• Translate to

    Arabic Arabic Chinese (Simplified) Chinese (Simplified) Dutch Dutch English English French French German German Italian Italian Portuguese Portuguese Russian Russian Spanish Spanish

Jericoacoara inicia transformação para ser a primeira cidade cashless do Brasil

WhatsAppFacebookLinkedInTwitterGoogle+EmailCompartilhar

Uma parceria entre a Elo – bandeira de cartões 100% brasileira que tem Banco do Brasil, Bradesco e CAIXA como acionistas – e a prefeitura de Jijoca de Jericoacoara (CE) vai transformar o distrito no primeiro município a adotar o conceito cashless, que estimula os comerciantes locais, a população e os visitantes a adotarem meios de pagamentos eletrônicos em vez de dinheiro.

A proposta é inédita no Brasil e teve como marco inicial evento realizado na última sexta-feira (30/11), quando os participantes tiveram a oportunidade de viver experiências de pagamento por meio de uma pulseira contactless nos estabelecimentos comerciais da cidade, sem a necessidade de utilizar cartão ou cédulas.

A cidade já é um Destino Elo, programa da bandeira brasileira que visa revitalizar e fortalecer comunidades turísticas regionais por meio de apoio a estabelecimentos comerciais e espaços públicos. Após a implementação do conceito cashless na cidade cearense, a proposta é que a medida se estenda aos demais Destinos Elo, como Barra Grande e Morro de São Paulo, na Bahia, Porto de Galinhas (PE), Circuito do Ouro (MG) Pirenópolis (GO) e Vale dos Vinhedos (RS).

“Com mais essa medida, queremos avançar no propósito de estimular e capacitar os comerciantes locais a aceitarem meios eletrônicos de pagamentos e, assim, fortalecer a economia local”, explica Luis Cassio Oliveira, diretor de Comunicação e Marketing da Elo.

O avanço da cidade rumo ao ambiente digital é um desdobramento do projeto Abrace Jeri, idealizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Meio Ambiente da cidade e pela Elo em 2017. O programa nasceu com o intuito de criar uma identidade para Jericoacoara, e assim integrar moradores nativos, comerciantes, empresários e turistas.

“Desde as primeiras conversas com a Elo, nossa ideia era criar em Jeri uma atmosfera que abraçasse o turista e fizesse uma conexão de todas as pessoas que moram e visitam a cidade”, explica Ricardo Gusso Wagner, secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Meio Ambiente de Jijoca de Jericoacoara. “A proposta ganhou força e evoluímos agora de forma tecnológica, com o pontapé inicial para tornar Jeri uma cidade totalmente cashless”, completa Wagner.

Além da participação da Elo e da Prefeitura de Jijoca de Jericoacoara, a implementação da cidade cashless é realizada em parceria com o programa Município Mais que Digital do Banco do Brasil, que tem o objetivo de fortalecer o comércio das cidades de pequeno porte, por meio do estímulo ao consumo de produtos e serviços na própria localidade onde o cidadão vive e trabalha.

Desenvolvido em parceria com as prefeituras, o projeto incentiva o uso de aplicativos no celular e meios de pagamento alternativos, como os cartões Ourocard na função crédito e débito, e já abrange 21 cidades localizadas nos Estados da Bahia, do Maranhão, da Paraíba e do Piauí.

“O Município Mais que Digital busca destacar todos os benefícios que o uso do cartão e outros meios eletrônicos de pagamento podem proporcionar, reduzindo o uso do dinheiro em espécie e gerando mais segurança, praticidade e modernidade para a população das cidades abrangidas pelo projeto. A soma de esforços do BB e Elo na implementação do conceito cashless em Jericoacoara será determinante para ampliar a ideia para mais praças, em linha com as tendências mundiais lideradas por países como China e Índia, que vêm adotando a redução da circulação do papel moeda como uma prática recorrente”, destaca Rogério Panca, diretor de Meios de Pagamento do Banco do Brasil.

322 Total Views 0 Views Today
Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.

  • CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO

    CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO