Algar Telecom cria aplicativo para melhorar produtividade da força de vendas

Seguindo a estratégia de aprimorar a experiência dos clientes por meio da transformação digital, a Algar Telecom, empresa de telecomunicações do grupo Algar, criou um aplicativo específico para a força de vendas do segmento corporativo da companhia. Quase 200 consultores, espalhados pelas regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste do Brasil, passaram a ter mais agilidade no lançamento das vendas, facilidade na criação de propostas comerciais e mais autonomia na negociação.

Implantado em março deste ano, a solução é integrada ao sistema de Customer Relationship Management (CRM) da empresa, que foi reformulado após ser traçada a jornada do cliente B2B. O aplicativo foi desenvolvido internamente utilizando o React, tecnologia de user interface (UI) que permite a criação de produtos web e mobile em uma linguagem única (JavaScript), sem perder o desempenho. A criação incluiu ainda entrevistas com os consultores, técnicas de user experience e envolveu cerca de 30 associados – como são chamados os colaboradores.

A facilidade na prospecção foi um dos maiores ganhos com a utilização do aplicativo até o momento. Além da consulta da base de clientes, status da venda e gestão de leads (clientes potenciais), o consultor consegue fazer o mapeamento da rede de determinada região. “Essas medições da rede permitem verificar a viabilidade de abordagem a novos clientes de forma instantânea, sem necessidade de voltar ao escritório”, explicou Melissa Kfouri, diretora de Aplicação e Serviços da Algar Telecom.

Segundo a executiva, o foco do projeto foi facilitar o trabalho do consultor para, consequentemente, levar mais satisfação aos clientes. “O processo de pré-vendas de qualquer produto, por exemplo, incluía o envolvimento dos especialistas da engenharia de clientes. Estabelecemos alguns critérios de negócio para que vendas de baixa complexidade não tenham que depender desse backoffice”, explicou.

O aplicativo começou a ser usado pelo segmento corporativo e, em breve, será adotado também pela força de vendas dos outros segmentos (micro e pequenas empresas e varejo).

Adicionar aos favoritos o permalink.

Os comentários estão encerrados.