Conecta SP: Huawei apresenta inovações do 5G no Palácio dos Bandeirantes

Conecta SP: Huawei apresenta inovações do 5G no Palácio dos Bandeirantes

Nesta terça-feira, o Governador João Doria anunciou, no Palácio dos Bandeirantes, o Programa Conecta SP para agilizar a chegada da cobertura 5G a todos os 645 municípios paulistas. A Huawei, líder global em tecnologia da informação e comunicação, esteve presente apresentando como a quinta geração de rede de telecomunicação irá impactar setores-chave da economia como: agricultura, indústria, portos, mobilidade urbana e entretenimento.

A iniciativa estadual conta com investimento de R$ 3 milhões para incentivar os gestores municipais a modernizar legislações locais de antenas para a nova tecnologia. Nesta primeira fase, a principal meta do Conecta SP é estimular a modernização das legislações municipais, aspecto considerado fundamental para a rápida implantação do 5G.

Durante o evento, prefeitos e vereadores conheceram detalhes da proposta e também terão apoio técnico do Estado para atualização de leis locais de antenas. Os convidados também puderam conhecer na prática como o 5G irá revolucionar o dia a dia das cidades e desenvolver as indústrias locais.

A multinacional Huawei Brasil apresentou para os visitantes alguns estudos de caso nacionais e internacionais. “No nosso Centro de Distribuição, em Sorocaba, trouxemos mais segurança e eficiência com o uso de Veículos Autoguiados (AGV). No campo, estamos usando IoT e AI, para monitorar o comportamento animal e as lavouras, otimizando o uso de defensivos e tornando as práticas no campo mais sustentáveis”, explica Carlos Lauria, diretor de Assuntos Regulatórios da Huawei.

Com os dados trafegando de forma mais rápida, será possível automatizar a logística de portos, aeroportos e melhorar a mobilidade urbana. Segundo executivo da Huawei, o 5G permitirá a criação de um ecossistema inteligente que vai desde a rotina nas cidades, até novas experiências de entretenimento cada vez mais imersivos.

Associações do setor de telecomunicações preveem a necessidade de investimentos iniciais de R$ 4 bilhões em infraestrutura apenas em São Paulo para atender a requisitos da nova tecnologia de internet nos próximos anos. Ao todo, esse mercado deve movimentar R$ 266 bilhões em todo o estado em médio prazo.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, em parceria com a InvestSP (Agência Paulista de Promoção de Investimentos e Competitividade), também irá cooperar com Prefeituras e Câmaras Municipais para o alinhamento das legislações locais a marcos legais e regulatórios para infraestrutura de telecomunicações.

Comments are closed