Plataforma de mentorias gratuitas conecta mentores voluntários a microempreendedores que precisam de orientação nos negócios

Plataforma de mentorias gratuitas conecta mentores voluntários a microempreendedores que precisam de orientação nos negócios

Conforme relatório elaborado pela Global Entrepreneurship Monitor (GEM), divulgado em junho pelo Sebrae, no Brasil, o total de micro e pequenos empreendedores com negócios ativos há pelo menos três anos e meio caiu de 22,3 milhões, em 2019, para 12 milhões no ano passado. Uma redução de quase metade do número de pequenos negócios do país causada pela crise da pandemia.

Diante desse cenário, iniciativas que apoiam microempreendedores na gestão de seus negócios são essenciais para evitar o encerramento das atividades, como é o caso da plataforma e do programa Guru de Negócios, desenvolvidos pela Aliança Empreendedora. A organização capacita e apoia gratuitamente microempreendedores formais e informais em comunidades e periferias de todo o país, e possui uma experiência de oito anos em desenvolvimento de programas de mentorias para microempreendedores, tendo apoiado mais de 500 micro e pequenos negócios com cerca de 6 mil horas dedicadas de mentorias ao longo desses anos.

A plataforma e o programa Guru de Negócios oferecem uma troca de experiências entre empreendedores e mentores com vasta experiência no mercado de trabalho e de diversas áreas ligadas ao dia a dia do negócio de quem empreende como, gestão financeira, vendas, marketing, comunicação, gestão de equipes, dentre outras.

Os interessados em ser mentores voluntários ou receberem uma mentoria de seis meses por meio do programa Guru de Negócios devem acessar o site gurudenegocios.org.br e realizar o cadastro. Na plataforma, é feita uma análise de perfis, com informações coletadas no momento do cadastro tanto por parte do empreendedor como por parte dos mentores. No momento do cadastro, o empreendedor pode incluir suas preferências e habilidades de forma a moldar o seu perfil para que o Guru possa lhe indicar os mentores mais adequados conforme suas experiências e conhecimentos.​

Antes de iniciar a mentoria, os mentores voluntários passam pelo treinamento “Preparação para ser um mentor”, composto por vídeos que abordam os temas: “Aliança Empreendedora e Teoria do Effectuation”, “O que é mentoria”, “O papel do mentor”, “Etapas da mentoria”, “Desafios da mentoria”, “Dicas e técnicas de facilitação” e “Dicas para mentoria durante período Covid-19”. Os encontros de mentoria podem acontecer via chamada telefônica ou plataformas online (Meet, Skype, Zoom, etc.).

Atualmente, a plataforma conta com mais de 600 microempreendedores cadastrados e mais de 400 mentores cadastrados. “O meu mentor foi muito prestativo em me ajudar com minhas dificuldades de gestão, resultando em alavancagem nas vendas e melhor controle financeiro do meu negócio”, conta Julles Bitencourt, microempreendedor participante do programa.

Voluntariado Corporativo:

A plataforma Guru de Negócios também é uma oportunidade para a realização de programas de voluntariado corporativo. Com parcerias realizadas com organizações como Itaú, Acccenture e Serasa, o programa tem como objetivo engajar funcionários da empresa parceira a apoiar microempreendedores através da mentoria, compartilhando seu conhecimento profissional, oferecendo suporte na jornada e facilitando o desenvolvimento dos empreendedores. ​

“As empresas têm buscado cada vez mais o voluntariado para potencializar seu impacto em diferentes camadas dos problemas humanos, sociais e ambientais”, explica Lina Useche, diretora executiva e cofundadora da Aliança Empreendedora. “O Guru de Negócios é um programa de voluntariado corporativo que já vem estruturado para a empresa. Ao participar de programas como este, o colaborador tem a oportunidade de desenvolver habilidades e competências dentro da própria empresa, despertando liderança, aumentando criatividade, autoconhecimento, dentre outras coisas”, completa.

Comments are closed