De entrega de pizza à festa de aniversário, conheça práticas de engajamento à distância entre gestores e equipes

Assinaturas de streaming, entregas de pizzas e flores, happy hour virtual e até mesmo, momentos com os pets. O processo, que para muitos foi o primeiro contato com o trabalho remoto, também tem proporcionado novas aprendizagens. Neste cenário, lideranças têm aplicado diversas técnicas de engajamento e motivação à distância, comprovando que é possível manter o bom funcionamento das operações até em momentos de isolamento social.

A Catho, adepta ao trabalho remoto há dois anos, tem vivenciado essas mudanças com mais intensidade nos últimos meses. Ainda que preparados para o momento, uma questão foi significativa: manter o engajamento e a motivação das equipes à distância.

“Entendemos que o ponto chave para manter uma boa operação está concentrado no colaborador. Na Catho, por exemplo, aplicamos algumas atividades como o café ou almoço virtual e happy hours semanais. Há ainda um tempo reservado para os pets, a família e até mesmo comemoração de aniversário. Já para celebrar metas, entregamos premiações que vão desde assinaturas de streaming à entrega de flores”, afirma Bianca Machado, gerente sênior da Catho.

Antes mesmo da pandemia, a empresa já adotava uma política que permitia o trabalho de casa até três vezes por semana para algumas equipes, enquantos outras já atuavam full remoto. Com as medidas de quarentena adotadas em todo país, a empresa realocou toda a empresa em casa rapidamente, inclusive a área de call center, com mais de 500 profissionais.

“Sabemos que o momento é delicado e todos estamos nos adaptando. A liderança deve estar atenta aos times. Cada profissional, além dos desafios de trabalho, tem sua particularidade, há aqueles que ficam totalmente isolados, outros que se dividem entre atividades domésticas e cuidados com as crianças. Um bom líder compreende essas particularidades e planeja suas entregas de uma forma que contemplem todas essas diferenças”, explica Patricia Suzuki, diretora de Gente e Gestão da Catho.

“Sabemos que o momento é delicado e todos estamos nos adaptando. A liderança deve estar atenta aos times. Cada profissional, além dos desafios de trabalho, tem sua particularidade, há aqueles que ficam totalmente isolados, outros que se dividem entre atividades domésticas e cuidados com as crianças. Um bom líder compreende essas particularidades e planeja suas entregas de uma forma que contemplem todas essas diferenças”, explica Patricia Suzuki, diretora de Gente e Gestão da Catho.

Abaixo, cinco práticas aplicadas por algumas equipes da Catho para manter proximidade e engajamento dos profissionais durante a quarentena:

Salas virtuais: a ferramenta permite momentos de interação com toda a equipe de trabalho ao longo do dia, se aproximando bastante do contato presencial, já que todos mantêm a convivência diária, porém, adaptada para o ambiente virtual. Na sala é possível conversar, compartilhar informações, tirar dúvidas, dentre outros.

Senhas de segurança: a técnica é utilizada como um alerta entre a equipe. Se por acaso, um profissional estiver sofrendo com uma crise de ansiedade em uma rotina de trabalho remoto, por exemplo, utilizando uma palavra-chave é possível avisar os demais colegas e gestores sobre o momento, mobilizando-os a darem o apoio necessário ao profissional.

Momentos de interação fora do trabalho: Apesar da delicadeza deste período, estar em casa também garante algumas vantagens, como, por exemplo, estar próximo de familiares. Esse momentos também são ótimas ferramentas de engajamento e devem ser utilizados: #MomentoPet, em que os profissionais tiram um período do horário de trabalho para ficarem com seus bichinhos, #MomentoKids, para brincar e curtir os filhos, #MomentoFamília, para ter tempo de qualidade com todos aqueles que convivem na casa.

Premiações à distância: Metas conquistadas, boa produtividade e celebrações em equipe merecem ser premiadas com criatividade. Pode ser desde a entrega de comida via delivery, a assinatura de uma plataforma de streaming ou até mesmo um buquê de flores. Existem vários recursos simples e que estão facilmente ao alcance e que agregam e muito para motivar os profissionais.

Ginástica Laboral: Série de vídeos on-line no qual os colaboradores podem realizar as atividades ao menos duas vezes por semana.

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.