Page

Author admin

Empresa incubada na UTFPR Curitiba apresenta proposta para Pappe Sebrae Paraná

A empresa Neshy Energias Renováveis, incubada da UTFPR Câmpus Curitiba, Sede Ecoville, apresentou a proposta H2 Flame-Gerador de Hidrogênio para soldagem e basagem com tocha para a chamada pública Pappe Sebrae Paraná. Entre todas as empresas incubadas pela UTFPR, a Neshy foi a única contemplada.
Este projeto da Sebrae oferece recursos para o apoio financeiro a entidades sem fins lucrativos relacionados a projetos de ciência, inovação e tecnologia, destinadas à execução de projetos que criem novos produtos ou produtos significativamente melhorados com inovação tecnológica para micro e pequenas empresas do Estado do Paraná e que demonstrem impacto mercadológico.

Mais informações sobre o Programa de Empreendedorismo e Inovação (PROEM) e Divisão de Empreendedorismo e Inovação (DIEMI), acessando:
http://www.utfpr.edu.br/curitiba/estrutura-universitaria/diretorias/direc/empreendedorismo

Fonte: UTFPR

Tags, ,

GTMA: oportunidades para empresas brasileiras de TI no Canadá

Gerald Psarzowski é vice-presidente de desenvolvimento de negócios da Greater Toronto Marketing Alliance. Ele visitou o Parque de Software de Curitiba para apresentar oportunidades de investimentos na região econômica mais importante do Canadá. O setor de tecnologia da informação é um dos pontos de maior interesse da GTMA no Brasil. O encontro com empresários do Paraná abre um caminho para que empresas de TI tenham a possibilidade de entrar no mercado norte-americano de tecnologia via Canadá.
Acompanhe depoimentos em vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=gCea3x3pMC8

http://www.youtube.com/watch?v=MdpOKUtsTeE

Tags, , , ,

EuroIT lança serviço de envio de mensagens SMS para clientes das Locadoras

Sobre a busca por diferenciais que pode oferecer às Locadoras, a respeito de excelência no atendimento aos seus clientes, a EuroIT lança uma ferramenta que permite o envio de mensagens SMS para locatários podendo, por exemplo, parabeniza-los por seu aniversário, ou ainda, informa-los a respeito de promoções.

Essa ferramenta é um serviço gratuito, sendo necessário, somente, cadastro em conta de um provedor de envio de mensagens homologado pela EuroIT.

Mais informações: www.euroit.com.br ou vendas@euroit.com.br

Tags, , , ,

Softex: indústria de software do Paraná em alta e Brasil com falta de profissionais

Em Curitiba, empresários e representantes de entidades do setor de tecnologia acompanharam a apresentação do 2º Volume da Publicação Software e serviços de TI: A Indústria Brasileira em Perspectiva, um trabalho inédito, pioneiro e abrangente que aborda em detalhes, o setor de software e serviços de TI no Brasil. O evento foi uma parceria do CITS – Centro Internacional de Tecnologia de Software com a Softex- Agência para a Promoção da Excelência do Software Brasileiro a PUC-PR. Arnaldo Bacha , vice-pres. executivo da Softex falou sobre o trabalho da agência e de um grande evento da indústria de software que acontece nesta semana. Os números do setor foram apresentados por Virgínia Duarte, gerente do Observatório Softex.

