Com R$ 160 milhões de investimento, Ascenty inicia operação de dois data centers, um no Rio de Janeiro e outro em Hortolândia

Com R$ 160 milhões de investimento, Ascenty inicia operação de dois data centers, um no Rio de Janeiro e outro em Hortolândia

Data center Ascenty – Hortolândia 4

A Ascenty, empresa líder no mercado de data centers na América Latina, anuncia mais dois data centers em operação ao seu conjunto de infraestruturas. As inaugurações são da segunda unidade no campus da companhia no Rio de Janeiro, com 3.000 m² de área e 3 MW de potência, e da quarta em Hortolândia (SP), com 2.000 m² e 3 MW. Os novos data centers somam investimento total de R$ 160 milhões.

Com as novidades, a Ascenty passa, agora, a ter 19 data centers em operação e oito em construção, totalizando 27 unidades no Brasil, Chile e México.

Os quatro empreendimentos de Hortolândia formam, agora, um complexo que contempla 13.000 m² de área e uma potência total de 23 MW. Já o do Rio de Janeiro soma 10.000 m² de área e uma potência total de 13 MW em duas unidades.

Em linha com o padrão de excelência global de conectividade de todos os data centers da Ascenty, tanto Rio de Janeiro como Hortolândia recebem a rede de fibra ótica da própria Ascenty, mas por serem carrier neutral (rede neutra), também recebem as mais importantes empresas de conectividade do país.

O campus carioca está conectado à estação de cabo submarino em funcionamento no Rio de Janeiro, enquanto o paulista está ligado à estação da Praia Grande (SP) e a todos os principais pontos de interconexão. Essa conectividade direta melhora a latência e a qualidade de transmissão dos dados entre países e continentes.

Quanto à segurança, todos os ambientes de cada complexo são monitorados por mais de 400 câmeras com detecção de movimento. Além disso, os espaços contam com equipe própria presente 24 horas, 7 dias por semana, com acesso individual por biometria e cartão magnético.

Já o sistema de refrigeração Rapid Restore, com circulação de água gelada em chillers a ar, assegura a alta capacidade de controle de temperatura dos equipamentos. Ainda assim, as unidades são equipadas com dispositivo de detecção de incêndio com monitoramento de partículas de ar.

Para o funcionamento ininterrupto dos data centers, a energia é 100% de fontes renováveis negociada no mercado livre de forma incentivada. Cada campus conta com subestação própria redundante, e do ponto de vista de engenharia, trabalham no sistema Tri-bus, ou seja, três linhas de energia abastecendo cada módulo e sistema auxiliar de geração a diesel com autonomia de 48 horas sem reabastecimento.

“A cidade do Rio de Janeiro representa a segunda maior economia do Brasil e, portanto, essa inauguração amplia ainda mais nossa capacidade de atender a demanda crescente por investimentos de várias empresas nacionais e do exterior na região”, afirma Roberto Rio Branco, VP de Marketing e Relações Institucionais da Ascenty. “Em relação à Hortolândia, trata-se de provermos uma estrutura robusta para um importante polo industrial e tecnológico, com localização geográfica estratégica em um mercado que está aquecido para a terceirização da infraestrutura de data centers, bem como para ambientes híbridos”, acrescenta.

Ambas as unidades já nascem com as certificações de gestão ISOs 14001, 27001, 37001 e 50001, e até o fim do mês de dezembro, também terão a TÜV TR3, que atesta a maior disponibilidade do mercado e assegura segurança e eficiência para a continuidade de negócios dos clientes. Esse é o padrão de conformidade de todos os data centers da Ascenty.

Data center Ascenty – Rio de Janeiro 2

Comments are closed