Page

Category startup

StartMeUp abre oferta de R$ 2.4 milhões para BMV Mineradora

A StartMeUp, plataforma de investimento colaborativo, anuncia a sua primeira oferta online de captação por meio do Royalty Crowdfunding. A empresa responsável por estrear a mais nova modalidade de investimento é a pedreira Brazil Mineral Ventures (BMV), uma Junior Mining focada na prospecção e pesquisa acadêmica de novas áreas para extração de matérias-primas pouco exploradas no Brasil.

O projeto da pedreira consiste na abertura de uma operação na cidade de Itapetinga (BA) para a extração da pedra brita, material de baixo valor agregado, mas muito valioso pela Construção Civil local na criação de estradas, pavimentos de concreto e obras de infraestrutura. Para a instalação da operação, a BMV Mineradora espera levantar, por meio do Royalty Crowdfunding da StartMeUp, o valor de R$ 2.4 milhões em um período de seis meses.

O geólogo Herbert Sodré, sócio fundador e diretor de exploração mineral da BMV, explica que a instalação de uma pedreira conseguiria suprir a necessidade de matéria-prima dos municípios da região por conta da oferta de preço mais competitivo no mercado. Isso porque a pedreira ficaria localizada em local estratégico, onde há carência desse tipo de minério. “A localização escolhida para a instalação da operação nos colocou em situação privilegiada para atendermos o mercado local e regional, que abrange 14 cidades em um raio de até 100 km”.

Herbert também comenta que em suas pesquisas acadêmicas, a BMV Mineradora descobriu que havia grande disparidade em relação aos preços da brita. “Enquanto o preço médio deste produto é de R$ 60,00 reais na pedreira, unidade produtora, esta mesma brita é vendida por preços que variam de R$ 120,00 a R$ 150,00 reais, demonstrando um grande potencial para esta região”.

A vasta experiência do geólogo na área de logística é outro ponto importante para que a pedreira alcance parte deste mercado. A intenção é aproveitar espaços ociosos em carretas para tornar o preço da matéria-prima mais acessível para as concreteiras, construtoras, indústrias de pré-fabricados, revendedores, lojas, pavimentadoras, usinas de asfalto e órgãos públicos. A Brazil Mineral Ventures possui o apoio dos municípios da região, bem como do Governo do Estado da Bahia para a comercialização dos insumos.

“Diferente do Equity Crowdfunding, o Royalty possui potencial de alta rentabilidade. O investidor não se torna sócio do projeto, mas recebe o retorno de seu investimento em uma única parcela até o término do prazo estipulado”, afirma Fábio Silva, sócio fundador da StartMeUp.

O executivo acredita no grande BMV da pedreira em atingir o montante estipulado para a instalação da pedreira na Bahia. “Nós escolhemos a Brazil Mineral Ventures para estrear a modalidade, pois a proposta foi muito bem desenvolvida e embasada em um business plan estratégico na extração de minérios pouco explorados no Brasil e, ao mesmo tempo, os mais necessários para o mercado de Construção Civil”, finaliza Fábio.

Mercado de agregados em números

De acordo com dados da Associação Nacional das Entidades de Produtores de Agregados para Construção (ANEPAC), os minerais mais consumidos no Brasil e no mundo são os agregados de baixo valor como pedra brita, areia e cascalho. O mercado brasileiro destes produtos é atendido por uma ampla e diversificada gama de produtores, envolvendo cerca de 3.100 empresas: 600 de produção de brita e 2.500 de extração de areia, com um total de 75.000 empregos diretos e 250.000 indiretos. São 623 milhões de toneladas produzidas, gerando um faturamento de R$ 12 bilhões.

Tags, , , , , , ,

Startup brasileira lança café em cápsula mais fresco do mundo

7ce9d5b2-9352-46aa-8d96-41d5b6d50fcf

Pensando em uma alternativa que unisse a praticidade da cápsula de café com o sabor de um espresso fresco, jovens empreendedores, decidiram criar a Moccato, o primeiro clube de assinatura de cápsulas de café do país. O grupo formado por experientes profissionais de diferentes áreas, aposta na qualidade de grãos recém-torrados, na comodidade do delivery mensal e no preço acessível.