Tags, , , , ,

Cinq lança solução mobile em evento do Gartner nos Estados Unidos

A vigésima segunda edição do Gartner Symposium ITxpo, mais importante encontro de executivos e CIOs do mundo, acontecerá na cidade de Orlando (Florida/EUA) entre os dias 21 e 25 de Outubro de 2012. Mais de 8.000 mil executivos de TI são esperados para o evento, sendo que aproximadamente 2.400 são CIOs de grandes companhias globais, incluindo as brasileiras Petrobrás, TV Globo, Carrefour Brasil e Itau BBA.
Com o tema “Focus. Connect. Lead”, o evento discutirá as principais tendências da Tecnologia da Informação – cloud, social e mobile –, explorando o impacto desses novos modelos de negócio no mercado. Definir como essas tecnologias podem auxiliar as empresas na redução de custos e na diferenciação competitiva é o objetivo do Gartner Symposium ITxpo 2012.
Entre as expositoras do evento está a brasileira CINQ Technologies, empresa CMMI-3 especializada em soluções inovadoras de TI para o mercado nacional e internacional. Alinhada às tendências tecnológicas discutidas no evento, a empresa lançará no Gartner um produto que acelera o desenvolvimento e facilita a manutenção de soluções mobile, o CINQ Mobile Development Accelerator (CINQ MDA).
Composto por três módulos principais, o CINQ MDA oferece agilidade e autonomia aos clientes. O primeiro módulo – CINQ Catalog App Engine – corresponde a uma plataforma para o rápido desenvolvimento de aplicativos mobile. Já o segundo módulo – CINQ Digital Asset Management – é um sistema Cloud CMS que permite a manutenção do conteúdo dos apps via web browser. Assim, é possível alterar, adicionar e apagar conteúdos sem conhecimentos prévios em programação. Por fim, o CINQ MDA apresenta um sistema de coleta de dados crowdsourcing – CINQ Crowdsourcing Collector -, permitindo que um ilimitado número de pessoas colete, de qualquer lugar através de um dispositivo móvel, novos conteúdos para os aplicativos de destino.
Segundo Carlos Alberto Jayme, diretor de Marketing e Vendas da CINQ Technologies, o CINQ MDA foi concebido para suprir uma demanda crescente de soluções que envolvem mobilidade, cloud e conteúdo colaborativo. “Para ilustrar um exemplo de aplicação do CINQ MDA, podemos citar uma imobiliária que disponibiliza um app para consulta de seus imóveis. O conteúdo deste app pode ser gerenciado tanto pela imobiliária, através do CINQ Digital Asset Management, quanto pelos corretores de imóveis em campo, por meio do CINQ Crowdsourcing Collector”, comenta Jayme.
A CINQ Technologies participará do Gartner Symposium ITxpo 2012 junto à comitiva do Brasil IT+, programa do Softex que visa fomentar a indústria de Tecnologia da Informação, apoiar a internacionalização das empresas e atrair investimentos para o país. Fernado Cariello, consultor responsável pela participação do Brasil IT+ no Gartner, comenta que “participar deste encontro é estar na vitrine do que há de melhor em TI no mundo”.

Tags,

Software e Serviços de TI: A Indústria Brasileira em Perspectiva

 

A SOFTEX, CITS e PUC-PR, têm a satisfação de convidar para a Apresentação do 2º Volume da Publicação Software e serviços de TI: A Indústria Brasileira em Perspectiva, um trabalho inédito, pioneiro e abrangente que aborda em detalhes, o setor de software e serviços de TI no Brasil em suas diversas dimensões, como desempenho, inovação, recursos humanos e regionalidade.

Data: 16/10/2012

Local: SEBRAE – Rua Caeté, 150 – Sala 04 – Curitiba

Agenda:

09h              Welcome coffee

09h30           Abertura:

– Arnaldo Bacha de Almeida  – SOFTEX

– Hans Gerhard Schorer  – CITS

– Luiz Marcio Spinosa– PUC

 

10h30           Apresentação da Publicação:

– Arnaldo Bacha de Almeida – SOFTEX

– Virginia Duarte – SOFTEX

 

Inscrições gratuitaseducacao@cits.br ou (41) 3025-9659 com Maria José ou Izoulet

 

Vagas limitadas –  Inscrições até 11/10/12


 

 

 

 

 

Tags,

Brasil é um dos principais países com serviços offshore de TI, afirma Gartner

O Gartner, líder mundial em pesquisa e aconselhamento sobre tecnologia, identificou as 30 principais localidades offshore para serviços de TI. Neste ranking, o Brasil está em segundo lugar na América Latina, tendo o México, em primeiro, e a Argentina, em terceiro lugar. Os fornecedores de serviços de TI estão investindo em localidades alternativas ao redor do mundo, com o objetivo de atenderem às necessidades de empresas multinacionais. Esta tendência será apresentada durante o Gartner Symposium ITxpo 2012, que acontece nos dias 29, 30 e 31 de outubro, no Sheraton São Paulo WTC Hotel.

