Fintech Zoop recebe novo aporte

Fintech Zoop recebe novo aporte

A Zoop, fintech líder em tecnologia para meios de pagamentos e serviços financeiros, recebe novo aporte da Movile, investidora estratégica de empresas como iFood, Sympla e PlayKids. Este é o terceiro investimento realizado pela Movile na Zoop desde 2018. O novo investimento, no valor total de R$ 170 milhões (US$ 34 milhões), inclui novos recursos primários injetados na Zoop e também a compra de ações de alguns investidores existentes da startup, como a Darwin Capital.

Os recursos aportados na Zoop serão utilizados na expansão das operações da fintech, que no ano de 2020 alcançou a marca de R$ 20 bilhões de reais processados, somente na vertical de pagamentos. Mesmo em um período marcado pelo início da pandemia da COVID-19, a Zoop registrou um crescimento de 150% nos negócios de 2019 para 2020. Este aumento foi impulsionado, principalmente, pela maior adoção das transações digitais e pela evolução do sistema financeiro brasileiro, com lançamentos como o PIX e o Open Banking.

“Com este aporte mais recente da Movile, faremos novos investimentos em tecnologia para o desenvolvimento de soluções para os nossos parceiros, que já somam 640. Pretendemos manter nosso ritmo acelerado de crescimento, acompanhando as novidades do mercado e oferecendo os melhores produtos e serviços para apoiar a expansão da tendência de ‘fintech as a service’ no país”, afirma Fabiano Cruz, CEO e cofundador da Zoop.

Da mesma forma, a Movile reforça seu compromisso de investir em fintechs para escalar essa vertical do seu ecossistema, setor que mais recebeu aportes nos últimos seis anos, de acordo com a LAVCA. “Como investidora estratégica, a Movile aposta no segmento de fintechs e, inclusive, criou uma divisão dedicada para cuidar desse assunto no time de Estratégia. Acreditamos que no futuro toda empresa será uma fintech, e a Zoop possibilita isso. Por isso, é o segmento que estamos fazendo mais investimentos e onde estamos mais ativos”, explica Patrick Hruby, CEO da Movile.

Uma das iniciativas mais recentes que reforçam essa estratégia é a criação da Conta Digital iFood, construída com tecnologia desenvolvida pela Zoop. Após sete meses de operação, o Banco dos Restaurantes já soma 150 mil contas digitais. Além disso, a Zoop também apoiou o iFood para inclusão do PIX como forma de pagamento no aplicativo. Desde maio, os restaurantes de todo o país cadastrados no iFood passaram a aceitar o pagamento via PIX dentro da plataforma.

Banking as a Service

Diferentemente da maior parte dos bancos digitais brasileiros, que têm as pessoas físicas como público-alvo, a Zoop amplia o número de novos clientes por meio de parceiros de grande porte. Essas empresas encontram na plataforma de Banking as a Service white-label da fintech, que já possui toda a estrutura tecnológica e regulatória para custodiar contas digitais, a oportunidade de lançarem bancos digitais com suas próprias marcas. Com este modelo, a expectativa da empresa é chegar a 1 milhão de contas até o fim do ano.

“Temos um modelo de negócios pioneiro no país, com a tecnologia de banking as a service e white label. Por meio de nossa plataforma completa e em dia com todas as regulamentações brasileiras, empresas de qualquer segmento podem oferecer serviços financeiros seguros e de qualidade para seus clientes, que geralmente são outras empresas e pequenos negócios” complementa o CEO da Zoop.

Comments are closed