio criado há 16 anos. Com a mudança, Romero Rodrigues assume o posto de CEO Global de Comparação de Preço e Rodrigo Borer ocupa seu lugar no Buscapé como CEO para América Latina.

A partir da mudança na estrutura dos negócios, o Buscapé Company se transforma em uma holding global composta por 15 comparadores de preços que faziam parte do Grupo Naspers: Buscapé (América Latina), Ceneo (Polônia), Heureka (República Tcheca e Eslováquia), Vcene (Ucrânia) Ucuzu (Turquia), Arukereso (Hungria), Compari (Romênia), Pazaruvaj (Bulgária), Shoppydoo, Trovaprezzi e Misshobby (Itália), Shoppydoo (Espanha), Pricecheck (África do Sul e Nigéria).

“É com imenso orgulho que comemoramos a expansão internacional do Buscapé Company. Sabemos que as responsabilidades aumentaram e que o nosso desafio, a partir de agora, consiste em dar ainda mais poder ao consumidor em esfera global. Para tanto, contamos com uma equipe compromissada e integralmente dedicada ao aprimoramento das relações de consumo em países com altas taxas de crescimento”, reforça Romero Rodrigues.

“Enxergamos com bastante entusiasmo este processo de internacionalização da companhia em função de propiciar o intercâmbio das melhores práticas globais entre os diversos mercados e países. Para 2014, continuaremos focando esforços na consolidação do segmento de comparação de preço para aproveitar oportunidades de mercado que se mostrem promissoras como, por exemplo, o mobile commerce”, completa Rodrigo Borer.

Tags, ,

Nova plataforma social de compras online foca na descoberta de novos produtos

Um marketplace organizado em torno de pessoas, focado em descobrir novas lojas, produtos e tendências, através da interatividade e personalização do conteúdo. Essa é a proposta do Shopcliq , startup fundada por Todd Cohen e Eduardo Luz Estefno, em Novembro de 2011, e que recebeu investimento do Buscapé Company, maior plataforma de digital commerce da América Latina, em Setembro de 2012.

Com visual similar ao do Pinterest, a ferramenta é capaz de unir, em uma única plataforma, lojas, produtos e pessoas, permitindo que o usuário tenha acesso a um conteúdo altamente personalizado, através de um feed de notícias, onde é possível visualizar atualizações de amigos e também das marcas seguidas. Dessa forma, ele conhece melhor o gosto da sua lista de amizades e pode fazer recomendações ao encontrar algo realmente interessante. Ainda é possível fazer comentários nos posts e utilizar hashtags nas publicações, o que torna a ferramenta mais interativa.

Caso queira adquirir o produto, a plataforma permite que o usuário seja redirecionado para o site onde as compras podem ser realizadas, atraindo cada vez mais o público jovem, interessado em descobrir produtos por si só, indo além do marketing convencional.

“A ideia é proporcionar uma experiência diferente da que é vivida atualmente ao visitar uma loja online, fazendo com que os consumidores não só encontrem seus produtos e marcas prediletos, mas também conheçam novidades e compartilhem com seus amigos, de uma maneira divertida. Estamos otimizando a experiência de compra online, transformando-a em uma atividade social”, explica Todd Cohen, CEO do Shopcliq.

Nova plataforma promove marcas em ascensão
Nesse cenário, as pequenas lojas têm a possibilidade de ficar no mesmo patamar de marcas conhecidas, já que a popularidade não é definida por grandes campanhas de marketing, mas sim, pela preferência dos usuários. “O mais importante é que as pessoas descubram e compartilhem as suas preferências”, afirma Cohen.

A empresa trará, em breve, novidades na área de mobile. De acordo com Cohen, o aplicativo para smartphones e tablets já está em fase de desenvolvimento e deve acompanhar a natureza visual da plataforma, sempre focada na descoberta de novos produtos.

Tags, , , ,