ABComm projeta crescimento de 18% no fim de ano

ABComm projeta crescimento de 18% no fim de ano

Levantamento da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) estima faturamento de R$ 16,6 bilhões para lojas virtuais entre 15 de novembro e 24 de dezembro de 2021

O ano de 2021 reforçou a importância do comércio eletrônico brasileiro e deve trazer um novo impacto positivo, após a Black Friday, para as tradicionais compras de fim de ano. É o que mostram as expectativas da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

No total, as lojas virtuais do país devem movimentar R$ 16,6 bilhões entre os dias 15 de novembro e 24 de dezembro, véspera de Natal, com um total de 37,5 milhões de pedidos. O desempenho representa um crescimento de 18% em relação ao resultado de 2020. O tíquete médio deve ficar em torno de R$ 445, com destaque para as categorias “informática”, “celulares”, “eletrônicos”, “brinquedos” e “moda e acessórios”.

“As compras por canais digitais trazem inúmeras vantagens aos consumidores, que se preparam para aproveitar os descontos oferecidos pelas lojas nesses períodos de maior demanda. O combo Black Friday e fim de ano, portanto, representa o período mais importante para o setor”, explica Mauricio Salvador, presidente da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico.

Comments are closed