Page admin, Autor em Valor Agregado - Página 529 de 15483

Author admin

Dolado recebe aporte de R$ 53 milhões em rodada Série A de investimentos

Marcelo Loureiro, Guilherme Freire e Khalil Yassine

A startup Dolado, plataforma que empodera pequenos lojistas na compra, venda e gestão, conquistou o aporte de R$ 53 milhões em rodada de investimentos Série A, liderada pelo fundo americano Valor Capital Group, com participação do Flourish (Grupo Omidyar Network), GFC, Clocktower Ventures, IDB e Endeavor. Este é o segundo aporte captado pela Dolado em sua jornada e é a primeira startup investida do IDB Lab no Brasil, laboratório de inovação da maior fonte de financiamento para o desenvolvimento da América Latina e Caribe, o IDB. Com os novos recursos, a startup visa a expansão do seu time, com foco em contratações nas áreas de produto, tecnologia e relacionamento com o cliente.

Fundada em 2020, por Guilherme Freire, Khalil Yassine e Marcelo Loureiro, a Dolado é uma empresa que nasceu com a missão de empoderar pequenos comerciantes por meio da tecnologia para que possam melhorar a forma como vendem, compram e fazem a gestão de seu negócio. Para isto, a startup investe na criação de um ecossistema completo que visa oferecer soluções de e-commerce, digitalização de supply chain e ferramentas de gestão.

O modelo de estreia das operações da empresa consistiu em um catálogo digital gratuito, com o objetivo de resolver uma dor latente dos pequenos comerciantes no início da pandemia: como se digitalizar para vender online de forma eficiente e segura. Em cerca de 6 meses de operação este modelo atingiu mais de 5 mil comerciantes utilizando a plataforma.

Para Khalil Yassine, co-fundador e COO da empresa, o relacionamento próximo com estes comerciantes foi fundamental para aprofundar o estudo do mercado visando o lançamento de novos produtos da startup. “O foco era criar um relacionamento de confiança com os pequenos lojistas de regiões periféricas. Com essa estratégia, passamos a ter profundidade sobre quais eram as principais dores de cada tipo de comércio que atendíamos, que ia desde lojas de assistência técnica até restaurantes. Assim, pudemos usar essas informações para a tomada de decisão sobre o desenvolvimento de outros produtos personalizados para o dia a dia deles e monetizar a partir disso”, conta.


Em menos de um ano, a Dolado lançou o segundo produto do seu ecossistema: um marketplace entre fornecedores e pequenos comerciantes. O novo produto visa resolver o problema de estoque de mercadorias de pequenos comerciantes que, em sua grande maioria, perdem muito tempo de deslocamento para comprar nos grandes centros de São Paulo para abastecer suas lojas.


Este novo modelo tem como foco inicial o setor de eletrônicos, cujos fornecedores estão concentrados na região da 25 de Março na capital paulista. “Este aporte veio em um momento oportuno e é de extrema importância para expandirmos nossa base de clientes e desenvolvermos novas soluções para estes varejistas.”, completa Yassine.


Em 2021, apesar da dificuldade geral causada pela pandemia, a companhia cresceu dezenove vezes em receita, encerrando o ano com mais de 20 mil clientes impactados por seus serviços e mais de 80 colaboradores em seu time. A Dolado pretende manter a agressividade de crescimento, com a meta de atingir a marca de 100 mil empreendedores utilizando a plataforma em todo o país.


“Mesmo diante de um ano desafiador, a Dolado mostrou resiliência e comprovou sua capacidade de crescimento”, afirma Antoine Colaço, do Valor Capital Group. “A aposta da companhia em olhar para o potencial dos lojistas que estão fora dos grandes centros vai além de crescer a própria base. Promover a digitalização destes pequenos empreendedores é também contribuir para o desenvolvimento do setor como um todo”, ressalta o investidor.


Recentemente, Dolado e Valor Capital Group conquistaram o prêmio Anual ESG Deal, da LAVCA (Associação para o Investimento de Capital Privado na América Latina), na categoria responsabilidade social. “Este reconhecimento mostra que estamos no caminho certo para contribuir com o desenvolvimento de um setor tão importante para o mercado brasileiro”, celebra o CEO da startup, Guilherme Freire.

Tags