A startup, já nasce com um grande diferencial, garante o café da torra à xícara em apenas sete dias. “O cliente assina e entra em uma das datas de corte, que será a mesma data nos meses seguintes. Durante algumas vezes por mês, o café é torrado, encapsulado e entregue ao cliente em até sete dias. Isso torna o sabor da cápsula Moccato único no mercado”, explica Fabrizio Serra, idealizador do projeto. A empresa nasceu com um investimento inicial de pouco mais de 4 milhões de reais e espera alcançar 20 mil assinantes até o final de 2016.

Com um time de especialistas, a Moccato oferece uma seleção de grãos premium 100% arábica de fazendas prestigiadas e trabalha com estoque zero para oferecer o produto mais fresco do mercado. A marca traz cinco cafés exclusivos e cada sabor é atrelado a uma única fazenda para garantir a singularidade e qualidade do produto. “A ideia é que cada sabor retrate fielmente todas as nuances do grão, do terreno, do clima e principalmente da cultura local do café que trata todas as etapas com um carinho único, evidente em notas sutis, possíveis apenas num café especial”, ensina Emerson Freitas, sócio de Fabrizio, mestre de torra e especialista em cafés. “Um outro fato que também contribui para sua complexidade característica dos cafés premium é o baixíssimo uso de substancias químicas no cultivo e ausência de pesticidas, sendo muitos deles orgânicos”, acrescenta.

Para assinar basta acessar o site www.moccato.com.br. Lá os clientes terão a opção de três planos que contemplam: 30, 60 e 90 cápsulas, 100% compatíveis ao sistema Nespresso. Todo mês é possível alterar o mix de cápsulas, se o cliente desejar. A marca também conta com opções para vendas coorporativas, com 500, 1000 e acima de 1000 cápsulas.

Tags, , , ,

Aplicativo criado por startup brasileira terá expansão no exterior

O aplicativo Filho sem Fila, um serviço que auxilia os pais ao buscarem seus filhos nas saídas das escolas com mais segurança e contribui com a melhoria do trânsito, ganha novos ares e terá expansão na América do Norte, sendo implementado no Canadá e Estados Unidos.

O fundador do Filho sem Fila, Leo Gmeiner, está em Vancouver, participando do LEAP International (Lean Entrepreneur Acceleration Program), programa de aceleração internacional para startups, que tem como objetivo auxiliar empresas brasileiras que buscam expandir seus negócios no exterior, desenvolvido pela Dream2B, junto com a Launch Academy, aceleradora canadense.

Neste programa, com duração de seis semanas, Gmeiner participará de treinamentos, workshops, mentorias com especialistas canadenses, visitas técnicas a outros empreendimentos e encontros com investidores.

Além disso, participou da Vancouver Startup Week, um dos maiores encontros do setor e estará, nessa semana, na National Angel Capital Organization Summit (NACO), que reúne cerca de 400 investidores, tendo sido uma das 10 startups estrangeiras selecionadas para apresentar seu plano negócio para os investidores norte-americanos.

Com o nome Quick Pickup, o projeto tem previsão de lançamento em outubro, no Canadá e, em novembro, nos Estados Unidos. Leo Gmeiner ressalta a importância em participar deste programa no Canadá para, também, entender melhor o cenário nos EUA. “Estar no Canadá nos faz entender melhor o mercado norte-americano: por exemplo, saber quais as diferenças principais desse mercado nos EUA e no Canadá e traçar metas mais realistas e precisas”, explica.

Filho Sem Fila
Desenvolvido em 2013, o Filho sem Fila é um aplicativo pioneiro e inovador que garante mais segurança para os pais buscarem seus filhos nas escolas, por que permite que a equipe da escola tenha acesso, pelo próprio app, a fotos e documentos dos responsáveis pela retirada da criança.

Além disso, contribui na fluidez do trânsito, uma vez que, com antecedência, avisa à escola sobre a chegada dos responsáveis, para que a criança possa ser preparadas para um rápido embarque. Esta ação reduz em cerca de 75% a exposição à violência urbana e o tempo de espera dos pais, reduzindo, consequentemente, o congestionamento no entorno dos colégios.

O Filho sem Fila está presente em mais de 90 escolas por todo o Brasil e atende cerca de 38 mil alunos.

