Empresários e empreendedores terão a oportunidade de imergir no ecossistema de Israel em missão organizada pela ABES e IBI-Tech

Empresários e empreendedores terão a oportunidade de imergir no ecossistema de Israel em missão organizada pela ABES e IBI-Tech

Após firmarem parceria em junho deste ano, a ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software) e a IBI-Tech, empresa israelense com filial no Brasil, estão organizando uma missão de negócios para Israel, entre 19 a 24 de abril de 2020, passando pelas cidades de Tel Aviv, Haifa e Jerusalém. Com o objetivo de oferecer aos empresários e empreendedores brasileiros o acesso e imersão no ecossistema de inovação e tecnologia israelense e incentivar parcerias entre empresas e startups dos dois países, a agenda da missão inclui visitas a companhias e hubs de inovação; encontros de alto padrão com representantes do governo, pesquisadores, executivos e investidores; e rodada de negócios com empreendedores das áreas de Indústria 4.0 e Iot, Agrotech e Smart Cities. As inscrições para a missão vão até o dia 15 de janeiro ou até esgotarem as vagas. Para mais informações, envie um email para: missão.israel@abes.org.br

Israel é atualmente considerado o segundo maior hub de inovação do mundo, atrás apenas do Vale do Silício, EUA, investindo cerca de 4,5% do PIB em Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) – em 2018, foram investidos mais de US$ 7,2 bilhões por fundos de venture capital no mercado local. Por oferecer condições especiais para empresas internacionais interessadas em investir na instalação de centros de pesquisa e desenvolvimento, Israel abriga mais de 400 centros de P&D multinacionais, sendo que grande parte destes investem ativamente em empreendimentos. Estima-se que o país tenha mais de seis mil startups ativas, mais de 500 delas na área de Agrotech e mais de 300 relacionadas a Smart Cities e Mobilidade.

“A ABES tem trabalhado cada vez mais seu reposicionamento no mercado de tecnologia, realizando parcerias e ações que auxiliem em seu objetivo de incentivar a internacionalização e formas de negócios inovadoras de empresas e startups brasileiras. Alinhada a este propósito está a ideia da missão para Israel, organizada em parceria com a IBI-Tech, uma vez que seu principal objetivo é estimular e transmitir aos empreendedores brasileiros o DNA israelense de disrupção e incentivar parcerias e projetos reais entre empresas e startups dos dois países”, explica Rodolfo Fücher, presidente da ABES.

Comments are closed