Mercado Livre dobra infraestrutura logística no Brasil com anúncio de novos CDs Full em SP e BH

Mercado Livre dobra infraestrutura logística no Brasil com anúncio de novos CDs Full em SP e BH

Em mais uma etapa do plano de expansão de sua malha logística, o Mercado Livre – líder em tecnologia para e-commerce e serviços financeiros na América Latina – anuncia a inauguração de dois novos centros de distribuição (CD) Fulfillment (Full) no Brasil: um em Franco da Rocha (SP), que começa a operar ainda este ano, e outro na região metropolitana de Belo Horizonte (MG), que será implementado em 2022, e de mais 26 Service Centers espalhados pelo Brasil, ainda em 2021. A companhia comunica também que colocou em funcionamento os já anunciados CDs de Governador Celso Ramos (SC), Cajamar (SP) – o terceiro na cidade paulista – e de Extrema (MG), ambos inaugurados no último mês de julho.

Com as novidades e a marca de nove CDs Full no Brasil, o Mercado Livre passa a contar com uma infraestrutura logística superior a 1,2 milhão m², sendo 72% deles (875 mil m²) de operações Fulfillment – em que a empresa é responsável por todo o processo logístico dos seus vendedores, desde o estoque até a entrega ao consumidor final. Com esta estrutura, a companhia amplia as suas entregas em até 1 dia para 2,1 mil cidades do Brasil, além de aumentar consideravelmente sua potência logística e a capacidade de entregas rápidas e no mesmo dia para mais localidades do país.

A força do FULL

Os oito centros Fulfillment do Mercado Livre já operam nas modalidades de entregas rápidas. Em média, a participação de entregas rápidas dentre todos os envios a partir das unidades Full está assim distribuída atualmente:

• Até 1 dia: 2,1 mil cidades, alcançando 75% das entregas

• No mesmo dia: 50 cidades, cujos CEPs cobrem 20% das vendas do Mercado Livre

• Até 2 dias: 4,7 mil cidades do Brasil, cobrindo 90% das entregas

As entregas no mesmo dia, iniciadas em junho no Brasil, alcançam os usuários das regiões metropolitanas de São Paulo (SP), Florianópolis (SC) e Salvador (BA) para compras de produtos selecionados como Full na plataforma e realizadas até às 11h. Até o final do ano, a empresa planeja estender o prazo para compras para até às 13h.

Além de ampliar a operação Full no Brasil, o plano para acelerar ainda mais as entregas do Mercado Livre incluirá também 17 Cross Dockings, mais de 100 Services Centers e 3 mil Agências Mercado Livre. Já a malha logística própria da companhia conta com uma frota de veículos robusta composta, inclusive, por 51 carros elétricos, 260 caminhões, 10 mil vans, 4 aviões e 8 carretas movidas a gás – até o final de 2021, serão 46 carretas sustentáveis em circulação no país.

“O nosso propósito de democratizar o comércio se aplica também às entregas. Com essa movimentação, além de fomentar a economia nacional, aumentamos muito a capilaridade no país inteiro, cumprindo com a promessa de realizar as entregas mais rápidas do Brasil. Por entendermos que, além do sortimento de produtos e do preço do frete, o prazo curto e preciso das entregas são fatores importantes para os usuários, estamos replicando a nossa tecnologia de entregas no mesmo dia para novas regiões brasileiras, como Minas Gerais”, explica Leandro Bassoi, VP de logística do Mercado Livre para a América Latina.

Segundo o executivo, a companhia desenvolve tecnologias e soluções internamente para entregar o maior número possível de produtos para o Brasil inteiro, reforçando a missão da companhia de democratizar as entregas.

BALANÇO

No segundo trimestre de 2021, o Mercado Envios enviou mais de 230,5 milhões de itens, um aumento de 46,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. No Brasil, a penetração da rede logística encerrou o segundo trimestre com 86% do total das entregas no período. Em uma base consolidada, o serviço Fullfilment de Mercado Envios já atingiu 29% de penetração no Brasil, versus 27% dos três primeiros meses de 2021.

Comments are closed