Mais informações: http://www.filhosemfila.com.br/

Tags, , , , ,

Startup Farm lança o ahead, novo programa de aceleração

A Startup Farm, maior aceleradora independente da América Latina, lança o novo programa de aceleração da Startup Farm, o ahead. O novo programa responde à demanda apresentada pelo mercado e possui uma nova estrutura em sintonia com todo o aprendizado adquirido nas 17 edições realizadas nos últimos 5 anos. O objetivo do programa é levar as startups da fase mais inicial até o nível onde apresente produto funcionando e vendas com crescimento consistente.

A partir de 2017, as startups escolhidas para o ahead passarão em um processo que irá durar 6 meses e terá três fases de aceleração com focos específicos:

* Laser focus – 5 semanas: Imersão “full life” para os fundadores trabalharem focados na construção do modelo de negócios da sua startup, suportados pela Farm e por uma ampla rede de mentores, parceiros e investidores

* Get Sales Done – 5 semanas: neste módulo a startup trabalhará na construção de uma estratégia de vendas e definirá as principais métricas de desempenho do seu negócio

* Fundraising – 15 semanas: a startup irá construir uma projeção inicial de necessidade de capital, assim como trabalhará na definição da melhor estratégia de captação. Ao longo deste módulo a startup continuará trabalhando no desenvolvimento do produto e/ou serviço, assim como melhorar suas métricas de desempenho com o acompanhamento da Startup Farm.

Cumpridos os três módulos, a startup estará habilitada para o Demo Day, um evento em que os empreendedores apresentam seus projetos a investidores e executivos de grandes empresas. Este evento também será reformulado e será voltado para uma plateia de investidores com interesse de investir tickets entre R$ 300 mil e R$ 1 milhão. O Demo Day não deixará de ter a função de apresentar os negócios acelerados para ecossistema como um todo.

“ahead Visa” será a primeira edição do novo programa que na estreia buscará startups focadas em revolucionar o mercado financeiro nos setores de Pagamentos, Seguros, Gerenciamento Financeiro, Investimentos, Funding, Eficiência Financeira, Bitcoin, Blockchain, Empréstimos e Renegociação de Dívidas. Aquelas startups que possuem serviços e ou produtos relevantes para o setor, também poderão participar. As inscrições para o ahead Visa estão abertas a partir de hoje, 20 de outubro, e podem ser feitas por meio do site aceleracao.startupfarm.com.br.

Realizado com o patrocínio da Visa, o ahead contará ainda com o suporte de tecnologia e negócios do time de executivos da Visa e de outras instituições parceiras. “Acabamos de lançar o Brasil Co-Creation Center em São Paulo e sua principal missão é promover um espaço aberto e interativo que busque cocriar inovações para o desenvolvimento da próxima geração de pagamentos. Ampliar essa rede de cocriação passa por se conectar com startups e com fintechs. A nossa participação nesse novo formato de programa de aceleração da Startup Farm marca o início de um próspero e frutífero relacionamento entre Visa, startups e fintechs em busca do desenvolvimento em conjunto das futuras tecnologias que irão nortear a inovação no país”, afirma Érico Fileno, Diretor executivo de inovação da Visa do Brasil.

ahead Visa

Foco em startups com serviços para o sistema financeiro
Inscrições abertas pelo site aceleracao.startupfarm.com.br

Tags, , , ,

Inseed Investimentos anuncia parceria com SENAI

Parceria irá impulsionar o desenvolvimento de startups de base tecnológicas que participam do Edital SENAI SESI de Inovação.

A Inseed Investimentos, gestora de recursos focada em empresas inovadoras com alto potencial de crescimento, firmou parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI) para impulsionar o desenvolvimento de startups que participam do Edital SENAI SESI de Inovação.

Segundo Alexandre Alves, diretor da Inseed, o acordo vai facilitar a seleção de empresas que receberão investimentos dos fundos FIMA e Criatec 3, criados pelo BNDES e direcionados para empresas de base tecnológica em estágio inicial. Além disso, irá disseminar a cultura da inovação e o fortalecimento de ecossistemas brasileiros de inovação. Para o diretor-geral do SENAI, Rafael Lucchesi, o objetivo do acordo é estimular o crescimento dessas empresas, que são motores do desenvolvimento da inovação no país.

