Número de jovens investidores na Bolsa cresce 48%, diz Easynvest by Nubank

Número de jovens investidores na Bolsa cresce 48%, diz Easynvest by Nubank

O número de jovens que se preocupam com a saúde financeira e buscam começar a investir aumentou no Brasil, em meio a pandemia causada pelo coronavírus (covid-19) e o maior acesso à informação e conteúdos educativos nas redes sociais e outras plataformas. Segundo o levantamento exclusivo realizado pela Easynvest by Nubank, o número de investidores na faixa etária de 18 a 24 anos aumentou cerca de 48% no último ano.

Para os jovens dessa faixa etária, a chegada da pandemia e a oferta de conteúdos online sobre educação financeira influenciam positivamente na busca por novos investimentos. Não à toa, o número desses jovens investidores já representa cerca de 12% do total, segundo o levantamento.

“É um dado extremamente positivo para a educação financeira no Brasil, que mostra que os jovens estão ligados na importância do saber lidar com o dinheiro. Investimento e a cultura de poupar são hábitos, é o mesmo que ir para academia ou acordar cedo para ir à aula. Quanto antes você começar, melhor”,  disse Fábio Macedo, diretor comercial da Easynvest by Nubank.

Dentre as opções de investimento, os jovens de 18 a 24 anos também preferem alocar seus recursos em ações (28% do total), CDBs (18%), e Fundos Imobiliários (9%). Além disso, investidores jovens que estão no Tesouro Direto passaram de 5,9% para 12,9%.

“Com mais disposição para buscar resultados de longo prazo, os jovens podem optar por investir em ativos mais voláteis, como as ações, por exemplo. Assim, o conhecimento agregado ao fator tempo pode trazer resultados muito positivos à construção do patrimônio”, afirmou Macedo.

Comments are closed