Volanty anuncia aporte de R$70 milhões liderado por SoftBank e Kaszek Ventures

A Volanty, primeiro marketplace digital de carros seminovos no Brasil, acaba de concluir uma nova rodada de financiamento e receber um aporte Series B no valor de R$ 70 milhões. O investimento, liderado pelo grupo japonês SoftBank e pela firma de venture capital Kaszek Ventures, contou também com a participação da monashees e Canary, que já haviam aportado na empresa.

A startup, que conecta compradores e vendedores de seminovos, nasceu no Rio de Janeiro em maio de 2017. A plataforma cresceu mais de 20 vezes desde então e planeja usar o investimento recebido para acelerar sua expansão nacional, com a abertura de novos centros de atendimento nas principais cidades e capitais do País (atualmente já são 9 unidades em São Paulo e 3 no Rio de Janeiro), bem como no desenvolvimento de novas tecnologias para melhorar a experiência de compra e venda dos carros.

“Usamos a tecnologia para conectar compradores e vendedores de forma eficiente, segura e conveniente, maximizando assim o valor de venda do carro. Eliminamos a burocracia e a parte chata de se vender ou comprar um carro usado já que fazemos todo o trabalho de precificar, fotografar, anunciar, negociar propostas e resolver a papelada da transferência do carro, que sai com 1 ano de garantia”, afirma Mauricio Feldman, cofundador e CEO da Volanty.

Apenas no ano passado, mais de 14 milhões de carros usados e seminovos foram vendidos no Brasil, de acordo com a Fenauto, a federação das revendedoras no País. O número ajuda a dar uma ideia do potencial de crescimento da Volanty no mercado nacional nos próximos anos. O desejo de Mauricio e seu sócio Antonio Avellar empreenderem surgiu quando eles estudavam nos Estados Unidos. Mauricio na Stanford University, na Califórnia, e Antonio na NYU, em Nova York.

Obstinados em resolver grandes problemas e com a certeza que queriam criar algo inovador, os dois empreendedores decidiram juntar forças em 2016. Aliando a experiência de Mauricio em marketplaces digitais e de Antonio no mercado de automóveis, eles fundaram a Volanty. “O mais importante para o nosso futuro é encontrarmos os melhores talentos do mundo que se encaixam à nossa cultura e investirmos em mantê-los felizes e desafiados. Boa parte desse aporte será usada na aquisição de novos colaboradores e desenvolvimento do time”, afirma Antonio. A Volanty possui 100 funcionários e está com vagas abertas e contratando.

“Procuramos por equipes ambiciosas que atuam em grandes mercados com tecnologia de verdade. Estamos entusiasmados com o fato de termos encontrado essa combinação na Volanty e esperamos ajudá-los a acelerar seu crescimento”, avalia Shu Nyatta, membro da equipe executiva do Softbank no Brasil.

Hernan Kazah, sócio da Kaszek Ventures conta que “decidimos investir na Volanty porque vemos a necessidade de proporcionar uma experiência muito melhor para compradores e vendedores de carros e acreditamos que a equipe e a tecnologia de Volanty vão dominar esse mercado”.

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.