O FIMA foi o primeiro fundo destinado ao segmento de Inovação Tecnológica Sustentável do Brasil, com R$ 165 milhões de capital comprometido e tem foco em negócios que possuem soluções aplicadas ao meio ambiente. Já o Criatec 3 é considerado o maior fundo de apoio ao empreendedorismo e inovação para o desenvolvimento de empresas early stage no Brasil e tem como setores prioritários Tecnologias da Informação e da Comunicação, Biotecnologia, Agronegócio, Novos Materiais e Nanotecnologia.

INSEED Investimentos

A INSEED Investimentos é uma gestora de recursos focada em empresas inovadoras com alto potencial de crescimento. A experiência adquirida, empreendendo negócios inovadores, e os resultados obtidos na gestão de fundos de Capital Empreendedor fazem da INSEED pioneira e grande especialista em empresas inovadoras em early stage no Brasil. A gestora gere e multiplica valor para investidores e empreendedores e estimula a cultura empreendedora em todo o país.

Totaliza R$ 485 milhões sob gestão e um track record de resultados positivos, com mais de 45 investimentos nos últimos 12 anos, 14 desinvestimentos com retorno médio próximo a 30% a.a., e uma carteira remanescente que cresce 45% a.a. desde 2008. O motivo desses resultados tão significativos, num contexto não tão favorável à inovação, é que a INSEED compreende o empreendedor em sua essência e sabe como multiplicar o valor do negócio investido.

Tags, , , , ,

Startup Surf Evolution mira pequenos investidores

Muitas empresas não sairiam do papel se não tivessem recebido aportes financeiros, sejam de familiares ou de fundos de investimento, tais como o crowdfunding, que são financiamentos colaborativos ou coletivos onde investidores profissionais e pessoas comuns investem e ajudam empresas a crescer. O Equity Crowdfunfing é uma modalidade bastante usada e nada mais é que a troca de percentuais da empresa que serão convertidos em ações. É com essa proposta que a startup Surf Evolution, de Florianópolis, pretende entrar de vez no mercado.

A Surf Evolution desenvolveu uma linha de equipamentos funcionais para o aprendizado e treinamento do surfe e outros esportes, como o stand up paddle. Além do condicionamento físico, os equipamentos proporcionam a interatividade do usuário, por meio da realidade virtual, e emitem uma avaliação de desempenho no final do treino. A startup já conquistou reconhecimentos e prêmios importantes, tais como Sinapse da Inovação IV e o do Governo Federal, InovAtiva Brasil.

“Depois de dois anos de muito trabalho, aprimoramento e de parceria com os melhores profissionais e instituições importantes, o projeto chegou no ponto de maturação para entrar no mercado. Atuaremos principalmente com locação, venda e franquias de centros de treinamento de surfe em academias de ginástica, resorts, hotéis, transatlânticos, academias residenciais, shoppings e escolinhas de surfe”, explica o CEO da empresa, Francis França.

A campanha, que iniciará na próxima semana, busca investidores em todo o país para comprar 10% da empresa, dividida em 100 partes iguais de R$10 mil. “Nosso objetivo com essa campanha é trazer parceiros e investimentos que serão revertidos na implementação do nosso plano de negócio. O processo é bastante simples e tudo é feito de forma transparente”, exemplifica.

É importante destacar aos investidores que não é apenas a injeção de capital que está em questão, mas o fomento à inovação, a geração de novos empregos e a realização de sonhos. “E isso significa muito para empreendedores que só precisam de uma oportunidade para ´sair da garagem´”, completa Francis.

Tags, , ,

Oxigênio Aceleradora abre inscrições para terceiro ciclo de aceleração

A Oxigênio Aceleradora abre as inscrições para a nova rodada de seu processo seletivo para startups. Entre os dias 03 de outubro e 09 de novembro, empreendedores de todo o Brasil poderão se inscrever para participar do 3º Ciclo de Aceleração da empresa. Para concorrer à oportunidade, é necessário que a startup já possua um MVP ou seja, um produto constituído e/ou protótipo, estejam em um estágio intermediário de desenvolvimento e tenham sinergia com um dos mercados nos quais a Porto Seguro atua.

