Indtechs: programa de aceleração da Bluefields incentiva startups voltadas para a indústria

Indtechs: programa de aceleração da Bluefields incentiva startups voltadas para a indústria

Tendo a inovação aberta como foco, o programa gratuito está com inscrições abertas para startups de todo o Brasil

A troca de informação entre uma grande empresa e uma startup pode trazer novas ideias e ser um solo fértil para as Indtechs, nome referente às startups que inovam na indústria. O setor ainda é tímido no país, que, atualmente possui mais de 13 mil startups de diversos setores, dados da ABStartup (Associação Brasileira de Startups). Para incentivar os empreendedores que sonham em revolucionar a indústria através de soluções digitais, a Bluefields, aceleradora de negócios, criou um programa de aceleração com foco nas indtechs, foodtechs, heathtechs e agrotechs, o Biodigital Startups. O programa oferece: intercâmbio cultural entre startups e empresas, inovação aberta com possibilidade de POCs (Proof of Concept – é a evidência documentada de que um software pode ser bem-sucedido), negócios entre startups e corporações, e inovação cruzada, onde as companhias colaboram com a sua expertise para a startup iniciante.    

“As indtechs precisam da expertise das grandes empresas da indústria para crescerem, assim como as grandes empresas precisam da agilidade e inovação das startups para prosperarem e atraírem novos talentos e futuras parcerias. Um programa como o Biodigital Startups, com a participação de uma grande indústria, aproxima os empreendedores dos desafios reais da categoria e soluções são criadas. Nosso objetivo com o programa não é apenas inovar, mas revolucionar com ciência e tecnologia,” conclui Paulo Humaitá, CEO e fundador da Bluefields.

O programa Biodigital Startups consiste em 12 encontros onde serão aplicadas metodologias de desenvolvimento de negócio focadas na estruturação da startup, cujo conteúdo será disponibilizado 100% online, assim como todas as interações. Cada grupo de 10 startups selecionadas terão um Startup Partner, para acompanhar a evolução da startup, além de conectar com mentores e investidores.

Serão analisadas startups em estágio inicial de comercialização ou fase de tração. Os itens avaliados são: time e perfil dos sócios, aderência e potencial de negócio entre startups e empresas participantes, prontidão tecnológica e outros critérios técnicos.

A convergência Biodigital é um termo que tem sido usado recentemente no mercado e se refere a novos hábitos ligados à saúde, que geram desdobramentos no setor alimentício, e consequentemente, no agronegócio.

Biodigital Startups

Inscrições abertas e gratuitas até 31 de julho de 2021

Link para inscrição do empreendedor: https://www.bluefieldsdev.com/programas/biodigital/

Comments are closed