Page admin, Autor em Valor Agregado - Página 182 de 15483

Author admin

Moova soma US$ 10 milhões em rodada de investimentos

Antonio Migliore e Marcos Detry durante o Programa Acelerar España, em Madri.

A Moova, AirBnb logístico que resolve entregas de última milha, anuncia que acaba de completar um investimento estratégico de US$ 10 milhões, liderado por alguns dos principais investidores e aceleradoras da América Latina. Com o investimento, a empresa pretende continuar se consolidando como líder de tecnologia em logística na região e desenvolver o plano de expansão de sua plataforma SaaS.

Nesta rodada a empresa somou investidores dos EUA, Europa e Ásia. Entre eles, Movile, Alaya Capital, FJ Labs, Wayra Telefónica, Matterscale, Kalei Ventures, IThink, Parser Digital, Reflect Ventures, Murchinson VC, Insudpharma, Cosmen Family Office/National Express e Tasa Logística, entre outros.

Após três anos de crescimento meteórico, a empresa planeja continuar atendendo a América Latina com sua tecnologia, bem como abrir novos mercados. Consolidada nos oito países em que opera, neste ano a Moova pretende abrir mais praças no México e na Colômbia, além de ingressar no mercado norte-americano. A companhia tem um plano ambicioso para recrutar talentos de tecnologia em toda a região e uma carteira de clientes líderes.

Como parte desse caminho de expansão, a Moova foi selecionada para o G20 Innovation League em Sorrento, Itália, na categoria “Cidades Inteligentes” em outubro de 2021 e para o Acceler Espanha 2022, onde foi finalista entre as 740 startups participantes.

Um dos objetivos da companhia é escalar o modelo SaaS. “As oportunidades são infinitas devido à capacidade de adaptação e flexibilidade da nossa tecnologia. Não estamos escalando serviços, mas tecnologia avançada. O crescimento estruturado e sustentável é parte do nosso DNA”, detalha Antonio Migliore, fundador e CEO da Moova.

“Nosso objetivo é continuar expandindo e contribuir ainda mais com a mobilidade do futuro. Desenvolvemos sistemas eficientes que permitem mobilidade urbana acessível, segura e sustentável. A Moova empodera todo o ecossistema ao permitir que fornecedores de logística em todo o mundo possam ter acesso a sistemas que seriam muito caros para incorporar de outra forma. Nosso modelo é sem fronteiras”, acrescenta o executivo.

O desenvolvimento da plataforma SaaS, uma forma de licença para provedores de logística, é a jóia dos negócios da Moova, usada por provedores logísticos e alguns dos correios mais importantes da região. Além disso, o foco de negócios desta plataforma inclui sistemas avançados baseados em inteligência artificial e tecnologias de rastreabilidade e otimização que sugerem rotas eficientes e rastreamento em tempo real das entregas. “Nossos algoritmos analisam 4 milhões de rotas potenciais e em segundos indicam a mais eficiente. Temos uma equipe de engenheiros e matemáticos otimizando a tecnologia diariamente”, explica Migliore.

A Moova transforma a capacidade ociosa de veículos de entregadores ou empresas de logística em soluções de entrega altamente eficientes e de baixo custo, permitindo assim, que executem o serviço no mesmo dia da compra online. Sua plataforma de software de última milha otimiza custos, rotas, quilômetros percorridos pelos entregadores, etc. Além disso, oferece serviços completos de entrega por meio de seus Moovers (entregadores próprios) e licencia sua plataforma SaaS permitindo que empresas de logística gerenciem entregas de última milha de forma eficiente, transparente e controlada.

“A IA é o que permite que as companhias adotem a transformação digital e a transição de uma indústria com um legado rígido para ter acesso a análises avançadas, automação, adoção de robótica, entre outras inovações. Na Moova, incorporamos regularmente muitos elementos da IA em relação a transporte inteligente, planejamento de rotas, rastreamento e rastreabilidade de entregas. Também integramos um aumento de rotas por meio de IA e os sistemas de escalonamento em nossos centros de distribuição”, afirma Marcos Detry, co-fundador e CTO da Moova, e ex-fundador e CTO da deRemate.com, uma das primeiras empresas de internet de sucesso na América Latina, posteriormente adquirida pelo Mercado Livre.

A empresa está posicionada ao lado de outras companhias de tecnologia disruptivas da Argentina, como Autho, Mudafy e Ualá, investindo na América Latina e olhando para o mundo.

Mobilidade Sustentável

A Moova se destaca não apenas por sua tecnologia avançada, mas também por seu caráter sustentável. Sob o lema “reimaginando a última milha para um mundo sustentável”, o objetivo da empresa é cobrir a demanda de última milha com o menor número de veículos nas ruas e reduzindo o tempo gasto nelas. Além disso, conta com planos de medição e compensação de pegada de carbono.

Em 2021, a empresa foi convidada a participar da G20 Innovation League, na Itália, na categoria “Cidades Inteligentes” como uma das 100 startups globais que estão fazendo frente aos maiores desafios da humanidade. Antonio Migliore apresentou o modelo de negócio para comunidade internacional e foi reconhecido pela indústria.

“Na Moova, podemos priorizar veículos privados que emitem menos poluentes e trabalhamos sob um plano de sustentabilidade que inclui compensação e medição da pegada de carbono, além de parcerias com diversos players sustentáveis. Nossa equipe de dados estima que, com a atividade recente, evitamos adicionar mais de 200 veículos nas ruas graças ao nosso modelo. Se nossa tecnologia gerenciar as 30 milhões de entregas que estimamos para 2030, teremos evitado 25.000 veículos nas ruas. É incrível”, diz Migliore. “É um grande momento para considerar incluir o meio ambiente em nossas decisões de negócios. De acordo com projeções da CEPAL, 60% da população mundial será urbana e o número de veículos nas ruas dobrará até 2030”, continua.

Segundo a CEPAL, a América Latina e o Caribe são uma das regiões mais urbanizadas do planeta, onde 81% da população vive nas cidades e 56% se deslocam diariamente em transporte público. “A América Latina apresenta uma grande oportunidade, uma vez que a pandemia acentuou muitas mudanças, incluindo a necessidade de estabelecer espaços ao ar livre e ampliar as calçadas, a obrigação de circulação em espaços abertos, as pessoas optando por se deslocar de bicicleta ao invés de táxi, entre muitos outros exemplos. Essas não são mais uma necessidade para o futuro, mas sim a agenda de hoje. Na Moova estamos atuando para moldar a logística do futuro – ou melhor, do presente”, diz o fundador da Moova, que garante que a empresa trabalha todos os dias pensando em como contribuir para a construção das cidades inteligentes na América Latina e no mundo.