“Desde que iniciamos o primeiro ciclo de inscrições, em setembro de 2015, tivemos um grande número de startups altamente qualificadas cadastradas, e o interesse vem aumentando continuamente, bem como a oportunidade de desenvolvimento que oferecemos aos empreendedores”, afirma Italo Flammia, diretor da Oxigênio Aceleradora. “Nosso objetivo é promover uma rica interação entre o ecossistema de empreendedores e os mercados que buscam inovação vinda de startups, por isso oferecemos suporte para que soluções sejam aprimoradas e o desenvolvimento seja cada vez maior. ”

“Desde que iniciamos o primeiro ciclo de inscrições, em setembro de 2015, tivemos um grande número de startups altamente qualificadas que participaram deste processo, e o interesse vem aumentando a cada ciclo, dada a excelente oportunidade de desenvolvimento que oferecemos aos empreendedores”, afirma Italo Flammia, diretor da Oxigênio Aceleradora. “Nosso objetivo é promover uma rica interação entre os empreendedores e os gestores de negócios da Porto Seguro, oferecendo assim todo o conhecimento instalado às startups, bem como acesso aos mercados em que atuamos. ”

Das cinco a sete empresas selecionadas, cada uma receberá um investimento de US$50 mil em dinheiro, além de US$100 mil em smartmoney, aplicados em investimentos indiretos, em forma de benefícios e recursos para os empreendedores.

Durante os três primeiros meses de aceleração, os empreendedores contarão com sessões de mentoria, palestras e workshops que sobre temas diversos relacionados ao negóciosda Porto Seguro. Após esse período, as startupstêm a opção de completar o processo de aceleração na sede da Plug and Play Tech Center, aceleradora localizada no Vale do Silício nos Estados Unidos, após maturação dos projetos e avaliação da equipe de mentores.

O programa de aceleração da Oxigênio terá início em 13 de fevereiro de 2017, na sede da empresa localizada na Rua Conselheiro Nébias, no bairro de Campos Elíseos em São Paulocom duração de seis meses. Empreendedores interessados em inscreverem seus projetos podem fazê-lo pelo website da Oxigênio (www.oxigenioaceleradora.com.br).

Tags, , , ,

Fiesp prorroga inscrições para a 5ª edição do Hackathon

O Comitê Acelera Fiesp (CAF) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (FIESP) promove a 5ª edição do Hackathon, uma maratona hacker, nos dias 15, 16 e 17 de outubro. O desafio é criar um aplicativo para dispositivos móveis com código aberto com a temática Hackathon Maker: Internet das Coisas, Protótipos e Indústria 4.0. Os competidores deverão desenvolver um sistema que solucionará problemas na área de Mashups – como combinar diversos dispositivos em um para estimular a conectividade e a praticidade no dia a dia das pessoas? -, Equipamentos urbanos – no futuro as cidades serão inteligentes, como os equipamentos urbanos podem se comunicar com seus usuários? -, e Wearables – as mudanças no setor vestuário: novas tecnologias e usabilidades para roupas e acessórios.

Ao todo serão três dias de programação e podem participar programadores, designers, hackers e cientistas da computação. “O objetivo é fomentar o conhecimento tecnológico e o espírito empreendedor dos participantes”, diz o diretor-titular do CJE, Sylvio Gomide.

Os grupos poderão ter cinco membros, sendo 2 programadores ou desenvolvedores, 1 designer, 1 profissional de comunicação e 1 visionário, de acordo com o site oficial. Os participantes que apresentarem a melhor solução móvel poderão participar da 9ª edição do Concurso Acelera Startup da Fiesp (mais detalhes da premiação no regulamento).

O Hackathon tem finalidade exclusivamente cultural, visando reconhecer e divulgar as soluções tecnológicas desenvolvidas que tenham potencial inovador, estimulando a difusão do tema no meio empresarial, sem caráter comercial.

O evento acontecerá no edifício-sede da FIESP, na Avenida Paulista, 1313, em frente à estação Trianon-Masp. O credenciamento começa às 8h da manhã do sábado, 15, e a maratona vai até domingo, 16, às 18h. Na segunda-feira, 17, haverá apresentações dos projetos começam às 17h, e os ganhadores serão anunciados às 21h.

Se tiver interesse, as inscrições foram prorrogadas até o dia 10 de outubro e vale a pena correr para o site e registrar. Para mais informações sobre o regulamento, não deixe de conferir o site oficial http://hotsite.fiesp.com.br/hackathon.

Hackathon

Data: 15, 16 e 17 de outubro

Horário: das 8h do dia 15/10 às 18h do dia 16/10 e dia 17/10 das 17h às 21h.

