• Translate to

    Arabic Arabic Chinese (Simplified) Chinese (Simplified) Dutch Dutch English English French French German German Italian Italian Portuguese Portuguese Russian Russian Spanish Spanish

Facebook cria Estação Hack para formar talentos em tecnologia no Brasil

WhatsAppFacebookLinkedInTwitterGoogle+EmailCompartilhar

A Estação Hack será o primeiro centro para a inovação criado pelo Facebook no mundo. Projetada para o público brasileiro, a iniciativa vai promover a formação de talentos na área de tecnologia, capacitar empreendedores e acelerar startups de alto impacto social.

O projeto vai apoiar o desenvolvimento do ecossistema econômico e de tecnologia no Brasil, treinando jovens em programação, ajudando na criação de negócios inovadores e fornecendo recursos para os pequenos e médios empresários crescerem usando a economia digital a seu favor.

A Estação Hack deverá ser aberta até o fim deste ano e estará localizada no coração da cidade de São Paulo, a Avenida Paulista. O espaço será inteiramente pensado para promover o encontro de ideias, incorporando elementos do DNA do Facebook – conhecido como ‘cultura Hack’ -, com a premissa de que tudo está em permanente construção e pode ser aperfeiçoado de forma colaborativa.
O projeto vai abrigar sessões dos programas de empreendedorismo e de marketing digital do próprio Facebook, como o Impulsione Seu Negócio e o #ElaFazHistória. No total, serão oferecidas mais de 7.400 bolsas por ano nas áreas de programação, planejamento de carreira e gestão de empresas.

Os cursos e workshops são ministrados por parceiros com reconhecida atuação nessas áreas: MadCode, Mastertech, MadCode, Reprograma, Junior Achievement e Centro de Empreendedorismo e Negócios da FGV (GVcenn). Em outra frente, o Facebook e a Artemisia, organização sem fins lucrativos pioneira no fomento de negócios, vão comandar um programa de aceleração de startups com grande potencial de impacto social.

A Estação Hack em números:

– 3 salas de aula com 40 lugares cada

– 10 startups de impacto social aceleradas por semestre e 52 estações de trabalho

– 2.200 bolsas nos cursos de programação

– 1.400 bolsas nos workshops preparatórios para o mercado de trabalho destinadas a alunos do ensino médio da rede pública

– 1.200 bolsas nos workshops para empreendedores

– 2.000 bolsas de marketing digital para pequenos e médios empreendedores

– 600 bolsas para o Acampamento de Inovação destinado a adolescentes

Fonte: Facebook

589 Total Views 2 Views Today
Marcado .Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO

    CONHEÇA O CANAL DE VÍDEOS DO VALOR AGREGADO