WEG atualiza parque tecnológico com IBM para potencializar expansão internacional

WEG atualiza parque tecnológico com IBM para potencializar expansão internacional

A IBM se tornou a nova empresa fornecedora de soluções de tecnologia, como data centers, servidores e multi-cloud, da WEG, multinacional brasileira especializada na fabricação e comercialização de motores elétricos, transformadores, geradores, automação industrial e tintas. Com isso, a Big Blue terá a missão de ajudar a WEG em seu processo de transformação digital, o que resultará em melhorias de processos e performance.

A partir das mudanças, a nova infraestrutura vai permitir a modernização das aplicações da empresa e sua integração com outros ambientes de cloud multi-híbrida. Este é mais um importante passo no aumento de capacidade e escalabilidade de seu processamento. “Isso é fundamental para criação de novos produtos com ainda mais tecnologias embarcadas, além de uma nova plataforma de negócios, conectando mais facilmente clientes e parceiros à WEG e, ao mesmo tempo, sua expansão internacional”, ressalta Paulo Vicari, gerente de Systems Servers da IBM Brasil.

Entre as tecnologias adotadas pela WEG para otimizar suas operações no País estão os servidores IBM Power System E980, IBM Storage Storwize V7000 e IBM FlashSystem 9150, que foram adquiridos pela empresa após 10 anos em outros sistemas. O servidor Power System E980 oferece capacidade de cloud privada e capacidade sob demanda para processadores e memória, enquanto o Storwize V700 aprimora a disponibilidade de aplicativos e a utilização de recursos. Já o IBM FlashSystem 9150 oferece capacidade intensiva de armazenamento multi-cloud orientada por dados.

“Havia a necessidade de consolidação e atualização da tecnologia, preparando a empresa para um mundo hibrido e alinhado à transformação no portfólio de negócios, além de viabilizar sua expansão internacional”, explica Vicari.

A implementação das novas tecnologias começou em dezembro de 2019, sendo essa a primeira fase do projeto da WEG em conjunto com a IBM, que desenvolveu um plano de modernização da infraestrutura de TI para os próximos anos alinhado com as estratégias de negócios.

Para Paulo Sergio dos Santos, Diretor de Tecnologia da Informação da WEG, um dos fatores determinantes para a adoção das tecnologias da IBM foi a abrangência do portfólio e a visão em relação ao futuro das tecnologias, mais especificamente em relação à cloud híbrida e ao universo open source. “Levamos em consideração a capacidade de realização e suporte da IBM, considerando a complexidade da WEG, que está em constante crescimento, com operações globais, mais de 30 mil funcionários e 16 mil usuários de TI”, explica.

Sobre as tecnologias
IBM Power System E980: O servidor IBM Power System E980 oferece sistema modular com até 192 núcleos POWER9 e até 64 TB de memória. O servidor oferece capacidade de cloud privada, virtualização líder no mercado e capacidade sob demanda para processadores e memória, com o objetivo de fornecer crescimento contínuo e sem interrupções e maior flexibilidade para diversos sistemas em uma cloud corporativa.

IBM Storwize V7000: Sistema de armazenamento em bloco, o Storwize V7000 combina componentes de hardware e software para oferecer um ponto único de controle e ajudar a sustentar uma maior eficiência de armazenamento. A tecnologia foi desenvolvida para aprimorar a disponibilidade de aplicativos e a utilização de recursos ao possibilitar virtualização, consolidação e camadas em empresas de todos os tamanhos. O IBM Storwize agora faz parte da família IBM FlashSystem.

IBM FlashSystem 9150: A tecnologia reúne o desempenho do flash e do Non-Volatile Memory Express (NVMe) com a confiabilidade e a inovação da tecnologia IBM FlashCore e os recursos avançados do IBM Spectrum Virtualize, tudo em um sistema de armazenamento de 2U. Fornecendo capacidade intensiva de armazenamento multi-cloud orientada por dados, o FlashSystem 9150 está profundamente integrado aos recursos definidos por software do IBM Spectrum Storage, permitindo incluir facilmente soluções multi-cloud.

Comments are closed