Portugal recebe 15 startups brasileiras para internacionalização

Portugal recebe 15 startups brasileiras para internacionalização

Na primeira semana de novembro, 15 startups brasileiras desembarcam em Lisboa para participar da 5ª edição do StartOut Brasil. A missão a Portugal ocorrerá entre os dias 11 e 16 de novembro, mas, nesta edição, as startups também terão a oportunidade de participar do WebSummit, a maior conferência de tecnologia do mundo, que acontece entre os dias 5 e 8 de novembro, em Lisboa.

No dia 6 de outubro, as empresas participaram do Warm Up, um evento de preparação para as duas semanas que passarão em Portugal. A agenda incluiu elevator pitch, palestra sobre o país europeu e suas condições para novos negócios, dicas para a internacionalização, treinamento de pitch, bate-papo com matchmaker e até conversa com um possível investidor.

“As reuniões do StartOut, em São Paulo, com as startups que participarão da imersão em Lisboa foram muito produtivas e foi possível identificar, de forma clara e concreta, as reais necessidades destas jovens empresas. Ao mesmo tempo, percebe-se que, em alguns casos, existe um bom match com o que as empresas portuguesas estão à procura”, comenta o matchmaker Bruno Mourão Martins, Program Manager da SBI, que esteve presente no Warm Up, em São Paulo.

Sobre o Ciclo Lisboa

O StartOut Brasil tem ganhado cada vez mais notoriedade justamente por atuar de ponta a ponta ao lado das startups participantes. Seu objetivo é oferecer gratuitamente um programa completo e robusto que compreenda todas as fases da internacionalização de uma empresa, promover conexões genuínas em ecossistemas de inovação com potencial para novos negócios e incentivar que startups brasileiras busquem, desde o início, o mercado global.

Durante a semana em Portugal, as empresas terão a oportunidade de conectar-se com alguns dos principais players locais e prospectar oportunidades de negócios. Nessa fase, os empreendedores passam por treinamento de pitch internacional; workshops; visitas a players importantes do ecossistema; apoio de matchmaker para agendamento de reuniões com potenciais parceiros; e possibilidade de apresentação do negócio para investidores (Demoday).

Comments are closed