Além destas 30 localidades, o Gartner aponta que mais 50 países já iniciaram atividades para estabelecerem um ambiente atrativo às empresas que querem investir em regiões com baixo custo ou se tornarem a “casa” dos fornecedores de serviços externos.
“Oportunidades de negócios estão crescendo em mercados emergentes e isto faz com que as empresas reavaliem suas escolhas de entrega global. Os fornecedores de serviços externos estão reconfigurando suas estratégias para ter maior alcance geográfico na medida em que novas localidades surgem”, afirma Cassio Dreyfuss, chairman do Gartner Symposium ITxpo 2012.

Atualmente, 63% das empresas usuárias de serviços de TI utilizam localidades na América Latina, 55% delas usam na Europa, Oriente Médio e África (EMEA) e 63% servem-se na Ásia e no Pacífico. A tabela abaixo apresenta as três principais localidades em cada região. Empresas da Europa Ocidental usam, predominantemente, a Índia (35%), Polônia (21%), Brasil (18%) e China (16%).
Novas localidades como Brasil, Polônia e Malásia melhoram a capacidade de entrega dos fornecedores, embora estes não pretendam substituir a Índia. As empresas, tradicionalmente situadas na Índia, estão estabelecendo modelos de entrega globais para altos volumes de recursos, com as habilidades, fuso horário e preços corretos para atender às necessidades dos clientes.

O Gartner afirma que estas localidades alternativas ganharão importância quando os clientes se atentarem às habilidades, como língua local e melhor compatibilidade cultural, e aos benefícios da proximidade, que devem gerar redução no tempo de viagens e fusos horários mais próximos para comunicação.

Os fornecedores estão começando a parar de investir na Índia e terão como objetivo criar uma “massa crítica” com estes centros. Isto permitirá a eles estabelecerem uma rede global, por meio da combinação de metodologias, ferramentas, processos e procedimentos em comum para ter consistência de entrega aos clientes, independente de onde estejam.

Ao mesmo tempo, a globalização dos negócios e suas oportunidades significam que os líderes operacionais e de fornecimento devem considerar, cuidadosamente, como os seus negócios precisam mudar para operar em diferentes localidades e como estas mudanças podem ser apoiadas.

Para determinar a efetividade do modelo de entrega de um fornecedor global de serviços, o Gartner aplica 10 critérios-chave:
• Gama de serviços
• Qualidade e profissionalismo
• Expertise de domínio
• Capacidade de resposta
• Inovação
• Preços
• Processo/metodologia de entrega
• Gestão do conhecimento
• Práticas contratuais
• Flexibilidade comercial e maturidade

Apesar do amplo uso de serviços offshore, muitas empresas se esforçarão para escolher fornecedores críticos e enfatizarão os custos como fator dominante em serviços entregues globalmente. Baseando-se nos 10 critérios-chave para avaliar e comparar a efetividade dos modelos, os analistas demonstrarão no Gartner Symposium ITxpo 2012, como as empresas podem aprimorar suas chances de encontrar um fornecedor que atenda às mais diversas necessidades de serviço.

As inscrições podem ser feitas pelos telefones (11) 3074-9724 / 3073-0625 ou pelo email brasil@gartner-la-events.com. Até o dia 25 de outubro, será concedido desconto especial de R$ 120,00.

As 30 principais localidades para serviços offshore, em ordem alfabética, são:
Américas: Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, México, Peru e Uruguai
Ásia/Pacífico: Bangladesh, China, Índia, Indonésia, Malásia, Filipinas, Sri Lanka, Tailândia e Vietnã
Europa, Oriente Médio e África: Belarus, Bulgária, República Tcheca, Hungria, Ilhas Maurício, Marrocos, Polônia, Romênia, Rússia, Eslováquia, África do Sul, Turquia e Ucrânia

Tags,

SOFTEX define palestrantes de seu Congresso (CIBSS)

Durante os seis dias do Congresso da Indústria Brasileira de Software e Serviços de TI (CIBSS 2012), que a SOFTEX promoverá de 22 a 27 de outubro, membros do setor empresarial, da academia e do governo participarão de uma extensa programação para a troca de experiências e discussão de temas relevantes para o setor. Na pauta, entre outros tópicos, inovação, qualidade do processo de desenvolvimento de software, alianças empresariais e estratégias para ampliar a presença do software e dos serviços de TI brasileiros tanto no mercado interno como no exterior.

