Infosys Brasil completa uma década e foca em inovação para crescer 30% no País

Infosys Brasil completa uma década e foca em inovação para crescer 30% no País

Quando iniciou sua operação no Brasil, em meados de 2009, a indiana Infosys tinha intenção de atender uma demanda de mercado para ofertar seus serviços às multinacionais que atuavam no país. “A decisão [de vir para o Brasil] ocorreu por uma oportunidade de fazer novos negócios que surgiram pelo reconhecimento da qualidade e excelência dos projetos implementados em todo o mundo, além das perspectivas de crescimento do mercado brasileiro”, explica Claudio Elsas, CEO da Infosys Brasil.

De acordo com o executivo, a aquisição da consultoria suíça Lodestone, oficializada em 2012, foi um grande divisor de águas para a companhia fortalecer sua estratégia de expansão em território nacional. “A partir daquele momento, a Infosys global olhou para a operação brasileira com a intenção de investir no que fosse necessário para alcançarmos metas mais ambiciosas”, afirma. Com a aquisição, foram incorporados os funcionários da Lodestone, além de uma carteira de mais de 200 clientes.

Na ocasião, a Infosys havia divulgado a meta de obter uma receita superior a US$ 1 bilhão com projetos de inovação e consultoria em tecnologia relacionada à desenvolvimento de softwares e metodologias ágeis. A companhia, que ultrapassou faturamento global de US$ 11 bilhões no último ano fiscal, prevê crescer 30% no Brasil nos próximos anos. Apesar da empresa não descartar futuras aquisições, Elsas explica que os esforços a curto prazo serão outros. “Nosso foco é ganhar velocidade”, revela o CEO.

Para o executivo, o momento é de acelerar os projetos e intensificar as ofertas para os clientes já atendidos. “Temos uma vantagem competitiva muito grande que é a nossa atuação global e a possibilidade de troca de experiências com profissionais de fora. Isso traz mais robustez para nossas entregas”, explica. Na visão de Elsas, essa abordagem mais consultiva somada a ampla oferta de soluções para todas as áreas contribui para o desenvolvimento de projetos que apoiam o amadurecimento tecnológico de grandes empresas desde o início de suas jornadas digitais.

Com um total de 750 funcionários, a Infosys Brasil possui escritórios em São Paulo, Araraquara (SP), Belo Horizonte (MG) e Rio de Janeiro. Entre os clientes da empresa estão multinacionais como Braskem, General Motors, Gerdau, Eurofarma, entre outras. A América Latina representa grande potencial para a companhia, que já abriu operação na Argentina, Chile, Peru e estuda a possibilidade de abrir um escritório na Colômbia.

Comments are closed