Sequoia expande operação no país com aquisição da TA - Transportadora Americana

Sequoia expande operação no país com aquisição da TA – Transportadora Americana

A Sequoia, um dos maiores operadores logísticos de e-commerce e tecnologia do país, está ampliando sua atuação nacional com a compra de 100% da TA-Transportadora Americana, que figura entre as líderes do setor de transporte fracionado de cargas, rodoviário expresso e aéreo, conhecido como B2B fracionado.

“Com essa nova aquisição, a terceira em menos de um ano, entramos de maneira mais relevante no segmento B2B fracionado e aéreo (LTL), completando todos os serviços de logística e distribuição para o mercado brasileiro de consumo e produto acabado. Já somos líderes em entregas B2C (last mile para consumidor) e agora reforçamos as operações de last mile para empresas e pontos de venda, com a possibilidade de maior integração das soluções para o omnichannel”, explica o fundador e presidente da Sequoia, Armando Marchesan Neto.

Nos últimos 4 anos, a Sequoia cresceu de forma relevante e com a aquisição da Transportadora Americana (TA), a mais longeva e tradicional empresa do segmento de fracionado, reconhecida pela qualidade e tecnologia de vanguarda, a estimativa de faturamento para este ano (2020) pode atingir R﹩ 1,2 bilhão.

Expansão e investimentos

A Sequoia nasceu focada no atendimento ao e-commerce e hoje presta serviços para diversos segmentos. Com DNA no comércio eletrônico, tem uma ênfase muito grande em tecnologia. Além do e-commerce, o grupo é líder no mercado de entrega de meios de pagamento (máquinas de POS). Com know how tecnológico, a companhia é responsável pela logística integrada das maquininhas, e o processo contempla desde armazenagem, instalação, troca, manutenção e logística reversa, com alto índice de desempenho de entrega no prazo e qualidade de atendimento.

A Sequoia também é conhecida pela flexibilidade e desenho de soluções inovadoras e de entregas rápidas, como é conhecido no mercado o “Same Day Delivery”, além de realizar operações dedicadas para entregas entre 4 a 6 horas após o pedido do cliente.

Nos anos de 2018 e 2019 a empresa investiu mais de R﹩ 200 milhões em capacidade, tecnologia e novas aquisições. Para 2020 novos investimentos estão programados e serão concentrados em tecnologia e automação.

Comments are closed