Ocyan Waves realiza Pitch Day com startups

Ocyan Waves realiza Pitch Day com startups

Após análise de 150 startups interessadas em participar do programa de inovação Ocyan Waves Challenge, 18 delas foram selecionadas para a segunda fase, chamada de Pitch Day. O programa atraiu startups de dez estados brasileiros, de todas as regiões do país. 

Esta etapa aconteceu na última sexta-feira, dia 11, novamente em formato virtual devido à pandemia e ao distanciamento social. Neste dia, os participantes apresentaram aos times de cada projeto mais detalhes das soluções propostas para os desafios operacionais definidos pela Ocyan. Cada desafio ouviu três startups, que tiveram sete minutos para as apresentações, cada uma.

“O Pitch Day é muito importante porque permite uma interação maior entre as startups e a Ocyan. É o momento em que as equipes das áreas que precisam das soluções têm para fazer o primeiro contato com os empreendedores, esclarecer dúvidas e avaliar as propostas. Este é um dos primeiros passos rumo a construção de uma parceria e criação de uma relação futura entre as empresas”, explica Patrícia Grabowsky, gerente de Inovação da Ocyan.

As startups selecionadas têm expertise em diferentes segmentos e não apenas no setor de óleo e gás. “As pré-selecionadas vêm de seis estados diferentes, demostrando que a virtualização das fases do programa, acelerada pela pandemia, facilitou ainda mais o engajamento de startups de outros estados, que tem aumentado da primeira edição em diante. Tem sido uma boa experiência para nós encontrar empreendedores de alto nível por todo o Brasil”, avalia Patrícia.

Entre as startups selecionadas para participar do Pitch Day, Altave, BR Hommed, Confirm8, GLR Tech, DR TIS e VR Glass são de São Paulo. A DR1, Eyllo e a Pix Force são do Rio de Janeiro. A Instor e Optix, do Rio Grande do Sul. Das 18 startups, cinco são do Paraná: a Vidya, Goepik, LZ Energia, Quality Storm e Tau Flow. A Ledcorp é de Minas Gerais e a Mogai, do Espírito Santo.

Este ano, os desafios foram focados, sobretudo, em questões específicas de fases técnicas da operação da Ocyan. Foram eles: “Redução do consumo de diesel e emissão de gases dos moto-geradores”, “Aumento da produtividade e redução da digitação no levantamento de campo”, “Redução no número de consultas de exames periódicos presenciais na Base Macaé”, “Dificuldade na inspeção de Sistemas com Isolamento Térmico devido à necessidade de remoção”, “Inspeção inteligente de Drops (Risco de Quedas de Equipamentos)” e “Acesso à informação documentada atualizada na área operacional”.

As startups que forem selecionadas após o pitch day avançam para a etapa de Imersão, e a partir daí, aquelas com maior aderência aos desafios da empresa seguem adiante até o projeto piloto, quando as soluções começam a ser testadas internamente. Por fim, as startups aprovadas após o projeto piloto passam a ser fornecedoras da companhia ou até parceiras de desenvolvimento de soluções ligadas a atividades adjacentes às áreas de atuação da Ocyan.

As possibilidades de relacionamento da Ocyan com as startups ficam sempre abertas. O cadastro no site ocyanwaves.com pode ser feito a qualquer momento, de acordo com a estrutura de macro temas apresentada: Segurança, Meio Ambiente, Eficiência Operacional, Digitalização e Transição Energética. A startup que tiver conexão com esses temas pode se cadastrar, apresentar sua solução e ser chamada para novas oportunidades.

Comments are closed