Veja as empresas que mais pagaram dividendos acima da Selic em 2020

João Beck, especialista em investimentos e sócio da BRA

Um levantamento feito pela plataforma Trademap publicado pelo Estadão mostrou quais são as ações que mais pagaram dividendos aos investidores até o momento neste ano. Das 45 que distribuíram parcela do lucro acima da Taxa Selic, 14 são empresas do setor financeiro, como o Banco Amazônia (BAZA3) e Santander (SANB4 e SANB3) e 12 do setor de energia, como a CESP – Companhia Energética de São Paulo e a COELCE – Companhia Energética do Ceará.

De acordo com João Beck, especialista em investimentos e sócio da BRA, um dos maiores escritórios de renda variável da XP Investimentos, as empresas têm duas escolhas: investir ou pagar dividendos. “As companhias que mais pagam dividendos normalmente são aquelas que já estão estabelecidas e que não precisam mais investir, como bancos, empresas do setor elétrico e seguradoras”, diz.

A empresa que aparece em primeiro lugar e que mais pagou dividendos foi a companhia de eletrodomésticos Whirlpool (WHRL4 e WHRL3), com quase R$ 1,5 bilhão distribuídos.

“Por conta da insegurança causada com a crise devido ao novo coronavírus, a empresa pode ter optado por não fazer novo investimento nesse cenário e optou por distribuir esses dividendos. Os juros baixos também ajudaram as pessoas a comprar eletrodomésticos”, comenta João.

Na terceira posição do ranking, ficou a Enauta Participações (ENAT3) do setor de óleo e gás, com R$ 303 milhões em dividendos. Segundo João Beck, a empresa fez um forte investimento em um dos poços de exploração na bacia de Santos entre 2018 e 2019 e agora colhe os frutos. “É um ponto mais fora de curva, porque a Enauta investiu bastante e agora está distribuindo dividendos”, afirma.

De acordo com o especialista, é preciso que o investidor seja cauteloso, pois nem sempre a empresa que paga mais dividendos é a mais rentável. “Essas empresas que pagam bons dividendos fazem transferência do capital que está na empresa para o acionista. O valor que é repassado ao acionista é descontado do preço da ação, precisa ter cuidado”, comenta.

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.