A programação foi dividida em três trilhas temáticas: CONATI (Congresso SOFTEX de Alianças Empresariais – 3ª edição), Encontro do Observatório e WAMPS (Workshop Anual do MPS – 8ª edição). A grade de palestrantes está em fase final de definição, mas o congresso já tem confirmadas as presenças de diversos especialistas.

A trilha WAMPS, contará com as participações de Eduardo Costa, professor do Departamento de Engenharia e Gestão do Conhecimento da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e do IAG da PUC-Rio; Emília Mendes, professora de Engenharia de Software na School of Computing do Blekinge Institute of Technology (Suécia); Guilherme Horta Travassos, doutor em Engenharia de Sistemas e Computação pela COPPE/UFRJ; e Kival Weber, coordenador-executivo do Programa MPS.BR – Melhoria de Processo do Software Brasileiro.
Dedicada à análise da importância do fomento à formação de alianças empresariais, a trilha CONATI tem confirmadas as presenças de Jean Carlo Klaumann, diretor-geral de Sistemas da Linx Sistemas; André Luiz Medrado Barboza, economista do Departamento de Tecnologia da Informação e Inovação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES); Rodrigo de Castro, diretor de Marketing da Teevo Tecnologia da Evolução; Roberto Ribeiro da Cruz, chief executive officer (CEO) da Pixeon Medical Systems; e Luís Motta, sócio de Corporate Finance da KPMG no Brasil.

Participarão da trilha Encontro do Observatório, evento que discutirá os desafios e as oportunidades para o desenvolvimento da indústria, Eduardo Grizendi, professor do Inatel na área de Inovação e Negócios em TIC; Paulo Villela, Pós-Doutor em Dinâmica de Sistemas pela Universidade de Ilinois e coordenador do curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Juiz de Fora; Luis Claudio Kubota, coordenador de estudos do setor de serviços do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA); Virgínia Duarte, gerente do Observatório SOFTEX, unidade de estudos e pesquisas da SOFTEX; e Benito Paret, presidente do Sindicato TI Rio e diretor-executivo da RIOSOFT.
“Ao reunir tantos especialistas, o CIBSS possibilitará uma ampla discussão dos desafios enfrentados pelo setor e colaborará na identificação de soluções. O congresso receberá também os principais players – empresários, governo e academia – permitindo a construção de um ambiente ideal para a troca de informações e experiências, para o debate das melhores práticas, bem como para a geração de negócios”, explica Arnaldo Bacha, vice-presidente executivo da SOFTEX.

Para a sua realização, o CIBSS conta com o patrocínio do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), responsável por coordenar e integrar as iniciativas de serviços da Internet no País, do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), criado para implementar as decisões e os projetos do CGI.br, e também com recursos da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). O CIBSS tem ainda o apoio institucional da Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES), da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação (Assespro) e da Federação Nacional da Informática (FENAINFO).

Para conferir a relação de todos os palestrantes confirmados até o momento, efetuar inscrições ou obter informações adicionais sobre a programação do CIBSS 2012, visite www.cibss.softex.br. O hotel do encontro disponibiliza tarifa especial de hospedagem aos participantes, bastando para tanto informar o nome do evento no ato da reserva. Mais esclarecimentos pelo e-mail cibss@nac.softex.br

I Congresso da Indústria Brasileira de Software e Serviços de TI (CIBSS 2012)
Data: 22 a 27 de outubro de 2012
Local: Hotel Quality Resort & Convention Center Itupeva – Rodovia dos Bandeirantes, Km 72
Informações e Inscrições: www.cibss.softex.br

Tags, ,

Pacote de redução das tarifas de energia elétrica impõe desafio a profissionais de TI

O pacote do governo federal para a redução das tarifas de energia elétrica em até 28%, lançado no último dia 11 pela presidente Dilma Rousseff, impõe um desafio a mais aos profissionais de tecnologia da informação. A área terá a missão de buscar ferramentas eficientes, que auxiliem as empresas do setor elétrico na tarefa de cortar custos sem afetar a produtividade.

