Organizações mobilizam doações para ensinar empreendedorismo a jovens da rede pública

Organizações mobilizam doações para ensinar empreendedorismo a jovens da rede pública

A JA Brasil, uma das maiores organizações mundiais focada em impulsionar o futuro dos jovens, une forças com a StartSe, plataforma de conhecimento da nova economia, com o objetivo de mobilizar doações de pessoas físicas para realização do programa JA Startup. O curso, destinado a alunos da rede pública de ensino, é promovido pelas organizações e visa ajudar jovens de todo o país a transformarem ideias em negócios de impacto. A iniciativa tem como meta arrecadar R$100 mil para capacitar, de forma gratuita, mil estudantes. As pessoas que realizarem doações receberão descontos nos cursos da StartSe.

No último ano, por conta da pandemia de covid-19, todas as turmas do curso tiveram aulas de forma 100% online. Com a facilidade do digital, o programa ganhou escala e atingiu 3 mil jovens – número recorde da iniciativa. Tradicionalmente, são utilizados recursos provenientes de empresas parceiras para a promoção do JA Startup. Neste ano, os organizadores decidiram abrir novas turmas a partir das doações de pessoas físicas. O objetivo desta ação é ampliar o programa e alcançar um volume ainda maior de alunos em todo o Brasil, chegando à marca de 10 mil alunos formados ao final do ano.

Os interessados podem doar qualquer valor. Os organizadores ressaltam que, a cada R$100,00, um novo jovem pode participar do programa. Isso representa uma oportunidade para um estudante desenvolver seu potencial e, ainda, a chance de criar uma startup de impacto. Para contribuir, basta acessar o link da plataforma colabora: Doação JA Startup

“As pessoas que doarem vão ter a noção de quantos alunos estão ajudando a formar, a depender do valor contribuído. Estamos criando uma geração de empreendedores que, em um futuro próximo, irão não apenas se desenvolver, mas também contribuir para a economia e para o ecossistema de inovação do país”, diz Renata Tomazeli, head do programa JA Startup.

Empreendedorismo para jovens

Essa nova turma deverá iniciar o curso no segundo semestre deste ano. Poderão participar jovens de todo o Brasil, com idade entre 15 e 29 anos, e que estudam ou tenham se formado na rede pública de ensino de qualquer estado do país.

No decorrer do programa, os alunos serão apresentados a modernos conceitos de empreendedorismo, além de ferramentas e habilidades úteis na criação de modelos de negócios disruptivos. Os estudantes terão a oportunidade de tirar uma ideia de negócio do papel, compreendendo qual o seu impacto dentro de suas comunidades.

As aulas do programa serão ministradas ao vivo por profissionais da linha de frente da StartSe. São eles: Junior Borneli, CEO; Pedro Englert, sócio; e Cristiano Kruel, head de inovação. Como em outras edições, o programa deve contar com carga horária total de 5 horas semanais, com duração total de 1 mês.

Comments are closed