Vagas em TI superam crescimento de 2020 e aumentam 20% só no trimestre de 2021

Vagas em TI superam crescimento de 2020 e aumentam 20% só no trimestre de 2021

O Banco Nacional de Empregos – BNE realizou levantamento que aponta que as vagas de TI continuam em crescimento. Segundo o site de currículos, a área já vinha em crescimento há alguns anos, mas ganhou mais fôlego após a eclosão da pandemia. Na comparação de janeiro a setembro de 2019 com o mesmo período de 2020, a ampliação de oportunidades foi de 63%.

A tendência se mantém no início de 2021. No primeiro trimestre, o aumento foi de quase de 20% em relação ao mesmo período do ano passado. Foram 3.958 vagas somadas no trimestre do ano passado e 4.735 oportunidades neste ano.

Para o CEO do BNE, Marcelo de Abreu, a propensão é que a área de TI continue em expansão. “Com a pandemia, muitas profissões foram afetadas negativamente. Porém, algumas ocupações tiveram grande crescimento de vagas, como é o caso da área de TI, que espelha a mudança comportamental do empreendedor e do consumidor após os efeitos da Covid-19 no país”, comenta.

Os números

Em janeiro de 2021, o número de vagas na área foi quase 110% em relação ao mesmo período do ano anterior: 1.603 oportunidades contra 766. Em março, foram 1.633 contra 1.609. “Em março do ano passado, com o início da pandemia do Brasil, já se registrava aumento de vagas para os profissionais de TI”, explica Abreu. Além do aumento de vagas deste setor, as áreas de saúde, logística e construção civil também foram na contramão da crise.

“Devido aos esforços no combate à pandemia, houve crescimento de oportunidades para os profissionais na área da saúde. Além disso, os consumidores passaram a utilizar muito mais os serviços de delivery, internet e e-commerce, ou seja, áreas diretamente ligadas à tecnologia e à logística. Já o setor de construção civil cresceu por conta d a compra da casa própria facilitada , pois houve redução dos juros e a criação de linhas de financiamento nos bancos”, finaliza Abreu.

Comments are closed