A avaliação é de especialistas que participaram da abertura do Encontro de Tecnologia da Informação do Setor Elétrico Brasileiro – TI Energia 2012, nesta segunda-feira (1º), no Hotel Bourbon Cataratas, em Foz do Iguaçu. Promovido pela Fundação Coge (Funcoge) e organizado pela Itaipu Binacional, o encontro ocorre até quarta-feira (3) e reúne representantes de 67 empresas públicas e privadas do setor elétrico.

“Estamos vivendo um novo momento no setor elétrico. Estão vencendo uma série de concessões e a presidente Dilma acaba de lançar uma meta ambiciosa, que vai exigir muito da nossa capacidade de sermos cada vez mais eficientes e de trabalharmos com as melhores práticas administrativas que se tem conhecimento no mundo”, comentou o diretor-geral brasileiro de Itaipu, Jorge Samek.

Também participaram da solenidade o presidente do Conselho Diretor da Fundação Coge e conselheiro da Cemig, Marco Antônio Rodrigues da Cunha; o chefe do Departamento de TI da Eletrobras e coordenador do Comitê de TI da Fundação Coge, Paulo Roberto Nunes Mandarino; e a diretora financeira executiva de Itaipu, Margaret Groff.

“A informática tem um papel fundamental do ponto de vista de poder fazer operações cada vez mais eficientes, fazer controles, fazer acompanhamento de tudo o que acontece”, relacionou Samek, acrescentando que a Itaipu tem feito um grande esforço para manter o setor atualizado. Ele citou convênios com a Unioeste e a fábrica de software livre no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), entre outras iniciativas. “Estamos muito próximos do que quer a Eletrobras, para termos uma visão unificada de todas as empresas que compõem a holding”.

No seu discurso de boas-vindas, Marco Antônio Rodrigues da Cunha avaliou que o pacote anunciado pelo governo federal expandiu a agenda de trabalho dos profissionais de TI. “As nossas empresas têm uma expectativa enorme com as soluções que virão a ser arquitetadas para o desafio das medidas provisórias”, disse ele. “Porque os senhores serão chamados também a contribuir para esse processo”, salientou.

Troca de experiências

Coordenador do Comitê de TI da Fundação Coge, Paulo Roberto Nunes Mandarino destacou que o encontro tem um diferencial importante: é organizado por profissionais de TI, voltado para profissionais de TI, e tem na coordenação técnica pessoal que está na ativa das empresas do setor elétrico. Desde a primeira edição, já são 14 encontros anuais ininterruptos.

“Apesar de nós termos uma quantidade significativa de patrocinadores, que vão trazer novidades tecnológicas, o principal fator aqui é o nosso intercâmbio de experiências”, disse Mandarino. “Em um setor como o sistema elétrico brasileiro, com tal nível de integração, é importantíssimo que as áreas de TI troquem experiências, afinem suas tecnologias, de forma a viabilizar e a integrar [as empresas] cada vez melhor e de forma mais eficiente”.

Integrante do Conselho Curador da Fundação Coge, Margaret Groff lembrou que não é possível falar em melhoria de gestão e otimização de custos sem avaliar novas metodologias. “Quando nós introduzimos novos métodos, novas ferramentas de gestão, precisamos pensar em tecnologia. Nós não conseguimos introduzir uma melhoria na gestão da empresa se não pensarmos em novas tecnologias”, comentou.
O superintendente de Informática de Itaipu (SI.GG), Eliezer Fryszman, disse que a área de TI está em permanente evolução e que o encontro em Foz tem o mérito de discutir temas atuais, como o armazenamento de dados em nuvens virtuais, consumerização e governança. “Os próprios patrocinadores estão trazendo muitas novidades nessas áreas”, adiantou.