Local: Av. Paulista, 1313 – metrô Trianon-Masp

Tags, , , ,

Startup Easy Carros recebe investimento do GWC e Sequoia Capital no Vale do Silício

unnamed-60

Na noite do último dia 28/09, aconteceu em San Francisco – Califórnia, a disputa internacional do G-Startup WorldWide, competição global de startups para encontrar as empresas mais promissoras e inovadoras do mundo. A Easy Carros, marketplace que conecta os melhores profissionais de serviços automotivos a donos de carros, única startup da América Latina na competição, ficou em segundo lugar.

O primeiro lugar foi para a startup Feelter, de Tel Aviv, com o prêmio de 250 mil dólares. Já a brasileira, foi premiada com um investimento de 120 mil dólares do fundo GWC, que tem como maiores investidores a Sequoia Capital, fundo de investimento mais tradicional do Vale do Silício e a Cheetah Mobile, gigante chinesa do setor de tecnologia. A banca de jurados da premiação foi composta por grandes nomes da área como: Tim Draper, do Draper Associates & DFJ, Christine Tsai, da 500 Startups, Arielle Zuckerberg, da Kleiner Perkins Caufield & Byers e Alfred Lin, da Sequoia Capital.

Fernando Saddi, CEO e fundador da Easy Carros falou um pouco sobre a premiação. “Ficar em primeiro na etapa que aconteceu no Brasil já foi uma grande honra. Agora, representar nosso país no local que é considerado o berço das startups e ser reconhecido como uma das mais promissoras e inovadoras startups do mundo, foi incrível. Receber o feedback de alguns dos melhores investidores também foi um ótimo aprendizado para levar de volta ao Brasil para continuarmos melhorando sempre”, afirma o empreendedor.

A Easy Carros foi a grande vencedora da etapa do evento que aconteceu em São Paulo, em agosto. A vitória nesta primeira fase proporcionou a participação na etapa global, com startups de todo o mundo, no Vale do Silício, além de um primeiro investimento de 50 mil dólares.

Além da Easy Carros e da Feelter, outras startups participantes da competição global foram: Sky Rec, Pulzze, Yihu365 e iGrow.

Tags, , , ,

NetSupport e HDI Brasil se unem em benefício dos profissionais de TI

Com o objetivo de levar mais oportunidades para os profissionais de TI do país e aumentar a qualidade nos serviços oferecidos aos seus clientes, a NetSupport – startup de soluções de TI para pequenos e médios negócios – acaba de se aliar ao HDI Brasil, a maior associação de profissionais do mercado de informática do mundo e referência em processos de TI. Nessa parceria, os técnicos pertencentes a comunidade mantida pela empresa – chamados de Doutores em Tecnologia – poderão usufruir de conteúdos exclusivos do HDI, como vídeos, webinars e e-books. Além disso, descontos especiais para certificações e cursos também serão oferecidos.

“Essa parceria é um passo importante para nossa história. Temos como missão ajudar no desenvolvimento dos Doutores em Tecnologia tanto dentro, quanto fora da comunidade. Estamos trabalhando para transformar o mercado e levar oportunidades de qualificação para todos os cantos do Brasil”. Conta Frederico Queiroz, CEO da NetSupport, que há mais de 20 anos atua no setor de TI, e integra o conselho do HDI no Brasil.

Dentro da comunidade, os Doutores têm a oportunidade de aprender, ensinar, se relacionar e ainda ganhar dinheiro. Os profissionais interessados em lucrar, podem atender chamados dos clientes da NetSupport, através de uma ferramenta disponibilizada pela startup. Para tanto, é preciso realizar um processo de adesão. Após isso, o técnico poderá atender chamados presenciais, de acordo com a sua região, e remotos, em todo o Brasil.

Thiago de Marco, Diretor Executivo do HDI no Brasil, destaca a importância da renovação do mercado de TI “Estamos felizes com a parceria entre o HDI e a NetSupport. Acreditamos muito na inovação do nosso mercado. Com eles conseguimos enxergar como o modelo de prestação de serviços pode mudar e evoluir. A NetSupport mostra essa mudança em seu formato, sendo muito compatível com a nossa missão”.

