2ª edição do programa de aceleração de startups da Sodexo abre inscrições

2ª edição do programa de aceleração de startups da Sodexo abre inscrições

Desde 2019, com o lançamento do programa Sodexo Accelerator no Brasil, a Sodexo On-site, líder mundial em serviços de alimentação e facilities que proporcionam qualidade de vida e bem-estar para milhões de pessoas todos os dias, tem intensificado seus investimentos no ecossistema de startups brasileiro com o objetivo de apoiar iniciativas inovadoras que desejam fazer história mundo afora.

Após o sucesso da primeira edição, na qual a empresa recebeu mais de 190 inscrições, sendo sete startups selecionadas para participar do programa, o Sodexo Accelerator abre inscrições para sua 2ª edição até o dia 05 de dezembro. O programa, que terá duração de quatro meses, selecionará startups para a próxima mentoria com executivos da empresa e especialistas da aceleradora corporativa Liga Ventures. O objetivo principal da iniciativa é fazer conexões entre as startups participantes e as áreas de negócio da Sodexo On-site Brasil, gerando interações e oportunidades para os jovens empreendedores, além de buscar soluções para os desafios enfrentados no dia a dia da empresa e clientes. Para isso, o programa busca startups com sinergia com a temática de soluções em Facilities Management.

“A continuidade desse programa é muito importante tanto para promover novos negócios e trazer ainda mais inovação para a companhia, como para incentivar o empreendedorismo e a inovação de startups brasileiras e assim trazer mais e melhores soluções para o mercado. Além disso, acreditamos que esse tipo de iniciativa proporciona oportunidades para novos talentos e contribui para o crescimento, visibilidade e expansão de novas ideias e projetos”, afirma Tomaz Peeters, Diretor de Marketing, Estratégia e Relacionamento com Clientes de Serviços Corporativos da Sodexo On-site.

Ainda segundo o executivo, a iniciativa reforça o compromisso que a companhia tem em investir no desenvolvimento de soluções que contribuem na geração de ganhos de eficiência e geração de valor nas atividades non-core de clientes e em fortalecer sua presença no mercado brasileiro. “Essa conexão nos permite maior agilidade nos processos ao mesmo tempo em que as startups têm a oportunidade de testarem e validarem suas soluções dentro da cultura de uma empresa multinacional”, conclui Tomaz.

É o que aconteceu com Alfred Delivery, uma das startups participantes da 1ª edição. Fundada em 2017, na cidade do interior paulista Ribeirão Preto, pelo engenheiro eletricista Myrko Micali, a ideia da startup nasceu após uma necessidade pessoal de uma alimentação balanceada também no delivery, que tradicionalmente tem mais ofertas de comidas fast food, principalmente em cidades menores. A plataforma oferece delivery de supermercado, farmácia, restaurantes, e com a ferramenta “peça o que quiser” o cliente consegue escolher o que precisa e a entrega é realizada em até uma hora. Além disso, tem a opção de delivery para as empresas “Alfred Empresarial”.

“Para nós foi um divisor de águas participar do Sodexo Accelerator. A experiência nos conectou com uma grande empresa do setor de food, no qual estamos inseridos, que nos abriu portas de processos e expertises de áreas que nem imaginávamos principalmente na questão de saber a maturação de uma empresa como a nossa. Foi um casamento de expectativas muito bom”, afirma Myrko Micali, CEO da Alfred Delivery.

E a mentoria virou uma parceria que rendeu frutos para ambos. Atualmente a empresa, que está presente nas 5 regiões do Brasil com crescimento mensal médio de mais de 40%, mantém-se conectada à Sodexo em projeto piloto.

Comments are closed