Itaipu
Fryszman destacou também a participação de Itaipu no encontro. Nesta terça-feira (2), às 15h, os colegas da Divisão de Sistemas 1 (SID1.GG) Cezar Monteiro Pirajá Neto e Everton Schonardie Pasqual apresentarão o trabalho “Arquitetura de Desenvolvimento Livre”. “Esse evento tem tudo para ser um sucesso. E o fato de estarmos próximos de casa nos ajuda a compartilhar de forma mais intensa

Tags,

Solução da Acom Sistemas facilita planejamento, execução e controle de projetos

A Intercompany é uma empresa especializada em soluções de infraestrutura em tecnologia da informação. Com mais de uma década de entrega de projetos e serviços ( geralmente de grande porte e complexos), concluiu ser imprescindível utilizar uma ferramenta para acompanhamento dos projetos conduzidos. Precisava monitorar horas previstas versus realizadas, lançamento das horas e despesas via web e, principalmente, acompanhar a rentabilidade. Alcançou os resultados desejados ao utilizar o iplanner da Acom Sistemas, solução totalmente desenvolvida em plataforma web, para auxiliar no planejamento, na execução e no controle de projetos.

A diretora da Acom Ana Rita Oliveira e o gerente de projetos Sérgio Braga Pirez trabalharam no plano para adequar as práticas da equipe da Intercompany ao padrão e melhores práticas indicados pelo PMI (Project Management Institute ). Entre os resultados obtidos , houve redução de ocorrências de retrabalho, melhoria da comunicação com a equipe e com o cliente e redução de conflitos na entrega de itens , garantindo satisfação do cliente e aumento de rentabilidade.

Roberto Britto, diretor da Intercompany, destaca os avanços alcançados : ” O resultado permitiu termos todos os pontos em questão atendidos, alem de um completo set de funcionalidades relacionadas ao gerenciamento dos Projetos. Durante o processo de implantação do iplanner, percebemos a necessidade de revisar alguns processos internos e conseguimos o apoio necessário da Acom Sistemas através da contratação de uma consultoria de um Gerente de Projeto PMP. Esta consultoria foi de extrema importância para o resultado final desejado e nos consideramos bastante satisfeitos com as contratacoes realizadas: produto e consultoria “

Tags, , , , , , , , ,

Rafael Greca visita APL e Parque de Software

O candidato a prefeito de Curitiba Rafael Greca visitou, nesta semana, o Parque de Software de Curitiba e também participou da reunião de governança do Arranjo Produtivo Local de Software. Greca lembrou a empresários e colaboradores das empresas que o Parque de Software foi criado em sua gestão como prefeito da cidade. E que acredita no fortalecimento do setor tecnológico de Curitiba com incentivos fiscais e melhoria da infraestrutura da região do Parque. Acompanhe depoimento em vídeo:

Tags,

BXBmaster da Solusoft ajuda empresa a “enxergar melhor” o próprio negócio

A Embrapol é uma empresa especializa em serviços, produtos e soluções completas para óticas. No ramo em que atua, é importante tomar decisões rapidamente com base em relatórios gerenciais. O diretor da Embrapol Nilo Ferreira Júnior diz que a empresa analisa e cruza informações de formas diferentes como carteiras de vendedores com diferenças de produtos, tratamento, material, serviços, regiões. E para isso , utiliza o BXBmaster, ferramenta de Business Intelligence da Solusoft Informática.

Nilo destaca a simplicidade, o baixo custo e a eficiência do BXBmaster. “É direto ao ponto, não precisamos de treinamento especial, não pagamos por mais do que precisamos. Do momento da instalação ao uso, deu menos de uma semana”. Nilo também ressalta que é muito importante o fato de não precisar do apoio da área de TI da empresa para utilizar a ferramenta. “ Muitas vezes, eu resolvo tudo sozinho. E a equipe de venda também consegue isso. Há relatórios em que eles entram, olham e resolvem de uma forma simples e direta”.

O BXBmaster também solucionou problemas antigos que dificultavam a produção e a análise de relatórios. Nilo Ferreira Júnior conta que a empresa trabalhava com outro software que saiu do mercado. O banco de dados evoluiu e houve uma desconexão das ferramentas de gestão. Aí, começaram as dificuldades na hora de extrair dados, aumentando a dependência do apoio da equipe interna de TI para solução de problemas. Relatórios que precisavam sair na hora ou, no máximo, em um dia, acabavam não ficando prontos para tomada de decisões urgentes. “O BXB facilitou muito isso, concluiu o empresário. Acompanhe depoimento em vídeo:

Tags, , , , , , ,