O potencial do negócio chama atenção. Atualmente, a NetSupport está sendo acelerada pela Wayra, iniciativa global da Telefônica, para apoio e promoção de startups tecnológicas. A empresa foi uma das selecionadas para o processo que se iniciou no começo de 2016. “Temos uma oportunidade gigante em nossas mãos. Por isso, queremos levar esse modelo de negócio para o mundo. Mesmo sem nenhuma ação de marketing para outros países, já temos Doutores em Tecnologia na Angola e Colômbia. Já é um começo!”, complementa Queiroz.
Sobre a NetSupport

A NetSupport é uma assistência técnica em informática única, com a missão de liberar o tempo de seus clientes, para que eles possam se dedicar à sua especialidade, trazendo a qualidade dos serviços das grandes empresas de tecnologia, adaptadas para pequenos e médios negócios. Oferece atendimentos remotos e presenciais, que são executados através de sua comunidade de técnicos, a Doutores em Tecnologia, que conta com os melhores e mais capacitados profissionais de TI do mercado.
Sobre o HDI

O HDI é uma associação global, instituto de ensino, pesquisa e referência no desenvolvimento do segmento de atendimento e suporte técnico a clientes internos e externos, service desk, Field Support e correlatos.

Tags, , ,

Startup promove o compartilhamento de ativos entre indústrias

A startup Bee2Share teve a versão beta lançada esta semana no mercado global industrial. Além de conectar o trade industrial, a startup conta com uma ferramenta que possibilita o compartilhamento de ativos das indústrias, proporcionando demanda para a capacidade ociosa das empresas e a geração de novos negócios entre os players cadastrados na plataforma.

Através da inteligência artificial, o sistema estará constantemente gerando oportunidades de negócios entre os usuários, que receberão notificações e poderão se comunicar através do sistema de chat interno da plataforma.

A startup foi criada através da necessidade encontrada pelos 3 sócios que atuam no mercado industrial. “Sentimos a falta de uma ferramenta digital para suprir esta demanda da indústria”, afirma Derian Campos, Presidente da Bee2Share.

“O compartilhamento de ativos é uma ferramenta importante para a sustentabilidade dos negócios da indústria, além de viabilizar o desenvolvimento de novos negócios e projetos sem a necessidade de grandes investimentos. “ complementa, Claudio D’Amato, CEO da Bee2Share.

Além da ferramenta de compartilhamento de ativos, a Bee2Share promove a geração de leads, a oportunidade de novos negócios e produtividade no desenvolvimento de fornecedores e parceiros comerciais.

Tags, ,

Delta e GOL promovem a inovação do turismo aéreo em Hackathon no Brasil

A Delta Air Lines (NYSE: DAL) e sua parceria brasileira, GOL Linhas Aéreas Inteligentes, estão patrocinando neste ano o Hackathon realizado pela Associação Brasileira de Agentes de Viagens (ABAV). A competição brasileira reúne jovens especializados em tecnologia para participarem de uma maratona de programação na qual irão desenvolver soluções destinadas para o setor de turismo. O evento desafia os grupos a criarem soluções digitais para aprimorar a experiência e a interatividade entre agentes de viagens e seus clientes.

unnamed

A competição será realizada entre os dias 28 e 30 de setembro durante a ABAV Expo Internacional de Turismo, a feira de turismo mais completa, tradicional e importante do Brasil, na qual a Delta e suas parceiras GOL, KLM e Air France patrocinam o espaço da Ilha Corporativa. Esta área busca atender à crescente demanda do setor de viagens de negócios, incentivando a troca de experiências com os gestores de viagens de empresas de diversos setores que estarão presentes no evento.

“A importância de nossa parceria é oferecer aos talentosos jovens uma experiência que é divertida, envolvente e que fornece a eles oportunidades para demonstrarem seus talentos, ” disse Luciano Macagno, diretor da Delta para o Brasil. “A Delta e a GOL são líderes da indústria na expansão da experiência do cliente por meio da utilização de tecnologia e inovação. Estamos muito empolgados para oferecer oportunidades para os jovens alcançarem o sucesso e caminharem em direção à realização de seus sonhos. ”

A Delta concederá aos vencedores do Hackathon cinco passagens para Orlando, Flórida, pois a companhia aérea possui um voo diário e direto para a cidade a partir do Brasil. A GOL oferecerá passagens domésticas para o segundo colocado. Os vencedores serão selecionados por uma comissão julgadora.

Tags, , , , , ,