Page admin, Autor em Valor Agregado - Notícias sobre o mundo corporativo - Página 8436 de 15686

Author admin

TIM encerra ano fiscal com EBITDA recorde

A TIM encerra 2018 com o maior EBITDA(1) anual de sua história, R$ 6.563 milhões, um crescimento de 10,3% em relação a 2017. A expansão do resultado operacional acontece há dez trimestres consecutivos. Margem EBITDA normalizada(1) também é recorde: 41,7% no trimestre e 38,5% no ano. Já o lucro líquido normalizado(1) encerra 2018 com R$ 1.566 milhões, um crescimento de 26,6% ano a ano.

No 4T18, a TIM demonstra evolução de todas as suas frentes de negócio, com crescimento dos serviços móvel e fixo, e de produtos. A receita líquida totaliza R$ 4.479 milhões no período, avançando 5,2% em comparação com igual trimestre de 2017. No ano, o indicador atinge R$ 17.050 milhões, com alta de 5,0%. A receita líquida de serviços cresce 3,7% no trimestre e 4,7% de crescimento no acumulado do ano. Já o CAPEX soma cerca de R$ 4 bilhões em 2018, dando continuidade aos sólidos investimentos em infraestrutura.

“Apesar de ser um ano de vários desafios, entregamos tudo o que prometemos no início de 2018. Nosso foco na execução nos permitiu alcançar números recordes de EBITDA e Margem, além de gerar caixa sólido e dar continuidade aos fortes investimentos em infraestrutura. Em 2019, continuaremos a sustentar resultados positivos com foco na nossa missão de nos tornarmos a operadora mais amada e a empresa mais rentável do mercado”, analisa Sami Foguel, CEO da TIM BRASIL.

No segmento pós-pago, a companhia comemora crescimento anual de 13,7% de clientes, chegando a 20,2 milhões de usuários, o que representa 36,2% da base total da operadora. Em 2018, a operadora registrou uma adição de 2,4 milhões de linhas. Já no pré-pago, o principal lançamento do trimestre foi o TIM Pré TOP, primeiro deste segmento no mercado a incluir em seus pacotes a utilização ilimitada de aplicativos de redes sociais. A oferta mantém a companhia na vanguarda do mercado e a campanha de lançamento é estrelada pelo cantor Luan Santana, que possui grande identificação com o público-alvo.

Digitalização e facilidades para o cliente

A TIM segue investindo nos seus canais de relacionamento com foco na digitalização para promover a evolução constante naExperiência do Cliente. Em 2018, as vendas nos canais eletrônicos cresceram 28% no pós-pago e 32% no pré-pago. O número de usuários únicos do Meu TIM tem alta de 72%, enquanto a retenção da URA cresce 3 p.p., reduzindo em 9% as interações humanas pelo call center ao fim do 4T18. O envio de faturas online dobrou, chegando a mais de 50% dos clientes no fim do trimestre.

TIM Live: evolução contínua

O desempenho acelerado da TIM Live se consolida no quarto trimestre, com crescimento de 19,1% na base de clientes, totalizando 467 mil acessos. As adições líquidas de banda larga fixa residencial somam 75 mil clientes, sendo 50mil só na tecnologia FTTH (Fiber to the Home), cuja a cobertura potencial alcança em 2018 1,1 milhão de domicílios. A receita média mensal por usuário (ARPU) da TIM Live chega a R$ 82,1 no quarto trimestre, expansão de 13,9% quando comparada a igual período de 2017. A TIM oferece a tecnologia FTTH em 11 cidades, sendo cinco capitais (Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Goiânia e Manaus).

Em relação ao 4G, a TIM consolida a liderança na cobertura da tecnologia, totalizando 3.272 cidades, uma expansão de 38% em relação a igual período de 2017. A rede de quarta geração da operadora já cobre 93% da população urbana do país, atingindo 34,5 milhões de usuários. Com isso, 76% do tráfego de dados dos clientes da TIM foram realizados na rede 4G no período, alta de 16 p.p. em relação a igual trimestre do ano anterior.

A rede de quarta geração na frequência 700 MHz já está habilitada em 1.426 cidades de todo o Brasil, um crescimento de 55,7% em relação a 2017. Outro destaque é a oferta da tecnologia VoLTE (voz em alta definição) em 2.522 cidades, expansão de 74,5% no ano.

A TIM também segue com a instalação de Biosites, solução para adensamento da rede de acesso móvel (antenas/torres) em harmonia com urbanismo e o meio ambiente. O projeto é capaz de agregar equipamentos de telecomunicações 3G e 4G, iluminação e câmeras de segurança, além de ter menor custo e mais rápida instalação. No 4T18, a operadora alcançou um total de 841 Biosites ativos pelo país um crescimento de 62% em relação a 2017.